Chefe de gabinete ofereceu telemóvel à PJ para provar que Azeredo sabia

O tenente-general Martins Pereira, chefe de gabinete de Azeredo Lopes, ofereceu o seu telemóvel à PJ para investigação. As provas poderão demonstrar que o ex-ministro da Defesa mentiu no caso de Tancos.

Azeredo Lopes, ex-ministro da defesa, afirmou publicamente que nunca tinha sido informado, pelo seu chefe de gabinete, o tenente-general Martins Pereira, sobre o esquema da PJ Militar no roubo de armas de tancos.

Contudo, de acordo com o CM, o chefe de gabinete ligou-lhe através do Whatsapp, dando-lhe conta da forma como as armas foram recuperadas e do encobrimento dado pela PJ Militar aos autores do furto de tancos.

O Whatsapp, uma aplicação de mensagens instantâneas e chamadas de voz para smartphones, funciona através da internet o que invalida o registo de chamadas pelas operadoras.

Sem esse registo, as investigações da Judiciária Civil e do DCIAP nunca poderiam chegar à ligação efetuado pelo chefe de gabinete do ministro.

Para demonstrar a verdade, o general ofereceu o seu telemóvel de modo a ser realizada uma perícia que poderá confirmar a chamada que diz ter efetuado ao ministro na presença de responsáveis da PJ Militar – Luís Vieira, diretor e Vasco Brazão, investigador.

Os responsáveis da PJ Militar teriam ido levar ao gabinete do tenente-general um memorando a dar conta de parte da atuação que tiveram, à margem da lei, e terão presenciado o telefonema que Martins Pereira fez ao ministro.

Azeredo Lopes, que será chamado ao DCIAP para prestar esclarecimentos, sempre negou ter sido informado do esquema da PJM e arrisca agora a ser constituído como arguido por denegação de justiça.

Costa garante que não conhecia memorando

O primeiro-ministro António Costa afirmou que o ex-ministro da defesa não o pôs ao corrente sobre o que se passou em Tancos e assegurou esta manhã de sexta-feira que não teve qualquer conhecimento da encenação que aconteceu.

“Nem através de Azeredo Lopes nem através de ninguém, não conhecia”, disse o primeiro-ministro.

O primeiro-ministro respondeu aos jornalista quando questionado sobre as declarações do tenente-general Martins Pereira, chefe de gabinete do antigo ministro que afirma ter informado Azeredo Lopes.

Segundo o JN, quando questionado sobre se achava que tinha sido enganado pelo ex-ministro, António Costa respondeu “acho que não”.

Depois de negar por várias vezes qualquer conhecimento sobre o caso de Tancos, António Costa recusou tecer mais comentários sobre a matéria em investigação.

“A única coisa que desejo é que as autoridades judiciárias competentes concluam tão depressa quanto possível esta investigação” e que detenham e responsabilizem “os ladrões e eventuais cúmplices”, afirmou o primeiro-ministro.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

  1. E foi só ele???

    Da forma que as coisas estão todos deviam saber (presidente da república, primeiro ministro, etc…) mas como as coisas correram mal agora tem que o mexilhão arcar com as consequências para “livrar os cães grandes” das consequências…

  2. Mas toda a gente incluindo a SRª Cristas, todos tão preocupados com a recuperação das armas!
    Mas não vejo ninguém preocupado com o roubo!
    Os Portugueses querem saber é como foram roubadas, se é que foram mesmo roubadas! E quando? Pois com toda esta histeria da devolução , não se fala e tenta esclarecer o roubo!
    Ou terá sido tudo uma encenação?

  3. TODOS SABIAM !!!
    Alguém os convenceu que com a encenação, o roubo das armas ficaria esquecido e sem importância.
    Estavam todos enganados e a MENTIRA parece um elefante na sala.

    • O que sabe do roubo? Esclareça? Foi só o neto da avó que as levou no bolso para a quinta da avó?
      È muito estranho, não acha? Para devolver tiveram que ser vários carros, para roubar foi só o netinho?
      Quero mesmo saber é como foram roubadas. Insisto se é que foram. Ou tambem foi encenação naquela data quando já tinham sido roubadas muito antes

      • Do roubo sabemos todos o mesmo, o esclarecimento acerca deste assunto foi geral e foi o que vimos.
        Possivelmente as pessoas envolvidas na devolução, são as mesmas que estão envolvidas no roubo.
        Ou então haverá 2 grupos, tão poderosos, tão corruptos e com tanta influência a trabalhar no mesmo assunto, um a roubar outro a devolver!
        Não creio, mas é apenas a minha opinião.

  4. O Costa não sabia ??? não é a primeira vez que é apanhado a mentir, ou melhor a não dizer toda a verdade. Só um louco acha que Azeredo Lopes guardou esse “segredo” só para si. Pelo menos é a minha opinião.

  5. O whatsapp apesar de funcionar via internet e encriptar as mensagens, continua a guardar nos servidores os metadados (registos de quem liga para quem).
    Apesar de poder ser um entrave (pois tem de pedir informação a uma entidade que não é nacional), a PJ poderá vir a ter acesso à data-hora a que foram efetuadas as chamadas e trocadas as mensagens.

