Cavaco fala em “democracia amordaçada” (e na “vergonha” dos números da pandemia)

José Sena Goulão / Lusa

O presidente da República, Aníbal Cavaco Silva

Este sábado, numa participação na Academia de Formação Política das Mulheres Sociais-Democratas, Cavaco Silva deixou duras críticas ao Executivo de António Costa, sublinhando que a pandemia mostrou um “SNS fragilizado por decisões erradas do governo”.

O antigo Presidente da República Cavaco Silva afirmou, este sábado, que Portugal vive “numa situação de democracia amordaçada” e considerou que causam “vergonha” os números recentes da pandemia, que colocaram o país como “recordista” de mortes por milhão de habitantes.

“É surpreendente a frequência com que ouvimos e lemos notícias que nos deixam com uma certa ideia de que o país se encontra numa situação de democracia amordaçada”, criticou Cavaco Silva, numa participação, por videoconferência, na Academia de Formação Política das Mulheres Sociais-Democratas.

O ex-primeiro-ministro fez, em pouco menos de meia hora, duros ataques ao Governo, quer na gestão na pandemia, quer na relação com as entidades independentes quer até no processo de construção europeia, alertando que Portugal poderá ser ultrapassado por todos os países da zona euro em poucos anos.

No capítulo da pandemia, Cavaco falou de um Serviço Nacional de Saúde (SNS) “fragilizado por decisões erradas e graves” por parte do “governo da geringonça”.

“Respira-se um sentimento de resignação relativamente às autoridades responsáveis pela gestão da crise pandémica. Mas não podemos deixar de sentir uma certa vergonha ao ver Portugal como recordista em número de mortos por milhão de habitantes, como aconteceu há poucas semanas”, disse.

Por outro lado, saudou o processo de vacinação, que parece estar “agora a correr bem”.

Ao PSD, em vez de críticas deixou conselhos, consideando que é preciso “não dispensar esforços em relação a qualquer outro partido” – referindo-se indiretamente ao Chega.

Como líder da oposição, Rui Rio deve “denunciar erros e omissões, falhas de respeito, tentativas de amordaçar a democracia” e apresentar “políticas alternativas adequadas a melhorar o bem-estar, nunca recorrendo a insultos, não recusando o diálogo”.

“A luta processa-se entre adversários, nunca entre inimigos”, disse, citado pelo Expresso.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

56 COMENTÁRIOS

  1. A múmia a falar em vergonha… Hahahaaaa!…
    Ainda por cima fala da pandemia numa altura em que Portugal está entre os países europeus com o menor número de casos por dia!
    É o Cavaco a ser Cavaco…

    • Pois, e factos concretos para analisar sem insultar, tem?
      Ou a sua condição de Troll e de mal-educado não lhe permite mais?
      Se, no panorama da atual geringonça, Portugal voltar a crescer como cresceu no período da governação do Cavaco Silva, será um milagre maior que o milagre de Fátima (para não recorrer à palavra logro….).

      • Agora não há BPN’s, BES’s, AE’s (etc) dos grandes amigos do Cavaco para Portugal “crescer” à grande… Portugal “cresceu” tanto que uma ou duas décadas depois começamos a ver (e a pagar!) o resultado desse brilhante “crescimento”!…
        Isso é um facto concreto!!

        • Agora, há BPN’s, BES’s, AE’s, Golas, e outros, dos pequenos amigos do Cavaco para Portugal “decrescer” à grande… Portugal “decresceu” tanto, que uma ou duas décadas depois, começámos a ver (e a não pagar!) o resultado desse brilhante “crescimento”!…
          Isso não é um facto concreto!!

