CML cedeu terreno a Madonna para parque de estacionamento. Partidos exigem explicações

Madonna / Instagram

Madonna

A autarquia cedeu um terreno, nas traseiras do Palacete Pombal, para que este seja usado como parque de estacionamento da cantora norte-americana. 

Este sábado, o Expresso noticiou que a Câmara Municipal de Lisboa cedeu um terreno, nas traseiras do Palacete Pombal, para que Madonna pudesse usar como parque de estacionamento para os 15 carros do seu staff.

O semanário conta que a primeira opção tinha sido o espaço de estacionamento reservado do Museu Nacional de Arte Antiga (MNAA), que fica perto do palacete onde a cantora norte-americana está a morar, um pedido que foi logo recusado pelo museu.

“Não sei como foi feito o pedido de Madonna à Câmara. Mas a chefe de gabinete de Fernando Medina veio cá, de urgência, depois de ter visto no Google Maps que tínhamos espaço. Veio fazer uma visita para ver as imediações”, conta ao jornal o diretor do MNAA, António Filipe Pimentel.

“Não temos espaço para 15 carros. Aliás, já temos dificuldades com as cargas e descargas do museu. Diríamos que não até a um pedido do Papa. Mas foi um pedido extravagante. E ainda fui eu que sugeri as traseiras do Palacete Pombal, que ainda por cima é um espaço da Câmara. Tive de ser eu a ir mostrar o espaço que fica ao fundo da rua do museu”.

Contactada pelo Expresso, fonte oficial da CML confirmou a existência de um “acordo para a cedência de espaço de estacionamento nas traseiras do Palácio Pombal”, comparando a artista a entidades como o Ministério da Cultura.

“O espaço agora cedido – apenas durante um período limitado enquanto decorrerem as obras nos prédios na Rua das Janelas Verdes – já foi disponibilizado a outras entidades, nomeadamente ao Ministério da Cultura até dezembro de 2017″.

“O objetivo deste acordo precário é evitar perturbações e transtornos no trânsito local, numa artéria estreita mas bastante movimentada, que a entrada e saída de veículos das obras certamente traria para a zona”, adiantou a mesma fonte.

Esta tarde, em declarações ao Expresso, fonte oficial do gabinete de Fernando Medina, que se compromete a mostrar esta segunda-feira o contrato, diz que está previsto o pagamento de uma renda de 720 euros por mês, renda essa que foi calculada tendo por base a tabela de preços municipal e que será cobrada ou no final do ano ou no final do contrato.

Partidos querem esclarecimentos

“Não podemos permitir que o Presidente da Câmara de Lisboa use o património a seu belprazer”, disse João Gonçalves Pereira, vereador do CDS, em declarações ao Expresso.

O centrista acrescentou que vai pedir esclarecimento por escrito, já esta segunda-feira, de forma a clarificar uma situação que deixou “Lisboa e o país estupefactos”.

“Vamos pedir esclarecimentos pois a justificação do Presidente da Câmara é frouxa, legal e politicamente”, adiantou ao jornal. “Queremos saber que tipo de acordo existe porque isto viola claramente o princípio da igualdade“, disse.

Também Ricardo Robles, parceiro bloquista do Executivo liderado por Fernando Medina, disse que “a confirmar-se a notícia, o BE pedirá esclarecimentos do motivo e em que moldes esta cedência foi feita”.

“O Presidente não pode ceder estacionamentos em Lisboa pois a cidade é dos lisboetas não é de Fernando Medina”, afirmou ainda o bloquista, que detém o pelouro da Educação e Direitos Sociais na autarquia.

“Quando um munícipe paga à cabeça por estacionar, quando a EMEL persegue os lisboetas… não se justifica que estes casos sejam decididos sem reunião de câmara e sem se dar cavaco a ninguém”, afirma, acrescentando que “o estacionamento em Lisboa é escasso e, por isso, deve ser regulado com responsabilidade”.

Ao mesmo jornal, a vereadora do PSD em Lisboa, Teresa Leal Coelho, também “pede explicações sobre este caso e gostaria de saber a razão para o presidente da Câmara ter autorizado tal excepção”.

A social-democrata também assumiu que “desconhecia a situação” e que o assunto nunca foi abordado pelos responsáveis camarários.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

11 COMENTÁRIOS

  1. … é esta individua, o do B. do Portugal o de Angola e este país não passa de um de ditos políticos Psicopatas se é que tem políticos??????

