Conselheiro de Trump manda calar a imprensa, o “partido da oposição”

Andrew Harrer / POOL / EPA

Steve Bannon, principal estratega e conselheiro do Presidente dos EUA Donald Trump

Steve Bannon, principal estratega e conselheiro do Presidente dos EUA Donald Trump

Um dos principais conselheiros do Presidente norte-americano considerou que a imprensa é o “partido da oposição” e que “deve ficar em silêncio”, numa entrevista divulgada esta sexta-feira pelo The New York Times.

“Eu quero que me cite. Os meios de comunicação social são o partido da oposição. Eles não entendem o país. E continuam sem entender as razões pelas quais Donald Trump é Presidente dos Estados Unidos”, disse Steve Bannon, em entrevista feita quarta-feira por telefone ao The New York Times.

A imprensa deve ser prejudicada e humilhada, deve calar-se e escutar por um instante”, acrescentou o fundador do site de notícias “Breitbart News”, ligado à chamada “direita alternativa”.

Bannon acusou também a imprensa de ter sido ativista da campanha de Hillary Clinton.

“É por isso que não têm poder. Foram humilhados“, disse Bannon ao jornal americano, que tem sido duramente criticado por Trump.

Os comentários de Steve Bannon aumentam a campanha da Casa Branca para desacreditar a imprensa e ocorrem depois do Presidente dos EUA ter afirmado no sábado que os jornalistas estavam entre as “pessoas mais desonestas do mundo”.

Questionado sobre a credibilidade do porta-voz da Casa Branca, Sean Spicer, depois de ter feito uma conferência de imprensa em que insistiu em informações falsas, Steve Bannon disse: “Achamos que é um distintivo de honra”.

“A imprensa tem integridade zero, inteligência zero e não trabalha”, acrescentou.

Naquela que é a primeira semana de Trump no poder, os media americanos têm estado num braço-de-ferro com a nova administração, nomeadamente pela quantidade de pessoas que assistiram à tomada de posse em Washington, no passado dia 20.

A imprensa norte-americana noticiou que a cerimónia contou com cerca de um terço dos participantes que estiveram na tomada de posse de Obama, em 2009, e que teve até muitos menos público do que a Marcha das Mulheres, que aconteceu no dia seguinte e que contou com cerca de 500 mil pessoas na capital e muitas outras espalhadas por várias cidades do mundo.

A equipa de Trump defende que a cerimónia teve uma “audiência nunca antes vista” e a ministra da Propaganda do novo governo disse que a administração da Casa Branca tem “factos alternativos” sobre a realidade, o que fez disparar a venda do livro “1984”, de George Orwell.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. “A imprensa tem integridade zero, inteligência zero” Uma boa forma de caracterizar o Trump e os seus apoiantes… No que respeita a trabalhar, parece-me um pouco injusto. Tanto a imprensa como o Trump trabalham… para fazer m er da, mas trabalham!

  2. Sinceramente está é uma questão interessante. A comunicação social comenta tudo e todos. Tem um poder estratosferico. Mas ninguém consegue atacar a comunicação social!…
    É o que se vê aqui no bairro…
    Concordo com Trump que a C social vale zero e não tem integridade e deve ser disciplinada. A liberdade de imprensa é usada por estes senhores para exercer um poder de oposição descomunal . Mas com que direito?!… Dever ser controlada… O conceito de liberdade de imprensa – um tabu da democracia – deve ser rapidamente revisto !

  3. A imprensa á muito mas muito tempo que não informa como supostamente o deveria, seria optimo que os jornalistas , apresentadores , analistas , etc que nos entram pela casa dentro sem nossa autorização tivessem tatuado na testa a cor a que pertencem. O impressa diz o que quer e lhe apetece , faz dano á vida privada e empresarial escondendo-se atrás do tal segredo de informação e o resto que se dane.
    O Presidente Trump certamente que não precisa da politica, vamos aguardar e ver o seu input que não será somente sentido nos EUA

  4. A imprensa e os jornalistas por necessidade de sobrevivência (creio) nem sempre se têm comportado bem (sobretudo alguns) mas compará-los aquela “escumalha associada ao Trump” é demais. Apesar de tudo os aspectos positivos da imprensa ainda se sobrepõem aos negativos. Na minha óptica, claro.

Responder a Homem Cancelar resposta

Numa verdadeira cena à James Bond, homem foge do FBI numa scooter subaquática

Um americano que estava a ser procurado por um suposto envolvimento num esquema de fraude, foi preso na passada segunda-feira, dia 16, após usar uma "scooter marítima" subaquática para tentar fugir do FBI. Quem assistiu ao …

Após quase terem sido extintas, baleias azuis estão a voltar à Geórgia do Sul

A baleia azul regressou às águas em torno da ilha Geórgia do Sul, quase um século depois de este animal ter sido quase extinto pela caça industrial. A remota ilha Geórgia do Sul, perto da Antártida, era …

Manuscritos de "A Origem das Espécies" divulgados online pela primeira vez

Duas páginas originais do rascunho manuscrito de "A Origem das Espécies", de Charles Darwin, foram divulgadas online pela primeira vez. Além disso, foram ainda publicadas cartas e notas de leitura nunca antes vistas. Os documentos foram …

Os videojogos podem ser bons para o bem-estar pessoal, sugere estudo

De acordo com um novo estudo que analisou o comportamento de jogadores e dados fornecidos por empresas de videojogos, o tempo gasto a jogar pode ser bom para o bem-estar pessoal. A Electronic Arts e a …

A MINI criou uma van perfeita que foi pensada para relaxar, usufruir e conviver

A marca de automóveis MINI apresentou o projeto do Vision Urbanaut. Este veículo é uma van completamente moderna e sustentável, pois oferece mais espaço interior e versatilidade, e ainda deixa uma pegada ecológica mínima. Esta van …

Covid-19. Angela Merkel alerta sobre plano de vacinação para países mais pobres

A chanceler alemã, Angela Merkel, alertou os líderes dos países mais desenvolvidos que o progresso no desenvolvimento de um sistema de distribuição de vacinas para nações mais necessitadas tem sido lento e que essa questão …

Explosão em Beirute. Danos segurados rondam mil milhões

As vítimas da explosão que destruiu o porto de Beirute e área circundante, em agosto, apresentaram um total de 14.921 reclamações de seguro, totalizando danos segurados estimados em perto de 1,62 biliões de libras libanesas …

Centenas de pessoas que morreram de covid-19 em Nova Iorque continuam em camiões frigoríficos

Muitos destes cadáveres, que continuam em camiões frigoríficos, são de pessoas cujas famílias não puderam ser localizadas ou que não podem cobrir os custos do enterro. De acordo com o The Wall Street Journal, cerca de …

Bolsonaro responsabiliza estados e municípios por não usarem testes

Mais de 6,8 milhões de testes RT-PCR, adquiridos pelo Ministério da Saúde brasileiro, perderão a validade entre dezembro deste ano e janeiro de 2021. O Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, direcionou para estados e municípios a responsabilidade …

Médico presente na sala de emergência revela detalhes da morte de John F. Kennedy

Um médico que estava presente na emergência do Parkland Memorial Hospital, para onde John F. Kennedy (1917-1963) foi transferido depois de ser baleado numa visita política ao estado do Texas, revelou novos detalhes sobre a …