Costa encomendou avaliação da sua popularidade após os incêndios (e respirou de alívio)

Mário Cruz / Lusa

-

O primeiro-ministro António Costa solicitou uma avaliação para perceber se o trágico incêndio de Pedrógão Grande, que matou 64 pessoas, prejudicou a imagem do Governo – e terá ficado descansado com os resultados obtidos.

A notícia é avançada pelo jornal i, que refere que António Costa ordenou a um focus group para avaliar o impacto que a tragédia em Pedrógão Grande poderia ter tido na sua própria popularidade e também, na imagem do Governo.

Depois da morte de 64 pessoas e das muitas críticas, nomeadamente quanto às falhas no Sistema de Comunicações de Emergência e ao caos no terreno, na altura do combate ao grande incêndio, “António Costa temeu pelas consequências políticas para a imagem do seu executivo”, escreve o i.

Mas depois das primeiras análises, o “Governo suspirou de alívio”, porque afinal “a popularidade de António Costa não foi beliscada”, salienta ainda o jornal.

A publicação assegura que os responsáveis pela avaliação concluíram que “os portugueses estão a compreender a posição do primeiro-ministro e não o culpam pelas falhas do Estado, que redundaram em 64 mortos”. Costa pode assim descansar – à sombra da tendência de subida gradual de popularidade que tem vivido nos últimos tempos.

Na última sondagem, divulgada a 17 de Junho, o PS surge perto da maioria absoluta, enquanto o PSD bate em mínimos históricos.

ZAP //

PARTILHAR

11 COMENTÁRIOS

  1. Não sem antes agradecer a ‘popularidade’ com um aumento das pensões . Só que o ministro da segurança social já tinha avisado que o sistema entraria em Défice no máximo em 2030. Portanto dentro de 12 anos.. ! Se não for antes.. qual é o nome para esta ‘governação ‘ irresponsável e traiçoeira para o país?

    • Esta notícia mostra bem a postura do (Des)Governo…
      Agem apenas pela popularidade, e não pelo que o país necessita!
      Quando as coisas correm mal, ficam todos atrapalhados e pensar na queda de popularidade!
      Não temos o que precisámos mas o que muitas pessoas fazem por merecer!
      Os políticos costumam ser o reflexo do país (são seus cidadãos).
      Querem melhores políticos? Temos que ser mais exigentes com as suas decisões! Têm que ser responsabilizados pelas suas medidas ou falta delas!

  2. Claro, acima de tudo o que interessa é a popularidade… saber quem assinou a compra do SIRESP por mais de 500 milhões de euros não interessa a ninguém, saber que esse SIRESP falhou durante 14 horas provocando com isso pelo menos s morte a 47 pessoas não interessa nada, saber que as duas carrinhas de apoio ao SIRESP que custaram 400.000€ estavam avariadas não interessa nada, saber que o SIRESP que não funciona custa mesmo assim 40 milhões por ano ao Estado (a todos nós) não interessa nada, saber que um enorme camião frigorífico da Protecção Civil que era novinho em folha e que se destinava a conservar as vítimas falecidas no frio até serem autopsiadas também estava avariado – tudo isto não interessa nada!!! Temos os políticos que merecemos. Somos realmente um povo de brandos costumes!

    • saber que o SIRESP não funciona no MEO Arena, no aeroporto, etc também não interessa nada.

      E por falar em sucessivas avarias de tudo, então aqui vai a continuação agora da ultima noticia: saber que ja há 2 anos as cameras la do paiol onde foram roubadas as armas não funcionam também não interessa nada.
      Somos um pais de faz de conta, um pais onde ha de tudo, mas tudo avariado. Já se vendeu, ja alguém ganhou dinheiro, pronto não é preciso mais nada.

      E adicionalmente, não o estado também não limpa a floresta junto ao paiol? é que se houver um incêncio e aquilo tudo explodir de quem é a culpa?

    • Carissimo, estás enganado. Costa sabe a resposta a essas perguntas todas. Foi ele quem assinou o contrato do SIRESP! Ele anda muito à frente da maioria dos portugueses! O diabo ao pé dele é anjinho…

  3. Pois, “os portugueses estão a compreender a posição do primeiro-ministro e não o culpam pelas falhas do Estado, que redundaram em 64 mortos”. Além disso, certamente que o primeiro-ministro e o governo também não se culpam a eles próprios.
    O primeiro-ministro e este governo só são culpados (e assume-sem como tal) pelas coisas que correm bem… para que não restem dúvidas!

