Cientista russo diz que asteróide vai destruir a Terra em fevereiro

(dr) Detlev van Ravenswaay

-

A NASA afirmou, no início deste ano, que um objeto misterioso irá passar inofensivamente pela Terra. No entanto, o cientista Dyomin Damir Zakharovich acredita que esse corpo celeste vai destruir o nosso planeta.

O 2016 WF9 tem um quilómetro de diâmetro e foi observado em novembro deste ano. A agência espacial norte-americana ainda conseguiu descobrir se o objeto é um asteróide ou um cometa, mas está a mantê-lo sob observação.

O corpo celeste foi descoberto através do Wide-field Infrared Survey Explorer (WISE), um telescópio espacial da NASA recetor de ondas infravermelhas e, segundo os cientistas do programa Neowise, não representa qualquer perigo para a Terra.

Os especialistas dizem que esse objeto vai alcançar a órbita da Terra no dia 25 de fevereiro e irá aproximar-se do nosso planeta a uma distância de 51 milhões de quilómetros (170 vezes mais que a distância entre a Terra e a Lua).

No entanto, de acordo com o Daily Mail, um cientista chamado Dyomin Damir Zakharovich está a contrariar a NASA e garante que o asteróide vai atingir a Terra no dia 16 de fevereiro de 2017, causando tsunamis catastróficos que vão devastar o nosso planeta.

“A NASA está a mentir com todos os dentes. Não é concebível que eles não saibam a verdade. Vimos os dados!”, adiantou o cientista russo, citado pelo jornal.

Para Zakharovich, o objeto é bem maior do que a NASA revela. Os dados do cientista sugerem um asteróide de 2,2 quilómetros que não terá nenhuma dificuldade em penetrar a atmosfera terrestre sem ficar despedaçado.

“A NASA provavelmente conhece a zona de impacto, mas eu não. Estamos todos em perigo”, alerta o especialista.

Apesar dos “discursos” opostos, a Nasa insiste que “a trajetória do 2016WF9 é bem conhecida e o objeto não será uma ameaça à Terra nos próximos milhares de anos”.

Ninguém sabe de onde surgiu este boato de que 2016 WF9 poderá atingir o nosso planeta, mas o assunto tem gerado polémica e receios por toda a Internet, estando até a ser divulgado por vários meios de comunicação internacionais.

ZAP //

PARTILHAR

55 COMENTÁRIOS

  1. Dia 26 vemos se tem ou não razão. Eu estou bastante mais inclinado a acreditar na NASA e no Centro de Planetas Menores do que num único cientista russo.

  2. Um de cerca de 10Km não destruiu o planeta… foi o “golpe de misericórdia” nos dinossauros e noutras formas de vida mas não no planeta… não é um com1 a 2 Km que o vais fazer…
    Não estou a dizer que vai ser bom… mas destruir… não…

  3. às vezes incomoda-me que sejam imprecisos ao darem explicações científicas nas notícias. Mas ok. É para as massas, e são detalhes que a maioria não iria perceber de qualquer das maneiras. Mas isto é simplesmente falso. Nem é falso tipo Nostradamus, é falso de não verificarem a fonte da notícia.
    https://debunkingdoomsday.quora.com/Debunked-2016-WF9-to-hit-Earth-and-trigger-mega-tsunamis-next-month
    PS: Novembro deste ano ainda não é passado.

  4. Zakharovich não tem nada publicado que conste do repositório de artigos científicos de astronomia e de astrofísica SAO NASA ADS!! Ou o nome está errado, ou não é astrónomo e deveria era estar calado.

  5. O professor Karamba poderá fornecer uma previsão mais correta.
    De qualquer forma, quem mandou o calhau foi o Trump, não tenham dúvidas!!

  6. Vai bater em cheio na cabeça do russo, aconselho-o a apanhar nesse dia uma valente cabra de vodka para que não sinta com muita dor a porrada do asteroide na nuca.