  6. Foi tudo uma encenação… Não houve roubo!… Já o ex-ministro Azarado Lopes dizia há uns meses que talvez não tivesse havido roubo… As armas eram todas obsoletas e valiam uns míseros euritos, dizia um senhor baixinho fardado… Ah, a seguir até apareceram mais armas do que aquelas que tinham sido roubadas, dizia um outro senhor fardado… O chefe de gabinete do A. Lopes tinha sido informado da verdadeira encenação da recuperação das armas, mas não tinha informado o Lopes e o Lopes também não tinha informado o primeiro-ministro. Agora, já se sabe que o chefe de gabinete sabia e que este deu conhecimento ao ministro A. Lopes. E este não informou o primeiro ministro? Puro ilusionismo… E assim se vai iludindo quem quer.

  7. Acredito que quem praticou o roubo foram os mesmos que as devolveram ou encenaram a devolução.
    Qual seria o destino ou para onde foram as armas? ninguém vai fazer um roubo destes para oferecer armas e sem saber o que lhes fazer.
    Para haver vendedor tem que haver comprador, sem ser terroristas quem mais pode comprar armas deste calibre e esta quantidade no mercado negro?
    O que é também bastante grave é que parece que todos os que deveriam ter resolvido o assunto, tanto no roubo, (guardar o material de guerra de forma a ser impossível o roubo), como no aparecimento, a GNR quando foi contactada teria logo que actuar informar a PJ denunciando o que se estava a passar.
    Não estamos a falar de uma pessoa,falamos de GNR, PJM,Generais, Ministros e quem vêm a seguir?

  8. Sabia o senhor Azeredo, sabia o senhor Costa e até já ponho em dúvida se o senhor Marcelo não saberia também, falta de transparência e compadrio para com os amigos é o resultado em que isto tudo deu que acaba por ser uma vergonha nacional e no governo tudo parece marchar sobre rodas como se nada acontecesse.

RESPONDER

Portugal "tem nível de rendimentos baixíssimo". Muitos municípios que perdem população desde o final II Guerra

Portugal tem municípios que perdem população desde o final da II Guerra Mundial e dificilmente fenómenos como o teletrabalho irão alterar esta paisagem, na opinião do geógrafo Álvaro Domingues, da Universidade do Porto. Em entrevista à …

Gestora em teletrabalho esqueceu-se da filha no carro. Bebé encontrada sem vida sete horas depois

Maria Pilar, uma bebé de dois anos, morreu esta sexta-feira, depois de ter ficado esquecida dentro do carro durante cerca de sete horas. A menina de dois anos esteve cerca de sete horas dentro do carro, …

Costa, Von der Leyen na Cimeira Social no Porto

Cimeira Social cheia de boas intenções deixa factura de um milhão de euros (e "erro" na comida da PSP)

Os chefes de Estado e de Governo da União Europeia comprometeram-se, na Cimeira Social do Porto, a "trabalhar em prol de uma Europa social". Mas o evento deixa uma polémica com as refeições distribuídas aos …

Alfredo Casimiro contrata Banco Nomura para vender 50,1% da Groundforce

O principal acionista da Groundforce anunciou este sábado, em comunicado, ter contratado o banco Nomura para assessorar a venda da participação de 50,1% da Pasogal na empresa de handling Groundforce, e pediu "especial atenção" ao …

Transferência para o Wolves. Diogo Jota recorda palavras de Jorge Mendes: "Vês como eu tinha razão?"

Diogo Jota, atual avançado do Liverpool, recuou no tempo e enfatizou a importância de Jorge Mendes na progressão da sua carreira. O avançado internacional português, que se transferiu esta temporada para o Liverpool, trocou o Atlético …

Um total de 19.359 agregados pagaram adicional de solidariedade do IRS

Entre o Continente e as regiões autónomas dos Açores e da Madeira são 19.359 os agregados com rendimento coletável acima dos 80 mil euros e que, por esse motivo, foram chamados a pagar taxa adicional …

Resort Zmar

Imigrantes já começaram a ser retirados do Zmar (e os donos de casas podem ter de as desmontar)

Os primeiros imigrantes realojados no empreendimento turístico Zmar, em Odemira (Beja), já começaram a ser retirados do local, após a decisão do tribunal contra a requisição civil do Governo. E enquanto se pede a demissão …

Índia ultrapassa quatro mil mortos num só dia. Cuba vai imunizar população com vacinas nacionais

A Índia registou mais de quatro mil mortes associadas à covid-19 num só dia e o Brasil contabilizou 2.165 óbitos nas últimas 24 horas. Em contraste, Cuba vai começar a vacinar a população contra a …

Boris Johnson diz que não haverá novo referendo de independência na Escócia

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, recusou hoje qualquer possibilidade de realizar um novo referendo de independência na Escócia, mesmo que o Partido Nacional Escocês (SNP) obtenha maioria absoluta no parlamento regional. “Acho que um referendo no …

Associação dos Árbitros apresenta queixa contra Benfica, Jesus, Grimaldo e Otamendi

A Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF) apresentou uma queixa contra o Benfica, Jorge Jesus, Grimaldo e Otamendi, por causa das declarações proferidas após o jogo com o FC Porto. A notícia de que a …