/

Autoridades confirmam: começou operação de resgate das crianças

1

Começaram as operações de resgate na gruta de Tham Luang, na província tailandesa de Chiang Rai, no norte do país, para salvar 12 jovens e um treinador de uma equipa de futebol, encurralados no local há mais de duas semanas.

Segundo adiantou este sábado a imprensa tailandesa, as autoridades tinham já dado inicio, em segredo, à operação de resgate das 12 crianças presas há duas semanas numa gruta em Tham Luang. O início do resgate foi agora confirmado pelas autoridades tailandesas.

O governador de Chiang Rai e coordenador da operação, Narongsak Osotta Narkorn, disse aos jornalistas que “este é o dia D” e que as equipas estavam “mais prontas do que nunca.”

Citado pela imprensa internacional, Osottanakorn afirmou este sábado que os próximos três a quatro dias são “o momento mais favorável para a operação de resgate em termos do nível da água, das condições meteorológicas e do estado de saúde dos rapazes”.

No entanto, é necessário ter em conta vários factores que influenciam a possibilidade de uma operação bem sucedida, como o estado do tempo, as chuvas e o consequente nível das águas, mas também o estado em que se encontram os jovens e o treinador.

O nível da água pode subir para a área onde as crianças têm permanecido e tornar a área inferior a 10 metros quadrados”, afirmou o governador.

Segundo a Euronews, as famílias já foram informadas do início das operações. Os media tailandeses dão também notícia da chegada ao interior da gruta de Tham Luang de uma equipa composta por 18 mergulhadores, entre tailandeses e estrangeiros, na madrugada deste domingo.

(h) Royal Thai Navy

Operações de resgate das crianças presas em gruta na Tailândia

O grupo deve percorrer várias etapas até passar a terceira câmara. Fazem depois uma parte do percurso a pé, até chegar onde se encontra o grupo, depois de passar pelo ponto mais estreito.

Há cerca de mil operacionais no terreno, entre bombeiros, membros da marinha e peritos tailandeses e estrangeiros. Há também no local equipas médicas prontas para qualquer eventualidade.

Os mergulhadores demoram cerca de 6 horas a fazer o percurso até chegar ao local onde se encontram as crianças, e 5 horas a regressar. Não se sabe ainda quanto tempo poderá durar a operação.

  ZAP //

1 Comment

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.