Coronavírus não se transmite por via aérea, volta a avisar OMS

DFID - UK Department for International Development / Flickr

Tedros Adhanom Ghebreyesus, diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS)

A Organização Mundial da Saúde (OMS) alertou novamente no domingo para o facto de o coronavírus, responsável pela doença Covid-19, não se transmitir através do ar.

“O coronavírus é sobretudo transmitido através de gotículas geradas quando uma pessoa infetada tosse, espirra ou fala”, escreveu a organização, num alerta divulgado através das redes sociais, citado pelo Observador. “Estas gotículas são demasiado pesadas para ficar suspensas no ar. Rapidamente caem no chão ou em superfícies”.

No comunicado, a OMS referiu igualmente que “pode ser infetado ao respirar o vírus se estiver a menos de um metro de uma pessoa que tem Covid-19, ou ao tocar numa superfície contaminada e depois tocar nos olhos, nariz ou boca antes de lavar as mãos”.

“Para se proteger, mantenha pelo menos um metro de distância dos outros e desinfete as superfícies que são frequentemente tocadas. Lave regularmente bem as mãos e evite tocar nos olhos, boca e nariz”, acrescentou a nota, que surge na sequência de uma revisão científica publicada no domingo pela OMS sobre a transmissão do vírus.

“As infeções respiratórias podem ser transmitidas através de gotículas de diferentes tamanhos”, pode ler-se nessa revisão. “Quando a as partículas têm entre 5 e 10 micrómetros de diâmetro, são consideradas gotículas respiratórias, e quando têm menos de 5 micrómetros de diâmetro, são consideradas núcleos de gotículas”, explicou o texto.

https://twitter.com/WHO/status/1243972193169616898?ref_src=twsrc%5Etfw%7Ctwcamp%5Etweetembed%7Ctwterm%5E1243972193169616898&ref_url=https%3A%2F%2Fobservador.pt%2F2020%2F03%2F30%2Foms-volta-a-avisar-que-o-coronavirus-nao-se-transmite-pela-via-aerea%2F

“De acordo com a evidência científica atual, o vírus da Covid-19 é maioritariamente transmitido entre pessoas através de gotículas respiratórias e rotas de contacto. Numa análise de 75.465 casos de Covid-19 na China, a transmissão pela via aérea não foi reportada”, lê-se ainda.

Como destacou a OMS, a transmissão pela via aérea “é diferente da transmissão pelas gotículas, uma vez que se refere à presença de micróbios dentro de núcleos de gotículas, que são genericamente consideradas como partículas com menos de 5 micrómetros de diâmetro, podem manter-se no ar durante longos períodos de tempo e podem ser transmitidas a outras pessoas a distâncias maiores que um metro”.

Um estudo publicado recentemente no New England Journal of Medicine, no qual conclui-se que o coronavírus responsável pela Covid-19 pode estar presente nas partículas mais pequenas, transmitidas pela via aérea, foi também apontado pela OMS.

Nesse estudo, os aerossóis foram gerados através de equipamento de “alta potência que não reflete as condições normais da tosse humana”, frisou a OMS, alertando ainda para o que estudos como este devem ser analisados com precaução e tendo em consideração que foram realizados em condições laboratoriais.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. O que poderá acontecer se uma pessoa infectada expelir gotículas em janelas de apartamentos de Edifícios altos. Essas gotículas não poderá contaminar pelo ar quando estiver próximo do solo, seja respirando o ar?

  2. isto denota bem a incapacidade e falta de civismo das pessoas da nossa sociedade/civilização. Vamos sofrer a maior crise economica mundial das ultimas decadas por uma paragem forçada da produção e da economia em geral porque… não conseguimos viver condicionados por uma distancia social e mudar habitos de higienização para prevenir a propagação de virus entre nós proprios. triste sina a nossa.

