Coronavírus. Madeira está a preparar-se para eventual surto

Região da Madeira “já está a delinear” quartos com pressão negativa e áreas isoladas, além de “fármacos, oxigénio, fatos protetores, máscaras e capacidade laboratorial”.

O presidente do Instituto de Saúde (Iasaúde) da Madeira anunciou esta segunda-feira que a região se está a preparar para um eventual surto de coronavírus, embora considere que a probabilidade de isso acontecer “é muito reduzida”.

“Está tudo bem orientado e vamos criar condições nos diferentes setores, mas continuo a achar que, neste momento, a probabilidade é muito reduzida” de ter um surto na região, disse Herberto Jesus.

O responsável do Iasaúde falava após uma “reunião preparatória no sentido de delinear percursos internos e externos dentro do sistema de saúde de forma a otimizar a resposta perante a eventualidade de um surto” no arquipélago, que manteve com responsáveis da Proteção Civil Regional e Serviço Regional de Saúde.

Herberto Jesus mencionou que o vírus “continua centralizado na China”, existindo no espaço europeu “no máximo quatro casos”, um cenário que, admitiu, se pode alterar a qualquer momento.

O presidente do conselho diretivo do Iasaúde destacou que a região está “articulada ao minuto com a Direção-Geral de Saúde (DGS), de forma a perceber qual a capacidade instalada, quais os recursos necessários e como atuar”, visando tornar uma eventual situação “o menos grave possível”.

“Estamos a tentar preparar um percurso que seja mais fácil e mais eficaz”, realçou, enunciando que a região precisa ter quartos com pressão negativa e áreas isoladas, o que “já está a delinear”, além de “fármacos, oxigénio, fatos protetores, máscaras e capacidade laboratorial”, algo que dispõe “em articulação com o Instituto Ricardo Jorge”.

Disse ainda que vai ser criada uma linha telefónica — 800 24 24 20 — que “é porta de entrada para a suspeita de um caso” e vão ser colocados cartazes nos aeroportos e portos “como forma preventiva”.

Herberto Jesus realçou que, “neste momento, não há nenhum caso confirmado em Portugal” e que, na região, “está tudo alinhado”, caso tal aconteça.

O responsável também considerou “não existir evidência que o rastreio à chegada seja efetivo”, nem que existam “contágios nos aviões”.

Ainda apontou ser “tranquilizante” o facto de o período de contágio ser de 14 dias e de “o aeroporto de Wuhan estar fechado desde 23 de janeiro”, o que torna “o grande fluxo limitado”.

O responsável do Iasaúde também sublinhou que “este vírus é de transmissão baixa” e defendeu que “medidas de proteção individual básicas, como as de higiene, são suficientes”.

Em Portugal, não se confirmou a infeção de um homem que apresentava suspeitas e que foi hospitalizado no sábado, em Lisboa, depois de ter regressado de Wuhan. A Direção-Geral da Saúde pediu a quem regresse de Wuhan ou de outras regiões afetadas na China e que apresente febre, tosse ou dificuldades respiratórias que contacte o SNS24 – 808 24 24 24.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Mulan a preço premium estreia na Disney+ em setembro

A adaptação live-action de Mulan tem nova data de estreia. O anúncio foi feito pela Disney nesta terça-feira (4). O filme chega à plataforma de streaming Disney+ no dia 4 de setembro, estando disponível em …

Belgas trocam as voltas à pandemia e passam férias nas árvores

Enquanto uns passam o verão em casa, outros atrevem-se a ter uma experiência diferente. Alguns belgas estão a passar as noites de verão pendurados em árvores, em tendas em forma de lágrima. A pandemia de covid-19 …

Máscara inteligente traduz até oito línguas (mas não protege do coronavírus)

Esta máscara inteligente, criada por uma empresa japonesa, consegue traduzir o discurso do seu utilizador em várias línguas (mas, por si só, não o protege do novo coronavírus). Quando a pandemia de covid-19 transformou as máscaras …

Empresa fica com excedente de 40 mil quilos de frutos secos devido à covid-19

A GNS Foods, a empresa que nos últimos 30 anos forneceu os frutos secos à American Airlines, ficou com um excedente de 40 mil quilos por causa de restrições impostas devido à covid-19. Servir frutos secos …

Astronautas da NASA fizeram partidas por telefone para "matar" tempo durante o regresso à Terra

Os astronautas da NASA Bob Behnken e Doug Hurley fizeram algumas partidas por telefone durante o regresso à Terra a bordo cápsula Dragon, da empresa SpaceX de Elon Musk, num voo que foi duplamente histórico. …

Em plena pandemia, há um venezuelano que assegura os funerais no Peru

Ronald Marín é a última esperança para os habitantes de Comas, em Lima. O venezuelano é o único que realiza funerais católicos num cemitério longe do centro da capital, em plena pandemia. Vestido com uma túnica …

Covid-19 pôs mais de um milhão de portugueses em teletrabalho no 2.º trimestre

Um milhão de pessoas esteve em teletrabalho no segundo trimestre, sobretudo devido à covid-19, o equivalente a 23,1% da população empregada, enquanto mais de 600 mil não trabalharam nem no emprego nem em casa. De acordo …

Dia da Defesa Nacional regressa ao formato presencial a 2 de setembro

O Dia da Defesa Nacional, que está suspenso desde o dia 9 de março devido à pandemia de covid-19, irá regressar ao formato presencial a 2 de setembro, anunciou o Governo esta quarta-feira. Em comunicado, o …

Norte-americano detido depois de usar fundos da covid-19 para comprar um Lamborghini

As autoridades dos Estados Unidos detiveram um empresário que comprou um carro de luxo da marca Lamborghini com dinheiro que recebeu de programas federais para ajudar os afetados pelo novo coronavírus (covid-19). A notícia é …

FC Porto e Benfica disputam Supertaça a 23 de dezembro

O jogo da Supertaça, que vai opor o FC Porto ao Benfica e que deveria a abrir a temporada 2020/21, vai disputar-se a 23 de dezembro, anunciou, esta quarta-feira, a Federação Portuguesa de Futebol (FPF). Em …