      • Foi no fim de 1991 que percebi que o ciclo de forte crescimento económico, que Portugal conhecia desde 1986, tinha chegado ao fim, escrevia Cavaco na sua autobiografia, ao mesmo tempo que afirmava que o Governo não se tinha acautelado politicamente para uma conjuntura tão adversa, foi ele que escreveu no livro das suas memórias, por outras palavras deixou d evir os milhões que vinham por dia, deixou de crescer tantos novos ricos mas do governo dele nasceram banqueiros. O pior inimigo da sociedade são os fanáticos religiosos e partidários. só veem o que os seus lideres querem que eles vejam, enquanto assim for Portugal nunca sairá da cepa tortab nem d eandar d emão estendida a pedir emprestimos.

  2. Cavaco falou do facto de cada vez mais estarmos a aproximar-nos do último lugar na Europa. É verdade.
    Cavaco falou do grave caso do procurador José Guerra e da ministra da justiça. É gravíssimo.
    Cavaco falou de pessoas competentes, como a antiga PGR Joana Marques Vidal, que são encostadas e substituías por outras sem a mesma garantia de qualidade. É preocupante
    Cavaco falou da vergonha de sermos o país com o número mais elevado de mortos /milhão de habitantes, em período da última vaga da Covid. É lamentável e demonstrou a falência do sistema de saúde em Portugal.
    Cavaco falou e teve razão no que disse!

    • Cavaco afirmou nos meios de C.S que era totalmente seguro continuar a fazer depósitos no BES , Dias antes do escândalo rebentar !…Isso é verdade e concreto !..e outros maus exemplos não faltam, agora para quem quer ver com os binóculos ao contrario ….claro, compreende-se !…Quanto aos vergonhosos falhanços dos sucessivos Governos, estamos todos bem conscientes das realidades presentes e passadas……..e futuras !

      • Não percebo. Não concorda com o que escrevi? Acha que é ao contrário, é?

        Relativamente às declarações do Cavaco sobre o BES, o que foi dito foi o seguinte, palavra por palavra:
        “O Banco de Portugal tem sido peremptório, categórico, a afirmar que os portugueses podem confiar no BES, dado que as folgas de capital são mais do que suficientes para cobrir a exposição que o banco tem à parte não financeira, mesmo na situação mais adversa. E eu, de acordo com a informação que tenho do próprio Banco de Portugal, considero que a actuação do banco e do governador tem sido muito, muito correta.”

        Quem quiser, veja aqui: https://sicnoticias.pt/especiais/ges/2014-07-21-Cavaco-tenta-tranquilizar-depositantes-do-BES

        A minha opinião é a de que as declarações deviam ter sido mais cautelosas, mas isso já todos percebemos, até o Cavaco. Ao sábado é fácil acertar na chave do euromilhões da sexta anterior…
        Não houve qualquer mentira e não me parece que tenha havido más intenções (bem pelo contrário, a ideia era evitar o pânico, o que por si só ajuda a evitar muitas crises). Parece-me é que de facto as informações do Banco de Portugal estavam erradas.
        Outra questão importante é: o Banco de Portugal fez o que lhe competia?

    • No ultimo lugar da CEE estavamos quando o Cavaco era PM e os seus amigos donos disto tudo faziam grandes negócios – que agora estamos a pagar!
      A procuradora não foi “encostada” – foi nomeada para um mandato e referiu logo que o cargo é de mandato ÚNICO.
      O SNS não faliu, “faliu” menos do que o de Espanha, da Bélgica, da Holanda, de França da Itália, do R. Unido, da R. Checa, etc.
      E, convém relembrar que foi quando esta múmia fazia de conta que era PR que Portugal sofreu o maior corte de SEMPRE no SNS!!
      O caso do procurador é grave, mas o Cavaco é talvez o português com menos moral para falar do que quer que seja.
      É o artista que, mesmo sabendo que os seus amigos tinham feito no BPN/SLN, não teve qualquer problema em lucrar com um roubo descarado ao país e que já custou mais de 6 mil milhões aos portugueses.

      • Este género de comentários “á lá futebolismo” que vão ajudando a criar as condições para o país caminhar rumo ao socialismo chavista.

