Conservador Sebastian Kurz vence eleições na Áustria (e afasta extrema-direita)

Florian Wieser / EPA

O Partido Popular austríaco do antigo chanceler Sebastian Kurz ganhou as legislativas antecipadas que se realizaram este domingo na Áustria, com margem suficiente para reeditar a coligação com os ultranacionalistas do FPÖ, segundo as sondagens.

O PP austríaco obteve 37% dos votos, mais 5,5 pontos percentuais do que nas eleições de há dois anos, no seguimento das quais celebrou uma coligação com o ultranacionalista FPÖ. Este partido, que caiu nove pontos, teve 16,6% dos votos, segundo a agência de notícias austríaca, APA, citada pela congénere espanhola, Efe.

A Áustria votou este domingo em eleições legislativas, depois do colapso em maio da coligação entre conservadores e extrema-direita.

O país de 8,8 milhões de habitantes é administrado desde junho por um governo interino, depois de o escândalo Ibizagate ter levado à demissão do líder da extrema-direita e vice-chanceler Heinz-Christian Strache, à dissolução da coligação ÖVP-FPÖ e à votação de uma moção de censura a Kurz.

O FPÖ caiu em desgraça após a divulgação de um vídeo em que o seu líder e vice-chanceler, Heinz-Christian Strache, foi apanhado a discutir formas de contornar a lei de financiamento dos partidos em troca de potenciais contratos públicos inflacionados a uma suposta milionária russa, e ainda meios para controlar os media na Áustria.

A divulgação das imagens de parte da conversa provocou um enorme sentimento de vergonha e protestos espontâneos em Viena. Sebastian Kurz quebrou a coligação e pediu eleições antecipadas. Foi criticado por ter formado governo com o FPÖ, por não ter desistido da coligação mais cedo depois de sinais de alarme.

O Presidente, que é quem demite membros do Governo, seguiu a recomendação de Kurz e afastou esta terça-feira o ministro do Interior, Herbert Kickl. Os restantes ministros do partido demitiram-se em protesto pelo afastamento de Kickl, o dos Transportes, Norbert Hofer e ainda os titulares da Defesa e Assuntos Sociais.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Estado condenado a indemnizar cidadão romeno por tratamento desumano

O Tribunal Europeu dos Direitos Humanos (TEDH) condenou o Estado português ao pagamento de 14 mil euros por tratamento desumano do cidadão romeno Lonuţ-Marian Bădulescu, durante a detenção deste na cadeia do Porto. Numa decisão esta …

Panama Papers. Alemanha com ordens de detenção para Mossack e Fonseca

Um tribunal de Colónia emitiu ordens de detenção contra Jürgen Mossack e Ramón Fonseca por fraude fiscal e associação criminal no caso dos Papéis do Panamá, uma investigação internacional por branqueamento de dinheiro, anunciaram esta …

Depressão Bárbara. Registadas 654 ocorrências, mau tempo volta a agrava-se hoje

A Proteção Civil registou até ao final da manhã desta terça-feira 654 ocorrências devido ao mau tempo, sobretudo nas zonas urbanas a norte do rio Tejo, e colocou em alerta especial laranja mais três distritos …

Bolsonaro diz que vacina será gratuita mas não obrigatória

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, disse esta segunda-feira que a vacina contra a Covid-19 será gratuita mas não será obrigatória para a população do país, o segundo com mais mortes no mundo devido à …

Estudantes indicaram professor que foi decapitado a jihadista (em troca de dinheiro)

Investigadores acreditam que vários estudantes indicaram por dinheiro quem era o professor Samuel Paty ao jihadista que o decapitou na sexta-feira ao lado da escola onde trabalhava na região de Paris. O ministro da Educação, Jean-Michel …

Portugal regista mais 15 óbitos, 1.876 novos casos e 1.932 recuperados

Portugal contabiliza esta terça-feira mais 15 mortos relacionados com a covid-19 e 1.876 casos confirmados de infeção com o novo coronavírus, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim, …

Há ratos e répteis no Centro Hospitalar de Viseu. Ala psiquiátrica está em "péssimas condições"

O alerta partiu do bastonário da Ordem dos Médicos que denunciou a "péssima condição" a que os utentes estão sujeitos. Miguel Guimarães desafiou esta segunda-feira a ministra da Saúde a visitar o departamento de Psiquiatria do …

Portugal é pouco poupador, tem condições de trabalho precárias e pouca escolaridade

Portugal é um país envelhecido, com idosos a viverem sozinhos, pouco poupador e onde o trabalho é precário, os patrões e empregados têm baixa escolaridade e há poucas mulheres na polícia, revela uma publicação da …

País em duodécimos seria uma "irresponsabilidade". Bloco acusa Governo de chantagem “inaceitável”

A coordenadora do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, falou, em entrevista à Rádio Observador, sobre as negociações com o Governo para a aprovação do Orçamento de Estado para 2021. Em entrevista à Rádio Observador, a coordenadora …

Não se sabe como foram infetadas 41% das pessoas em Portugal. Novo confinamento é "para evitar"

De acordo com a Diretora-Geral da Saúde, Graça Freitas, neste momento não se sabe como foram infetados 41% dos doentes, sendo apenas possível "identificar um contacto com alguém que tivesse sintomas de covid-19 ou que …