  7. Finalmente, que já era tempo de as crises económicas, políticas e existenciais que temos terminarem, e todas de uma só vez…

  8. Esse cientista quer ganhar fama na internet, só isso, ele fica caluniando a Nasa, chamando a de mentirosa, não demora vai pra cadeia

    • Os especialistas dizem que esse objeto vai alcançar a órbita da Terra no dia 25 de fevereiro acredito que a órbita dá terra não se estende há 51 milhões de milímetros.

  9. Todos sabemos que o planeta está em profunda mudança ambiental. Também sabemos que a Natureza tem dado vastos sinais de “desconforto”, que vão desde tufões, terramotos, cheias, longos períodos de seca, degelo dos glaciares, aquecimento global,etc, etc. Não é necessário ser cientista para perceber que algo nåo está bem com o nosso planeta.
    Sabemos também que a informação que nos é prestada, neste tipo de questões sensiveis e abrangentes à existência humana, é altamente controlada (muita é até escondida) para evitar o pânico e não só.
    O que ganharia este cientista russo, em fazer tais afirmações? Não me parece concebível que esteja a querer “pôr-se em bicos dos pés” pois se assim fosse e o tal evento que refere não acontecesse, caía no descrédito total. Teria uns dias de atenção mediática e,uns dias depois, esfumava-se em definitivo, pois ninguém acreditaria mais nele. Acho que não ganha nada com isso. Ainda por cima afirmou, de forma categórica, que “viram os dados”.
    Desconheço este cientista e não sou pessimista mas acho que somos todos muito “pequeninos” para afirmarmos com certezas absolutas, que ele está errado. A história dá-nos multiplos exemplos de muita gente com razão nos seus argumentos e teses que foram vozes isoladas, sendo apelidados de “loucos” porque eram os unicos a defender teorias que a maioria dizia serem impensáveis. Desde filósofos a cientistas como Da Vinci. O tempo encarregou-se de lhes dar razão em muitas matérias.
    Em suma, acho melhor esperar para ver (espero que nada aconteça), sabendo que há inumeros objectos a navegar no espaço, pode até dar-se o caso deste asteroide vir mesmo na nossa direcção mas embater num outro e mudar de rota. É outra situação possivel.
    Duma forma ou de outra, espero que nada aconteça.

    • Não há dúvida que é um comentário muito sensato! Pode acontecer ou não, no entanto, a Nasa sabe que esse objecto existe, só não têm a certeza como ele se comportará… só isso!

    • É o mesmo Bastão a quem eu acabei de responder em “Preço da luz aumentou 80%. Governo investiga possível especulação” perdendo horas e horas e horas do meu tempo? Pelo desenho cor de laranja é mesmo!

      Muito sinceramente, aqui o Simplório só espera que apesar do tom sério deste seu comentário esteja na verdade a rir-se às gargalhadas e o seu objectivo seja apenas gozar aqui com a malta.

  10. Caramba o mundo vai acabar e os PALMEIRENSES NAO VIU SEU CLUBE SENDO CAMPEÃO DA MUNDIAL…….KKKKKKKKKKKKK….Vai entrar para História!!!!!

  11. Não pode. Meu filho tem teste de inglês nesse dia. Além disso o Trump e o Putin não vão deixar, porque eles é que decidem sobre o que se passa na terra.
    Agora, brincadeira à parte, tudo é possível.
    Somos tão minúsculos no Universo.
    Claro que a NASA, outras entidades científicas e governos não têm interesse em divulgar a realidade e em provocar o pânico. Mas também não conheço esse cientista e nem sei se ele existe mesmo ou se é alguém inventado para circular na net e provocar o medo. Enfim, só nos resta aguardar e se acontecer mesmo, boa sorte para todos nós.

  12. Um cientista desconhecido alinha em fantasiosas conjecturas pseudo-cientificas. Estranho?! Não me parece um cientista mas um vendedor de banha da cobra à espera dos seus minutos de fama….
    Resumindo: teoria de mente completamente pedrada.