        • Albano, dedica-te a comentar “a bola” porque a capacidade argumentativa e o conhecimento da realidade política de Portugal (e do mundo) passam-te completamente ao lado!…

  3. E ao mesmo tempo hilariante e repugnante ouvir este senhor dizer o que quer que seja.
    Ainda não desmentiu que foi aspirante a bufo da Pide, ainda não disse porque não prestou as devidas honras a Salgueiro Maio bem como a pensão a que tinha direito , enquanto deu pensões a 2 Pides.
    É um individuo ressabiado e que não pode ferrar a sus língua. Fica envenenado.

  4. O Senhor Prof. Cavaco Silva, deveria ter mais pudor no que diz: O SNS está fragilizado por decisões erradas e graves por parte do “governo da geringonça”?

    Acho que o que ele quis dizer foi: por decisões erradas e muito graves, que remontam ao tempo em que era 1º Ministro e em que o seu Ministro da Saúde, (Prof. Borrego) foi o responsável político pelo problema do alumínio no sangue não convenientemente filtrado e por isso responsável pela morte de doentes necessitando de hemodiálise, ou ainda a sua Ministra da Saúde (Leonor Beleza), responsável política pela aquisição do plasma contaminado, responsável pela contaminação de muitos doentes.

    E quanto à vergonha que ele diz sentir ao ver “Portugal como recordista em número de mortos por milhão de habitantes, como aconteceu há poucas semanas”, penso que a palavra adequada para exprimir essa situação deveria ser muita preocupação e tristeza, pois vergonha sentem todos os portugueses pelo Senhor Prof. Cavaco Silva, na sua qualidade de 1ª Ministro ter sido o campeão absoluto da destruição total do Sector das Pescas, e em consequência do Sector da Indústria Conserveira Português e ainda pela destruição do Sistema Ferroviário Português. No 1º caso foi dos maiores crimes económicos e sociais cometidos a Portugal, tanto mais que sendo um País rodeado por mar (excepto por um), que se estende até às suas parcelas insulares da Madeira e Açores, temos no mar o seu maior e mais importante recurso natural. É isto que os Portugueses têm mesmo muita vergonha, verem o seu maior e melhor recurso natural ter sido destruído por um seu governante, ainda por cima com formação académica em Economia.

    Já agora, penso que o desabafo do ex- Presidente Cavaco Silva era antes de mais dirigido ao actual Presidente Marcelo e por “tabela” também ao Governo.

    • E; já agora, como se está a falar muito da tragédia de Entre-Rios, (porque fez 20 anos) quase ninguém fala (porque será?) que foi no governo dele que se detetou os primeiros problemas com a ponte (com direito a video) e o Casaco não ligou nenhuma. E, já agora, como Presidente da República afirmou que a divida (pagamento dela) era mais importante que a Cosntituição (ele que jurou a defesa desta mesmo!). Ele que prolongou o governo desastroso do Passos/Portas o tempo suficiente (cerca de 6 meses) para que fosse possível fazer o negócio ruinoso (e ilegal porque estava em gestão) com a TAP. Um homem que fez de tudo para acabar com o SNS… E ele ainda fala em vergonha! E ainda fala em democracia amordaçada. Ele é que devia ter vergonha! Nota: Ele não estará ainda mais senil? É que o homem falou em geringonça quando esta já não existe. Será que ele acha que ainda estamos em 2012 e não 2021?

  5. Um SNS fragilizado por decisões erradas e graves ?! Está com certeza a referir-se àquelas que foram tomadas pelo “enorme estadista” PPC , que obrigou milhares de pessoas, da área de saúde, a deixarem a sua zona de conforto para emigrarem e porem os seus serviços ao dispor de estados estrangeiros que não investiram um cêntimo na sua formação! Ficaram demasiado caros a todos nós para os descartarmos assim!! O próprio 1º ministro inglês teceu elogios ao enfermeiro português que esteve ao seu lado durante o seu internamento! O sr. devia estar calmo e recatado para não nos lembrar coisas tristes como foram: o aval que deu ao BES, a sua ligação ao BPN e à urbanização da Coelha! Não são, de todo, fatos que abonem um ex PR ou qualquer campanha!!

