“A coisa certa a fazer”. Jogos Paralímpicos também foram adiados

O organismo que tutela os Jogos Olímpicos e Paralímpicos anunciou esta terça-feira o adiamento para “uma data posterior a 2020 e nunca depois do verão de 2021”, devido à pandemia da Covid-19.

O presidente do Comité Paralímpico Internacional (IPC) considerou esta terça-feira que a decisão de adiar os Jogos Olímpicos e Paralímpicos Tóquio 2020 “é a coisa certa a fazer”, numa altura em que a “saúde é prioridade.”

“Adiar os Jogos devido ao surto global da covid-19 é a coisa certa a fazer. A saúde e o bem-estar de todos devem ser a prioridade número 1. Realizar um evento desportivo com esta pandemia é, simplesmente, impossível”, afirmou Andrew Parsons, numa nota divulgada na página do Comité.

Parsons considerou que “atualmente o mais importante é preservar a vida humana e, por isso, é essencial que sejam tomadas todas as medidas para tentar limitar a propagação da doença.”

O presidente do IPC considerou que a decisão de adiar os Jogos, que deveriam decorrer entre 25 de agosto e 6 de setembro, vai permitir aos “atletas concentrarem-se totalmente na sua saúde e bem-estar, permanecendo em segurança durante este tempo difícil e sem precedentes”. “Quando os Jogos Paralímpicos se realizarem em Tóquio no próximo ano, serão uma espetacular celebração global de união“, afirmou Parsons.

O presidente do IPC garantiu que o organismo continuará a trabalhar em estreita “colaboração com os atletas, os comités paralímpicos nacionais e as federações de modalidade” tendo em vista a realização dos Jogos em 2021.

O Comité Olímpico Internacional (COI) e o Comité Organizador dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos anunciaram esta terça-feira o adiamento, devido à pandemia da Covid-19. Em comunicado, os organizadores dos eventos esclarecem que “os Jogos da XXXII Olimpíada em Tóquio devem ser remarcados para uma data posterior a 2020 e nunca depois do verão de 2021″.

Desde 1988, que os Jogos Paralímpicos passaram a utilizar as instalações dos Jogos Olímpicos, e mais recentemente, os dois eventos começaram a ter o mesmo comité organizador.

A pandemia da covid-19, já infetou mais de 386 mil pessoas em todo o mundo, das quais cerca de 17 mil morreram. Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia. Vários países adotaram medidas excecionais, incluindo o regime de quarentena e o encerramento de fronteiras.

Em Portugal, há 33 mortos e 2362 infetados confirmados. Portugal encontra-se em estado de emergência desde as 0h de quinta-feira (dia 19) e até às 23h59 de 2 de abril.

ZAP // Lusa

 

PARTILHAR

RESPONDER

SAD do Leixões avança para lay-off

A SAD do Leixões propôs ao plantel "que nos próximos três meses, abril incluído, pagaria metade do salário em cada mês, valores que seriam repostos ao longo do trimestre que se seguiria". O plantel do Leixões, …

Rui Pinto colocado em prisão domiciliária

O hacker Rui Pinto, criador do Football Leaks e autor das revelações do caso Luanda Leaks, foi colocado em prisão domiciliária esta quarta-feira. Rui Pinto, que estava em prisão preventiva desde 22 de março de 2019, …

Detidas 33 pessoas desde a renovação do estado de emergência

A PSP e a GNR detiveram, até terça-feira, 33 pessoas pelo crime de desobediência desde 3 de abril, totalizando 141 as detenções feitas desde o início do estado de emergência, indicou o Ministério da Administração …

Bruxelas disponibiliza 300 milhões de euros a pequenas e médias empresas para alavancar investimentos

O programa "Escalar" disponibiliza 300 milhões de euros, através do Fundo Europeu de Investimento, para apoiar investimentos de pequenas e médias empresas "promissoras" que queiram crescer. A Comissão Europeia anunciou que vai disponibilizar 300 milhões de …

Maçonaria cancela eleições e proíbe rituais em sessões virtuais

A pandemia de Covid-19 levou o Grão Mestre do Grande Oriente Lusitano, Fernando Lima, a principal obediência maçónica em Portugal, a cancelar as eleições e a proibir os encontros com rituais maçónicos 'online', visto que …

Mourinho quebra regras e assume que errou ao ir treinar com Ndombele

Fotografias e vídeos divulgados nas redes sociais mostram José Mourinho e os jogadores do Tottenham a treinar juntos e a violar as regras de segurança impostas devido ao surto do novo coronavírus. O Tottenham, treinado por …

Rússia bate recordes de infeções diárias. Em Itália, o número de mortes voltou a diminuir

Há três dias consecutivas que o número de novos casos bate recordes de crescimento na Rússia. Já em Itália, o número de mortes voltou a diminuir esta quarta-feira. Pelo terceiro dia consecutivo, o crescimento de número …

Governo prepara apoios aos media "à medida das televisões"

O Governo está a preparar medidas de apoio aos meios de comunicação social, gravemente afetados pela crise causada pela pandemia de Covid-19. Contudo, como considerou o administrador da Global Media Group, Afonso Camões, citado pelo Dinheiro Vivo, tudo …

Archewell. Harry e Meghan registam a sua nova marca

O príncipe Harry e Meghan Markle registaram a sua nova marca, uma fundação sem fins lucrativos chamada Archewell. De acordo com o jornal britânico The Guardian, que cita registos datados de 3 de março, a marca …

Libertação de reclusos. Esquerda ao lado do Governo garante aprovação

PSD, CDS-PP, PAN e Iniciativa Liberal manifestaram reservas ao diploma que prevê a concessão de indultos e antecipação do fim das penas para reclusos que tenham cometido crimes pouco graves. A proposta do Governo que cria …