Consumidores arriscam pagar 167 milhões às empresas de gás natural

-

É um litígio que já tem mais de seis anos e que pode acabar por rebentar no bolso dos consumidores. O diferendo entre as empresas de gás natural EDP, Galp e Tagusgás e a Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) pode vir a custar-lhes entre 136 milhões e 167 milhões de euros.

O Público desta segunda-feira nota que o diferendo entre a Galp, a EDP e a Tagusgás contra as tarifas de gás natural da ERSE arrasta-se há mais de seis anos e que, no âmbito das sete acções que existem, actualmente, em tribunal, os consumidores arriscam vir a pagar entre 136 milhões e 167 milhões de euros (conforme o cenário usado para a inflação), caso a justiça decida a favor das empresas.

Aqueles valores resultam dos prejuízos que as empresas argumentam ter desde Julho de 2010, quando foram introduzidas alterações ao modo de cálculo das tarifas de gás natural.

Galp, EDP e Tagusgás moveram o primeiro processo em tribunal nesse mesmo ano de 2010, alegando que as tarifas da ERSE lhes possibilitam menores receitas do que aquelas a que afirmam ter direito legalmente.

Desde então, têm impugnado todas as decisões tarifárias da ERSE que, por sua vez, tem contestado sempre.

Mas a justiça corre lentamente e em seis anos de processos, as partes só se encontraram três vezes em tribunal, conforme aponta o Público.

No caso de as empresas de gás natural vencerem estes processos em tribunal, o impacto nos preços, abrangendo os 40 anos de concessões, atinge valores da ordem dos 1150 milhões de euros.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Estados Unidos registam 9 desempregados por segundo

O desemprego está a atingir números preocupantes nos Estados Unidos: só na última semana, 6,6 milhões de pessoas declararam estar sem emprego para poder receber apoios, um número semelhante ao da semana anterior. De acordo com …

Chineses desistem de comprar o BNI Europa. Está agora em mãos angolanas

O contexto de incerteza, provocado pela pandemia de covid-19, levou o Grupo chinês KWG a desistir de comprar 80,1% da participação do BNI Europa. O grupo chinês KWG desistiu de comprar 80,1% da participação do BNI …

Tesla usa peças do Model 3 para construir um ventilador

A Tesla também está a tentar contribuir para colmatar a escassez de ventiladores com um novo protótipo, feito com partes do Model 3. A Tesla construiu um ventilador com recurso a componentes automóveis. A fabricante elétrica …

Há acordo no Eurogrupo: 500 mil milhões de euros "disponíveis imediatamente"

Os ministros das Finanças da Zona Euro chegaram a acordo, esta quinta-feira, sobre os apoios económicos para fazer face à pandemia de covid-19. O Eurogrupo chegou a acordo sobre o pacote de ajuda económica para a …

Se recebeu uma chamada da Tunísia, não devolva. É fraude

Clientes de várias operadoras nacionais têm recebido, nas últimas semanas, um "anormal" volume de chamadas internacionais. As operadoras suspeitam de fraude. Segundo o Jornal de Notícias, várias pessoas têm recebido chamadas de u número internacional que …

FMI avisa que vêm aí "tempos sombrios" e que "todos vão sofrer"

Kristalina Georgieva, chefe do Fundo Monetário Internacional (FMI), avisou que os próximos tempos serão sombrios e que todos irão sofrer. Numa introdução às reuniões da primavera do FMI e do Banco Mundial, que decorrem entre 14 …

Merkel pede paciência: situação continua "frágil"

Angela Merkel pediu paciência aos alemães e admitiu que "não será necessário" impor no país medidas mais rigorosas de confinamento. A chanceler alemã, Angela Merkel, apelou esta quinta-feira à paciência dos alemães, num momento de crescente …

Detido bilionário chinês que criticou Presidente Xi Jinping. Estava desaparecido há um mês

O bilionário chinês Ren Zhiqiang que criticou a forma como Presidente da China, Xi Jinping, lidou com a pandemia, está sob custódia das autoridades chinesas devido a uma investigação em que é o principal suspeito. …

Bloqueio dos coronabonds pela Holanda é "irresponsável"

Jean-Claude Juncker, antigo presidente da Comissão Europeia, considera que o bloqueio pela Holanda do uso do Mecanismo Europeu de Estabilidade é "irresponsável". O antigo presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, considerou esta quinta-feira “irresponsável” o bloqueio …

Creche recusou receber filho de enfermeira por falta de funcionários. Meteram baixa

A creche e pré-escolar "Voar mais alto", em Setúbal, recusou receber uma criança de três anos, filha de uma enfermeira, por falta de funcionários. A notícia é avançada esta quinta-feira pelo Observador que adianta que as …