Candidato abandona debate com Marcelo em directo

Durante o debate, Cândido Ferreira criou a surpresa ao abandonar o “plateau”

 

Os debates entre os candidatos à Presidência da República começaram, e um deles já teve um episódio surpreendente.

Esta sexta-feira, às 20:35h, Sampaio da Nóvoa e Marisa Matias protagonizaram na RTP o primeiro debate destas Presidenciais 2016.

Às 21.30h, Maria de Belém esteve frente a frente com Paulo Morais na SIC Notícias, e às 22:00h, na TVI, Henrique Neto debateu com Edgar Silva.

Marcelo Rebelo de Sousa teve uma estreia nos debates mais invulgar.

O candidato esteve nos ecrãs da TVI24 ao fim da noite, num confronto a quatro, no qual esgrimiu argumentos com Vitorino Silva (o “Tino de Rans”), Cândido Ferreira e Jorge Sequeira.

Durante o debate, Cândido Ferreira criou a surpresa ao abandonar o “plateau” por achar que os meios de comunicação “discriminam” os candidatos em termos de tempos de antena.

Ao todo, são dez as candidaturas às eleições presidenciais de 24 de janeiro validadas pelo Tribunal Constitucional. Até à data das eleições realizar-se-ão debates televisivos entre todos os candidatos.

Está ainda marcado um debate com todos os candidatos, com transmissão na Antena 1.

ZAP / Bom Dia

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

  1. Este senhor pode ir contar historinhas destas a quem quiser mas só acredita nos seus argumentos quem quiser. Então, deixa ver se percebo, para reclamar do pouco tempo de antena que lhe é concedido não aproveita o pouco que lhe é disponibilizado? E que tal se participasse neste debate e aproveitasse para fazer um forcing, eventualmente um ultimato, para que as regras fossem alteradas. Não conheço o senhor mas, quem não tem capacidade para debitar na televisão uma mensagem tão simples e precisa da muleta do textinho escrito… deixa-me a pensar se a sua dificuldade não será precisamente a sua incapacidades para participar no pouco tempo de antena de que se está a queixar…

  2. O que Cândido Ferreira diz sobre a Comunicação Social é 100% verdade. A forma de se manifestar sobre isso é que a meu ver não é a mais eficaz nem a mais correcta.

  3. Ganda Maluco!!!!!!!!!!!!!!
    Por causa destes senhores á que a abstenção sobe……estão fartos de palermas e portanto não votam e não apoiam estas “palhacises”.

  4. de facto, pode ter presidido do seu tempo. .. mas tem razão! Não se compreende a forte vontade da TV em reduzir a 2 o número de candidatos. .. Eu vou votar num candidato que não se identifique com nenhum partido e nem com este novo poder:a TV! !!

  5. desculpem. .. prescindido**
    de qq forma vejam os cabeçalhos do ZAP: Marcelo isto, Marcelo aquilo. .. Parece que os outros nada tem para dizer!!!!

  6. Ahhhh !!???….. iii na conto é?õ.õ..
    Também sou candidado ora ura,sou o candidadto da cASCALHEIRA e na me DeCLARARÃO ora caramba …..
    Mas qui cosa esta õ.õ ja na si rispita ninguemmm……….

    a.g.p.

  7. Claro que o sr. Marcelo R Sousa já ganhou! “Atão” andou o homem a vender livros e a sua imagem todas as semanas/meses numa tv da nossa praça e agora não tirava dividendos disso?? Agora não pense o sr. Marcelo que engana todos pois irá ser uma cópia fiel do sr. Cavaco a defender a banca, o capital, o patronato e a desprezar aqueles ( refiro-me aos ignorantes ) que irão inocentemente legitimar o seu mandato só porque “se sentem intimamente ligados àquela imagem televisiva”

RESPONDER

Sondas espaciais com "cunho" português vão passar perto de Vénus

As sondas espaciais europeias Solar Orbiter e BepiColombo, ambas com tecnologia e ciência portuguesas, vão passar perto de Vénus a 9 e 10 de agosto, respetivamente, anunciou esta segunda-feira a Agência Espacial Europeia (ESA). A passagem …

Elvis Presley terá morrido de doenças genéticas (e não por overdose de medicamentos)

Segundo um novo livro de Sally Hoedel, a morte de Elvis Presley estará, afinal, relacionada com o tratamento para doenças congénitas das quais sofria. O cantor norte-americano, que morreu há quase 44 anos, estava fortemente medicado …

A cidade mais populosa de África está a viver em contra-relógio

Os habitantes da Nigéria, o país mais populoso de África, já estão habituados a contornar as inundações anuais que invadem o país. No entanto, este ano a situação saiu fora do controlo, com o principal …

"Pensávamos que a Casa Branca mandava". Biden sob fogo devido ao fim da proibição dos despejos

A inacção de Joe Biden perante o fim das moratórias que proíbem os despejos durante a pandemia está a ser criticada até dentro do próprio Partido Democrata. A moratória federal aos despejos acabou este sábado, para …

Na ausência de Biles, Sunisa Lee coroou-se rainha da ginástica. É a primeira hmong a ganhar ouro

Sunisa Lee chegou a Tóquio com a missão de ajudar os Estados Unidos a garantir o ouro e de garantir a presença em finais individuais de aparelhos. Com o abandono de Biles, tornou-se a estrela …

Presidente afegão culpa retirada “abrupta” dos EUA pelo rápido avanço dos talibãs

O chefe de Estado afegão prometeu vencer o conflito com as milícias talibãs e os Estados Unidos dizem-se prontos a receber mais milhares de refugiados. O Presidente do Afeganistão, Ashraf Ghani, prometeu esta segunda-feira vencer o …

42% das pessoas em enfermaria no Hospital de são João têm vacinação completa

No Centro Hospitalar de São João (CHSJ), 42% das pessoas internadas em enfermaria e 15% das internadas em unidades de cuidados intensivos tinham a vacinação completa. Segundo os últimos dados da Direção-Geral da Saúde (DGS), apenas …

António Oliveira e uma arbitragem "conveniente"

Athletico Paranaense perdeu novamente no Brasileirão e a equipa de arbitragem ajudou os vencedores, queixou-se o treinador português. O Athletico Paranaense, líder do Brasileirão nas primeiras jornadas, está numa fase negativa: apenas uma vitória nas últimas …

André Ventura - Chega

Autárquicas. Chega concorre sozinho a 220 municípios para avaliar o seu "impacto"

André Ventura anunciou esta segunda-feira que o Chega irá concorrer nas eleições autárquicas a “cerca de 220 municípios” do país, sublinhando que o partido vai a votos sozinho para avaliar o seu “impacto”, mas sem …

Ex-guarda nazi julgado aos 100 anos por cumplicidade em assassinatos

Um homem de 100 anos que supostamente serviu como guarda num campo de concentração nazi será julgado em outubro por cumplicidade no assassinato de mais de 3.500 pessoas durante a Segunda Guerra Mundial, informou a …