  6. Como é que este individuo tem o topete de criticar quem quer que seja??? Agora já as múmias também têm voz??? Chamar múmia nao dá direito a ser presos, pois nao??? Como chamar aberraçao dá direito a ser suspenso, nao sei nao??? Mas entre múmia e aberração venha o diabo e escolha.

  7. Chegou a vez do homem mais honesto????? hahahahahah , deixem-me rir, antes de ter de pagar
    imposto !! cá do burgo , então não foi este , Parv…, que nos enterrou com a agricultura , as pescas e não só ?? que trocou uma casa velha na serra , por uma nova na praia, e se esqueceu de pagar impostos ??? não foi ele mais a família , que comprou ações fora da bolsa e que as vendeu , por ter sido avisado , ou antes teve informação , pela porta do cavalo , que é crime ??? se calhar para alguns
    não é ?? Não foi este senhor, que foi atá a Figueira da Foz , fazer a rodagem ao carro e saiu presi
    dente do partido? Não foi este senhor , que afirmou , ter de nascer ainda duas vezes , qualquer pessoa , para ser mais honesto que ele ?? Ainda estou á espera do pedido de DESCULPAS , a
    todos os Portugueses ??Não foi este senhor , ainda , tenho algum respeito , por ser mais idoso que eu , e só por isso , que afirmou que a mulher , só recebia 800 euros de reforma , e que não chegava ??? Que dirão muitos ,mas muitos Portugueses , que agora , recebem 200/ 300 euros por mês !! Cuidem-se. Já não tenho mais espaço para escrever , fico-me por aqui

    • Convém talvez acrescentar que foi com este senhor na PR que foram suspensas as subvenções vitalicias dos politicos, prontamente repostas de seguida por um governo de esquerda.

      • Mais um mentira do Albano!!
        As subvenções vitalícias foram criadas em 1985 num governo do Cavaco e foi em 2005, num governo do Sócrates (e por proposta do BE) que puseram fim a atribuição de novas subvenções!
        “Subvenções vitalícias: história de um privilégio injustificável”
        JN, 03 Setembro 2019

        • ” fim a atribuição de novas subvenções!” Pois mas as antigas continuaram e foram suspensas no tempo do Passos, para serem repostas pela geringonça. Um dos contemplados foi Maria de Belém.

          • Continuas a mentir descaradamente!…
            O pagamento das subvenções antigas foi reposto por imposição do Tribunal Constitucional!
            “Decisão do TC obriga Estado a devolver subvenções aos antigos políticos
            Tribunal Constitucional chumbou, por violação do princípio da confiança, a norma do OE 2015 que faz depender a subvenção vitalícia dos políticos de uma condição de recursos.”
            Publico, 18 de janeiro de 2016

  8. Da mesma forma que alguns dirigentes de esquerda, para defenderem a geringonça, costumam dizer “por alguma razão a direita não chegará ao poder nos proximos anos” Eu digo, ” por alguma razão este sujeito teve 4 maiorias absolutas”

  9. Uma vez quando era criança, fui levado pela minha avó a uma ação de campanha do PSD, lá na minha terra.
    Passou o Cavaco no meio das pessoas, e como eu era pequeno, ele não me deve ter visto e deu-me um grande encontrão.
    Depois disso nunca mais o vi.
    Resumindo, o Cavaco causou-me uma forte primeira impressão, mesmo forte, mas foi só isso.
    Podia ter sido pior, eu podia ter sido espancado pela polícia no garrafão da ponto 25 de abril, até não me safei mal.
    Eu, quando me reformar, não volto ao trabalho para mandar bocas aos colegas.

    • O Cavaco está mais para lá do que para cá, mas não deixa nem deixará de ser um bom miúdo. É muito melhor do que muitas abéculas da escória política.

  10. Começa a preparação das próximas eleições e os partidos políticos vão tirando as figuras de proa do fundo do baú para irem perdendo o cheiro a mofo.