  3. A OMS no expoente máximo da sua incompetência e malvadez. Neste preciso momento são milhões de vidas humanas equacionadas por falta de uma resposta séria da OMS no que respeita à pandemia por sars-COV-2.
    Ainda se lembram quando em Janeiro a OMS achava que isto não era grave o suficiente para se tomar as devidas medidas e precauções dando sinais errados aos países e suas populações.
    Há um estudo cientifica que prova que as ditas gotículas podem voar cerca de 8 metros, e que o vírus pode permanecer no ar.
    Portanto tanto a OMS, tal como a Graça Freitas na DGS, em última estância devem vir a ser julgados pelas mortes que poderiam ser evitadas se desde logo tivessem agido como lhes compete.
    Então não se devia usar máscara?
    Porque é que a DGS não está a salvar pessoas com tratamento posto em prática pelo mais reputado Virulogista do Mundo, o Prof. Didier Raoult?
    Didier Raoult adverte, que o tratamento com hidroxicloroquina (Plaquinol) para ser eficaz e resultar deve ser ministrado logo no inicio da sintomatologia de Covid-19 e não quando os doentes já estão nas últimas!
    Ora em Portugal parece que estão a fazer precisamente o contrário!
    Se assim for a DGS deve ser responsabilizada por todas as mortes que poderiam ter sido evitadas.
    Quem é G. Freitas ou os “pseudo-experts” portugueses ao pé do Didier Raoult?
    Vamos acreditar em quem, nos embusteiros ou no Mestre?

RESPONDER

Rara cobra de duas cabeças e dois cérebros independentes encontrada na Florida

Uma rara cobra com duas cabeças e dois cérebros independentes foi resgatada no estado norte-americano da Florida por uma equipa de especialistas do organização Florida Fish and Wildlife Conservation Commission. Na rede social Facebook, a organização, …

Benfica 2-0 Belenenses SAD | Darwinismo rende arranque histórico

O Benfica cumpriu e venceu o Belenenses SAD por 2-0, no Estádio da Luz, na partida que encerrou a quinta jornada da Liga NOS. Foi o quinto triunfo benfiquista no campeonato em cinco partidas, o …

Uma tarefa doméstica está a poluir sorrateiramente o ambiente

O que vestimos e como lavamos as nossas roupas influencia o número de microfibras sintéticas que libertamos no meio ambiente. Há uma tarefa doméstica a poluir sorrateiramente o ambiente. Um novo artigo científico, publicado na PLOS …

A companhia aérea que faliu devido à covid-19 está de volta

A pandemia de covid-19 foi traiçoeira para muitas empresas. A Flybe, uma das primeiras vítimas, está agora a ressuscitar - e pode voltar a rasgar os céus já no próximo ano. A economia mundial foi muito …

Dormir bem antes de tomar a vacina da gripe pode ajudar a aumentar a sua eficácia

Segundo os especialistas, uma boa noite de sono pode mesmo ajudar a aumentar a eficácia da vacina da gripe, que neste ano ganha particular relevância em plena pandemia de covid-19. De acordo com Matthew Walker, autor …

Há um petroleiro abandonado há mais de uma década nas Caraíbas (e é uma "bomba-relógio")

Um navio de armazenamento de petróleo venezuelano está ancorado no Golfo de Paria, um trecho de mar fechado entre a Venezuela e a ilha de Trinidad, há mais de uma década. Antes de os Estados Unidos …

Portugal deve bater recorde de doentes em cuidados intensivos ainda esta semana

Portugal deverá ultrapassar, esta quarta-feira, o recorde de doentes em unidades de cuidados intensivos, alertou a ministra da Saúde, Marta Temido, em conferência de imprensa sobre a capacidade do Serviço Nacional de Saúde para combater …

A Budapest Eye foi restaurante por um dia (e com estrela Michelin)

Um restaurante com estrela Michelin em Budapeste, na Hungria, ofereceu aos clientes uma experiência gastronómica na famosa roda gigante Budapest Eye. Atraiçoado pela queda de faturação após o desaparecimento de turistas estrangeiros, o restaurante Costes, premiado …

Antigo ministro da Saúde Leal da Costa admite novo estado de emergência

O antigo ministro da Saúde Fernando Leal da Costa defendeu hoje que em algum momento deve ser decretado de novo o estado de emergência, para que o Governo possa tomar medidas na luta contra a …

Marcelo promulga uso obrigatório de máscara na rua por 70 dias

O Presidente da República promulgou esta segunda-feira o decreto da Assembleia da República que determina o uso obrigatório de máscara na rua, por um período de 70 dias, sempre que não seja possível cumprir o …