“Isto não é a União Soviética.” César pôs os pontos nos is e Costa teve que recuar nas PPP

Mário Cruz / Lusa

O secretário-geral do Partido Socialista, António Costa, com o presidente do PS, Carlos César.

A divisão no seio do grupo parlamentar do PS determinou a mudança de posição do Governo, no âmbito das Parcerias Público-Privadas (PPP) na Saúde, depois de ter acordado com o Bloco de Esquerda acabar com elas. “Isto não é a União Soviética”, foi o ponto de ordem que originou o volte-face.

O Governo começou por ser contra o fim das Parcerias Público-Privadas (PPP) na Saúde, no âmbito da discussão da nova Lei de Bases da Saúde, mas mudou de ideias uma primeira vez, cedendo a uma pretensão do Bloco de Esquerda.

Depois de os bloquistas anunciarem a medida, no âmbito de um acordo com o Governo, o Executivo de António Costa veio desmentir, falando apenas numa “versão de trabalho”. E, posteriormente, deixou cair a medida, voltando à ideia inicial.

Um volte-face que surgiu devido à divisão no PS, como reporta o Expresso, notando que “Carlos César recusou uma cedência total ao Bloco de Esquerda”.

Isto não é a União Soviética“. O ponto de ordem da bancada socialista foi lançado à ministra da Saúde, Marta Temido, e António Costa não teve outra solução que não recuar. Até porque Marcelo Rebelo de Sousa também se manifestou contra o fim das PPP na Saúde.

O Governo já tinha traçado um plano para fintar o previsível veto do Presidente da República, num documento enviado ao Bloco de Esquerda, onde se assinalava o acordo para o fim das PPP. Mas acabou por mudar de ideias.

António Costa tenta agora evitar uma guerra total com o Bloco, a pensar na necessidade de eventuais acordos à esquerda para depois das eleições legislativas.

Em declarações ao Expresso, Catarina Martins, líder dos bloquistas, exige ao primeiro-ministro “uma palavra conclusiva” sobre o assunto.

ZAP //

 

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. … não é a União Soviética, mas para vocês PS é uma fonte de rendimentos inacabável. Deus tenha dó de todos nós e nos livre destes PARIAS terrestes.

  2. Isto é bom para perceber quem está por detrás do apoio aos Mellos e outros das 50 familias que agora chulam o povo Português na procura de tratamento médico. São estes os jogadores que minam o SNS. Chamam-se Carlos e Marcelo e até as vezes Adolfo

    • Só vão aos Mellos quem quer, eu não vou e não me importo que outros frequentem o privado, se o Estado não consegue dar conta do recado então tem que recorrer ao privado, o Estado que faça o seu trabalho bem feito e não vai necessitar dos privados para nada.
      Ainda bem que há gente com juízo no PS, o Kosta deve estar a querer seguir os passos do pai dele.

      • Só?!
        Então espero que nunca tenhas necessidade de ir ao Hospital de Braga, senão, mesmo com tudo pago pelo Estado, lá estão os Mello!…
        O Estado não precisa dos privados para nada; como se tem visto, os privados é que precisam do Estado!…

  3. Isto não é a União Soviética mas a verdade é que os defensores de tal regime ditatorial vão tendo voz neste país, o próprio governo é seu aliado e por um fio estivemos quase a cair nessa ditadura que a acontecer seria bem mais severa do que a anterior e hoje as cadeias estariam repletas de prisioneiros políticos e muitos já teriam desaparecido sem deixar rasto.

RESPONDER

Flamengo chega a acordo com o Inter por Gabigol

Flamengo e Inter de Milão já chegaram a acordo para a transferência definitiva de Gabigol, jogador que esteve durante a última temporada na equipa brasileira por empréstimo. Segundo o portal brasileiro Globo Esporte, os dirigentes do …

Espanha quer "assaltar" o lugar de Centeno no Eurogrupo

Nadia Calviño, a número dois do Governo Espanhol, assume-se como favorita para assumir a presidência do Eurogrupo, caso o ministro das Finanças português, Mário Centeno, decida não entrar na corrida. A notícia é avançada esta terça-feira …

Dívidas de hospital de Lisboa travam compra de dois medicamentos para cancro

As dívidas do Centro Hospitalar Universitário de Lisboa Norte, que inclui os hospitais de Santa Maria e Pulido Valente, levaram o Tribunal de Contas (TdC) a chumbar a compra de dois medicamentos para um cancro …

Em 15 dias, foram transferidos 73 milhões da Sonangol para uma empresa de Isabel dos Santos

Em 15 dias, foram transferidos 73 milhões das contas da petrolífera estatal Sonangol no private banking do Eurobic, em Lisboa, para uma empresa de Isabel dos Santos, avança o Correio da Manhã esta terça-feira. …

Livro de John Bolton pode prolongar julgamento de Donald Trump

  Ao segundo dia de defesa dos advogados da Casa Branca no julgamento do impeachment de Donald Trump, caiu uma "bomba" no Senado. O livro escrito por John Bolton, ex-conselheiro de segurança nacional do Presidente dos …

Afinal, Bruno Fernandes pode rumar ao Barcelona (e fazer escala no Valência)

Afinal, o futuro do internacional português Bruno Fernandes pode passar por Espanha e não por Inglaterra, onde foi dado como quase certo. O negócio envolve dois emblemas espanhóis e o avançado ex-Benfica Rodrigo Moreno. De …

Coronavírus já matou 106 pessoas na China. E já chegou à Alemanha

A China elevou para 106 o número de mortos causados pelo coronavírus e o número de infetados já chegou aos quatro mil. Esta segunda-feira, confirmou-se um caso na Alemanha, sendo agora o segundo país da …

Iniciativa Liberal quer privatizar CGD, TAP e RTP

O Iniciativa Liberal quer privatizar a Caixa Geral de Depósitos, a TAP e a RTP. Esta segunda-feira, no Parlamento, o deputado único João Cotrim Figueiredo defendeu ainda a redução do IVA na eletricidade para uma …

PSD convidou BE e PCP para negociar. Teme-se uma "perigosa" coligação negativa no IVA da luz

O PSD está disponível para "conversar" com a esquerda parlamentar para negociar uma solução que permita baixar o IVA da eletricidade. A garantia foi dada por um dos coordenadores do processo orçamental do PSD, Duarte Pacheco, …

Cientistas fazem múmia de 3.000 anos "falar" (e já a podemos ouvir)

Uma equipa de cientistas recriou o som da voz de um antigo padre egípcio com a ajuda de uma múmia com três mil anos e usando uma combinação de tomografias computadorizadas, impressão 3D e uma laringe …