    Quanto ao Sr. Prof. e às suas declarações: É um pateta. Um privilegiado que nunca teve contacto com a realidade do pais pobre que governou. Andou perdido no mundo académico, da alta finança e dos favores políticos.

    Os comentários à pandemia nem merecem resposta. Quem tem a responsabilidade de decidir, fez e faz o melhor que pode e sabe. É fácil, ‘depois do melão aberto’, dizer que o que o que foi feito, foi mal feito e que ‘eu’ faria melhor. É um juízo malicioso, proferido por idiotas que comentam com o conforto do conhecimento dos factos.

    Relativamente ao estado do SNS: Quem tiver memória despoluída de cor politica, lembrará facilmente a tentativa de assassinato do SNS por asfixia lenta, do governo de Passos Coelho.

    Tivemos na altura a ‘sorte’ da entrada da Troika no pais e o programa de governação ficou condicionado (porque, SIM! esta asfixia estava no programa de governo). Caso contrário, hoje teríamos aquilo que uma certa ala dos partidos de direita querem há muito: Um mini-SNS em que prestadores privados têm a seu cargo 80% (ou mais) da atividade da saúde em Portugal. Um sistema à Americana (sem perceberem a falência escandalosa do sistema Americano) em que os ricos têm acesso a cuidados de topo e o sistema público está reservado aos indigentes.

    Quanto ao Sr. Prof. deixo uma pergunta: A reforma de mais de 10.000€, já cobre as despesas mensais?

  11. Portugal cresceu, não!! Cresceram as concessionárias como a Lusoponte e outras. Aquelas que construíram autoestradas paralelas a autoestradas, por onde é raro transitarem viaturas o que implica que o estado as tenha que indemnizar por esse deficit de número carros que surgiu de cálculos propositadamente erróneos. Até em situação de pandemia, os ditos senhores não podem ser prejudicados por que ela não consta dos contratos onde ninguém toca por estarem mais do que blindados!!! O que este ex PR fez bem, foi alcatroar o país!!! Como é que esta gente vivia sem o estado que clamam a sete ventos que devia acabar???

  12. Concordo em absoluto com o que diz, AT, parabéns pela análise. É um cheiro insuportável a naftalina! Quem pensa que este odor pode ser favorável a qualquer campanha deve ter ficado gravemente afetado no seu olfato pelas sequelas do vírus!

  13. Por vontade de Cavaco Silva o SNS tinha acabado e, como temos todos melhor rendimento do que ele, estávamos todos a ser atendidos, até durante a pandemia, no sector privado. Se não fosse a actuação do BE estaria ainda muito mais fragilizado, dr. Cavaco!!! Ou tem dúvidas? Como é que o sr com a sua parca reforma seria tratado?

  14. O Cavaco Silva tem toda a razão!
    A análise foi muito certeira e lúcida.
    O que se passou com a ministra da justiça e o procurador José Guerra foi uma enormíssima vergonha e uma situação gravíssima, sem espaço num Estado de Direito.
    A substituição de altos cargos como a Procuradora Geral da República e o Presidente do Tribunal de Contas também são ilustrativos da degradação das instituições no nosso país. Não tanto pela lógica da substituição, que compreendo e até concordo, mas pelas motivações implícitas e pelas pessoas encontradas para a substituição (cuja qualidade é quase unanimemente vista como inferior aos antecessores) . Ainda não nos esquecemos do PGR Pinto Monteiro, amigo do Sócrates…
    Podia também ter sido referido o caso Tancos e a atuação do ex-ministro da defesa. Julgo que o Cavaco Silva só não o fez porque o caso está em julgamento.
    O Cavaco tem razão. Se o Marcelo não concorda com o Cavaco, então é o Marcelo que está errado.
    Resolver estes problemas, que são gravíssimos e perigam o Estado de Direito, devia ser um dos principais objectivos do Marcelo. As palmadinhas nas costas do povo português podem ficar para mais tarde…

  15. E o escândalo do BPN e do seu grande amigo Oliveira e Costa, (seu secretário de estado do tesouro, depois presidente do famigerado banco que nos custou os olhos da cara!) homem honesto da sua inteira confiança?!Pudera avisou-o da falência a tempo de levantar as acções!! E o seu grande amigo Dias Loureiro, e as empresas fantasmas a ele associadas, que passou pelas maiores trapalhadas sem deixar sombra de suspeitas? Isto é mais grave do que qualquer outra trafulhice que esteja a passar-se com o PS!!