  13. E tem que ser precisamente no dia do meu aniversario ???!!!…Vai ser um dia memoravel para os meus restantes 20 anos de vida !!!… ahahahah!!!!!…..

  14. Isto foi o que Obama publicou em 14 de Outubro de 2016, dando conta que era susceptivel de ir haver eventos espaciais como possivel explosão solar capaz de danificar todo o sistema eléctrico e informático, dando ele 120 dias para que tudo fosse verificado e colocado em segurança, inclusivé reactores nucleares, etc deu até 10 de Fevereiro de 2017 para que tudo fosse revisto, será que Obama tbm estava a brincar ? a informação está publicada no site da Casa Branca, dá que pensar mas está na data.https://www.whitehouse.gov/the-press-office/2016/10/13/executive-order-coordinating-efforts-prepare-nation-space-weather-events

RESPONDER

Até os dinossauros tinham piolhos

Insetos ancestrais semelhantes ao piolhos modernos parasitavam os dinossauros, alimentando-se das com suas penas, como evidenciado por um novo par de fósseis em âmbar. Por vezes, os pássaros modernos são infestados por piolhos que mastigam e …

Simeone confessa que gostava que João Félix "tivesse mais gasolina"

O treinador do Atlético de Madrid, Diego Simeone, elogiou João Félix no final da partida deste sábado contra o Osasuna, mas confessou que gostava que o internacional português "tivesse mais gasolina na fase final dos …

Ex-diretor do FBI admite que houve "negligência" na investigação da ingerência russa

O ex-diretor do FBI James Comey admitiu este domingo que “verdadeiras negligências” foram cometidas pela polícia federal no início da investigação sobre a ingerência da Rússia nas eleições presidenciais de 2016 nos Estados Unidos. Donald Trump, …

"Alcochete sempre". Equipa do Sporting vaiada à chegada aos Açores

A comitiva do Sporting foi este domingo vaiada à chegada ao hotel em Ponta Delgada, nos Açores, na véspera do jogo contra o Santa Clara. "Alcochete sempre", gritou um grupo de cerca de 30 adeptos à …

Os seus genes não são o único fator que determina o risco de Alzheimer

O desenvolvimento da doença de Alzheimer não está exclusivamente ligado à genética, sugere um artigo científico publicado recentemente. No primeiro estudo publicado sobre a doença de Alzheimer em trigémeos idênticos, os cientistas descobriram que, apesar de …

"Poções do amor" podem tornar-se na solução para uma relação eterna

Numa verdadeira fusão entre ficção e realidade, as nossas relações amorosas podem vir a ser salvas por uma "poção do amor". A solução passa por se recorrer à manipulação química do amor para tentar que …

Há uma segunda população estelar no disco espesso da Via Láctea

As estrelas que compõem o disco espesso da Via Láctea pertencem a duas populações estelares distintas, com características diferentes. Um novo estudo sobre a composição cinemática e química de uma amostra de estrelas nas proximidades do …

Igrejas evangélicas cultivam violência doméstica ao defender a supremacia dos homens sobre as mulheres

O facto de a igreja evangélica defender que o homem deve controlar a mulher apenas agrava o problema de violência doméstica, justificando os atos dos homens. Jane (nome fictício) era membro da comunidade cristã evangélica da …

A Cidade do México está a pagar aos seus polícias para que percam peso

A Polícia da Cidade do México está a levar a cabo um programa para combater o excesso de peso e a obesidade no seu efetivo através de incentivos financeiros.  Ao todo, escreve a agência AFP que …

Há um novo método para medir buracos negros

Os buracos negros supermassivos são os maiores buracos negros, com massas que podem exceder mil milhões de sóis. Apenas esta primavera foi divulgada a primeira imagem do buraco negro supermassivo no centro da galáxia M87, …