      • Alguém faz ideia da mais valia que é ter a Madonna no nosso pais? Alguém contabilizou o dinheiro e o prestigio que traz a portugal??? Ainda à poucos anos só tinhamos turistas de chinelo no pé!!! Pensem que há paises que nem dado ou o pais a pagar as celebridades lá punham os pés!!! Se fosse uma câmara de outra cor seria de aplicar o mesmo conceito. Por exemplo, se o Elon viesse viver para cá ou implantasse aqui uma gigafactory até lhe dava um palacete qualquer!!! E pouco me importava se estava vigente o governo A, B, C ou D. A única altura em que estivemos a este nível de PRESTIGIO foi quando «jorravam» especiarias e ouro para cá! Quem não gostava que portugal fosse o Bel-Air da europa???

        • Mais valia,, mas qual mais valia?!
          Prestigio?!
          Ahahaaaa!…
          Mais um deslumbrado….
          Essa compararão da Madona (uma tonta que nada “produz”!) com Elon Musk é a prova disso mesmo!…

  2. Medina e Madonna, dois bons amigos!

    Parque de Estacionamento dos Restauradores: €228 por mês por viatura, para o comum dos mortais.
    Parque da Câmara exclusivo para Madonna: €48 por mês por viatura.

    Coitadinha pois então… É pobrezinha, tem de se fazer preço de amigo. Olha à Madonna… Canta-me um dó!

  3. o que eu vejo aqui …e como sempre nestas situaçoes é um bando de invejosos que dá nojo.
    Mas alguem aqui se tivesse uma frota de 15 carros e lhe oferecem um parque de estacionamento por 700 e tal Euros por mes ia dizer que nao??? bando de hipocritas…so sabem atacar. È obvio que ela aceitou e eu aceitaria bem como vcs todos…por isso calem essas bocas, nojo de pais e de gente invejosa.

RESPONDER

Neutralidade carbónica até 2050. Lei Europeia do Clima é "mais um compromisso concretizado", diz Costa

O primeiro-ministro António Costa saudou, nesta quarta-feira, o acordo político provisório sobre as emissões de gases com efeito de estufa, dizendo que se trata de "um sinal inequívoco da determinação da [União Europeia] UE no …

Pai de Valentina condenado a 25 anos de prisão. Madrasta condenada a 18 anos e 9 meses

O pai da criança que foi encontrada morta, em maio do ano passado, em Peniche, foi condenado a 25 anos de prisão. A madrasta foi condenada a 18 anos e nove meses. De acordo com o …

Luís Correia deixa PS. Vai recandidatar-se a Castelo Branco como independente

O ex-presidente da Câmara de Castelo Branco, Luís Correia, deixou o PS e vai recandidatar-se como independente à presidência da autarquia este ano. De acordo com o jornal Público, o ex-presidente da Câmara de Castelo Branco, …

DGS atualiza regras para partos. Hospitais têm de assegurar condições para acompanhantes

A Direção-Geral da Saúde fez uma revisão nas orientações de modo a facilitar o acesso dos acompanhantes e para deixar exclusivamente ao critério da mãe o contacto pele a pele com o bebé e a …

Portugal com mais uma morte por covid-19 e 610 novos casos de infeção

Portugal registou, esta quarta-feira, mais uma morte e 610 novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 610 …

Quartos para arrendar estão mais baratos em Lisboa. A culpa é da pandemia

A pandemia provocou uma quebra de preços mas a capital ainda é a cidade onde fica mais caro arrendar um quarto. Ao longo do último ano foi na cidade de Lisboa que se registou a …

MP acusa ativista que interrompeu António Costa de desobediência qualificada. Arrisca 2 anos de prisão

Em 2019, um ativista do movimento Extinction Rebellion Portugal interrompeu e tirou o microfone ao primeiro-ministro António Costa no jantar de aniversário do Partido Socialista. Agora, está a ser acusado de desobediência qualificada. De acordo com …

Jerónimo de Sousa lança críticas ao PS no arranque das autárquicas

Jerónimo de Sousa focou as suas críticas no PS no dia em que a CDU apresentou o compromisso da coligação parar as eleições autárquicas. A CDU promoveu, esta terça-feira, um "ato público" para apresentar o compromisso …

Cabrita vai explicar contrato do SIRESP ao Parlamento

O Parlamento vai ouvir o ministro da Administração Interna para explicar o problema da rede de comunicações de emergência do Estado, SIRESP, cujo contrato termina ainda este ano. A audição de Eduardo Cabrita foi aprovada por …

Falha de luz estraga 2400 vacinas em Famalicão. Almirante desvaloriza e Graça Freitas prevê "abundância"

Uma falha de energia eléctrica no Centro de Vacinação de São Cosme, em Famalicão, no distrito de Barcelos, levou à inutilização de 2400 vacinas. Um incidente que compromete a administração de doses no concelho numa …