  4. A corrupção em estado de graça.Vergo me pelas mortes de terror provocadas pela ganância incompetência e cegueira a qualquer preço pelo poder

  5. Eis as verdadeiras preocupações deste palerma. Morrem 64 pessoas de um modo sem paralelo na nossa história, e a preocupação que se tem é se isso afectou o nível da popularidade, ao ponto de se encomendar uma avaliação dessa mesma popularidade.
    Ficámos esclarecidos com o objectivo principal das políticas deste político!

  6. Quanto nos vai custar a avaliação? A ser verdadeira esta notícia este senhor está de facto muito mais interessado na sua imagem ou antes no tacho, do que nos reais problemas do país e isto só demonstra uma total indiferença por aqueles que morreram de uma forma tão trágica como de tantos outros queimados em camas de hospitais e muitos mais sem um tecto para se abrigarem. De facto nota-se uma certa acalmia nos membros do governo ao lidarem com tudo isto, agora temos também o caso dos paióis sem vigilância adequada e que pelos vistos vão fornecer os terroristas por essa Europa fora, os nossos parceiros europeus devem estar satisfeitos com tal segurança de país!.

RESPONDER

Presidente da Câmara do Funchal envia carta a Boris Johnson a defender a Madeira

O presidente da Câmara do Funchal escreveu uma carta a Boris Johnson, na qual realça "alguns argumentos fortes" a favor da Madeira como destino de férias para os cidadãos do Reino Unido. O presidente da Câmara …

Livros pró-democracia desapareceram das bibliotecas de Hong Kong

Livros escritos por importantes ativistas da democracia de Hong Kong começaram a desaparecer das bibliotecas da cidade, avança a agência noticiosa francesa AFP, citando registos online destes espaços. Os livros pró-democracia desapareceram das prateleiras da …

Lito Vidigal é o novo treinador do Vitória de Setúbal

Lito Vidigal é o novo treinador do Vitória de Setúbal. O ex-treinador do Boavista, que já tinha passado pelo Bonfim em 2018/2019, vai suceder a Júlio Velázquez no comando técnico dos sadinos. Esta segunda-feira, Lito Vidigal, …

Estados Unidos confirmam rara infeção provocada por parasita que destrói o cérebro

Foi detetada, no cérebro de uma pessoa no condado de Hillsborough, uma ameba rara que destrói o cérebro. O parasita chama-se Naegleria Fowleri. Uma ameba rara que destrói o cérebro, conhecida como Naegleria Fowleri, foi detetada numa …

IKEA devolve a Portugal 500 mil euros em apoios do lay-off

A IKEA já reuniu com o Governo e diz estar a estudar a melhor forma de proceder à devolução do montante recebido pelo Estado.  Segundo o Dinheiro Vivo, a IKEA Portugal vai devolver cerca de 500 …

Isabel dos Santos diz-se "contactável e disponível" para colaborar com a justiça

Isabel dos Santos negou, esta segunda-feira, que a justiça desconheça o seu paradeiro e que não a consiga contactar, depois de o procurador-geral de Angola ter vindo a público denunciar a ausência de respostas da …

"Não estamos a dar a resposta suficientemente eficaz nesta fase", diz bastonário dos médicos

O bastonário da Ordem dos Médicos (OM), Miguel Guimarães, defendeu esta segunda-feira que enquanto faltar uma "resposta suficientemente eficaz" à covid-19 na fase de desconfinamento, a recuperação económica também será mais lenta. O responsável falava aos …

Bolsonaro alarga veto para uso de máscaras no Brasil

Jair Bolsonaro vetou, esta segunda-feira, a obrigatoriedade do uso de máscaras em prisões durante a pandemia, segundo informações divulgadas no Diário Oficial da União. A decisão do Presidente brasileiro incluiu também o fim da obrigatoriedade de …

Carruagens compradas pela CP à espanhola Renfe vão ter espaço para bicicletas

As 51 carruagens que a CP - Comboios de Portugal vai comprar à espanhola Renfe por 1,6 milhões de euros permitirão o transporte de bicicletas, revelou o ministro Pedro Nuno Santos, garantindo que serão gastos …

Crescimento "preocupante" de casos de covid-19 no Luxemburgo (e a "culpa" pode ser de portugueses e cabo-verdianos)

O Luxemburgo está a assistir, nas últimas semanas, a um crescimento significativo no número de novas infecções por covid-19. A ministra da Saúde fala numa subida "preocupante". Muitas destas novas infecções são entre portugueses e …