RESPONDER

Em Inglaterra, há crianças de 16 anos que vão passar a viver em alojamentos não regulamentados

A 9 de setembro, foi aprovada uma nova lei em Inglaterra, segundo a qual as crianças com 16 e 17 anos podem ser colocadas em alojamentos não regulamentados. O sistema de acolhimento de crianças inglês está …

Suspeitos numa mota sem matrícula dispararam na direcção de candidata do CDS

A candidata do CDS à Junta de Freguesia de Palmela, em Setúbal, foi surpreendida, na noite de sexta-feira, por disparos de caçadeira, protagonizados por "duas pessoas sem capacete", numa mota sem luzes, nem matrícula. O incidente …

Jerónimo diz que conquista de Guimarães só é possível "milho a milho"

O secretário-geral do PCP defendeu, esta sexta-feira, que a presença da CDU na autarquia de Guimarães só pode ser reconquistada “milho a milho”, na noite em que a dirigente do PEV Heloísa Apolónia integrou a …

Parlamento aprovou Constitucional em Coimbra (mas PS ainda pode chumbar a saída de Lisboa)

O Parlamento aprovou, na generalidade, a proposta do PSD para transferir o Tribunal Constitucional (TC) e o Supremo Tribunal Administrativo (STA) de Lisboa para Coimbra. Mas a mudança só poderá ser concretizada depois da votação …

Concluídas obras de segurança e consolidação da catedral de Notre-Dame em Paris

A fase de segurança e consolidação da catedral de Notre-Dame, em Paris, quase destruída num incêndio há mais de dois anos, terminou, dando lugar à etapa de restauro, anunciaram este sábado as autoridades. Em 15 de …

Certificados de vacinação emitidos por países terceiros reconhecidos para viagens aéreas

Os certificados de vacinação e de recuperação emitidos por países terceiros passam a ser reconhecidos para viagens aéreas, deixando de ser exigido teste negativo e quarentena quando esta seja aplicável em função da respetiva origem, …

Rui Costa, Benfica

Acções do Benfica com comissão milionária a Carlos Janela. Em AG muito quente, sócios gritaram, mas não puderam votar

A Assembleia-Geral (AG) Extraordinária do Benfica de sexta-feira à noite foi muito quente, com cânticos, protestos e pedidos de demissão dos sócios. Enquanto isso há novos dados sobre o negócio de venda das acções do …

"Não tem passado de figurante". Fenprof diz que sistema educativo bloqueava se dependesse do ministro

O secretário-geral da Federação Nacional dos Professores (Fenprof), Mário Nogueira, considerou, esta sexta-feira, que sistema educativo em Portugal já tinha bloqueado se dependesse do trabalho do ministro da Educação e do Governo, realçando que o …

País "esqueceu-se de que existe engenharia". Especialistas criticam recomendação da DGS para ventilação nas escolas

Recomendações da Direção-Geral da Saúde (DGS) sobre a ventilação nas escolas ficam aquém do que seria necessário, dizem especialistas. Tendo em conta que a covid-19 se transmite por aerossóis, é importante que exista uma boa ventilação …

O "ar salazarento" dos ministros na campanha do PS. Temido usou carro do Governo e pode ter cometido crime

A presença de ministros na campanha dos candidatos socialistas às autárquicas está a causar polémica, sobretudo no Porto, com Rui Moreira a criticar "o ar salazarento de chapelada" do PS. Marta Temido, ministra da Saúde, …