Banif divide Sampaio da Nóvoa e Marisa Matias

@mmatias / Flickr

Marisa Matias e António Sampaio da Nóvoa protagonizaram na RTP o primeiro debate televisivo das Presidenciais 2016

António Sampaio da Nóvoa considerou esta sexta-feira, no primeiro debate televisivo entre candidatos presidenciais, que a solução adotada para o Banif foi “a menos má”, mas Marisa Matias rejeitou-a, afirmando que não teria promulgado o Orçamento retificativo.

No frente a frente, transmitido na RTP, em canal aberto, com a duração de 25 minutos, os dois escusaram-se a antecipar o que farão se o Governo do PS ficar novamente sem o apoio dos partidos que o suportam no parlamento – BE, PCP e PEV – como aconteceu com o Orçamento retificativo, viabilizado com a abstenção do PSD.

No início do debate, questionados sobre o que os distingue, Marisa Matias e Sampaio da Nóvoa não apontaram nada em concreto. Depois, interrogados sobre a solução adotada para o Banif, manifestaram divergências.

“Julgo que esta foi a menos má das soluções”, disse o antigo reitor.

“Eu não concordo que essa solução seja boa”, contrapôs a eurodeputada do Bloco de Esquerda, discordando que se continue a “ir buscar dinheiro aos contribuintes”.

Marisa Matias adiantou que se fosse Presidente “não promulgava” o Orçamento retificativo apresentado na sequência do resgate ao Banif e referiu que na União Europeia têm sido adotadas medidas de resolução diferentes, mas não especificou qual a solução que preconiza.

Para além desta divergência, a eurodeputada do BE demarcou-se do exercício de funções presidenciais de António Ramalho Eanes, que apoia Sampaio da Nóvoa e que este aponta como uma das suas referências.

Marisa Matias quis “deixar claro que não me revejo no modelo preconizado por Ramalho Eanes, que enquanto Presidente independente usou as suas funções para criar um partido político nessa altura”.

O jornalista moderador do debate, José Rodrigues dos Santos, observou nesse ponto que “no seu caso, já tem um partido político”.

O antigo reitor realçou o facto de não ser “um candidato apresentado por um partido”.

Mais à frente, foi Sampaio da Nóvoa quem se referiu ao facto de Marisa Matias ser a candidata do Bloco de Esquerda às presidenciais.

“Uma candidatura apresentada por um partido político, como é o caso da sua candidatura, é totalmente legítima, e não tem nem mais nem menos legitimidade do que a minha”, disse Sampaio da Nóvoa.

Agora, são candidaturas diferentes. Há uma marca de diferença na maneira como esta minha candidatura é apresentada”, considerou o professor universitário.

Sampaio da Nóvoa acrescentou que tem a certeza de que numa segunda volta das eleições presidenciais os dois estarão “juntos em torno de uma candidatura” contra Marcelo Rebelo de Sousa, a quem se referiu como “o candidato de Pedro Passos Coelho e de Paulo Portas”.

Estes dois candidatos da área da esquerda declaram-se a favor da solução de governação atual, assente em acordos entre o PS e os partidos à sua esquerda, e subscreveram totalmente a redação da Constituição da República, considerando desnecessárias quaisquer alterações ao texto em vigor.

Bom Dia

PARTILHAR

RESPONDER

A Rússia criou a arma mais mortífera da história. Foi há 72 anos

Comummente conhecida por AK-47, a espingarda Kalashnikov foi responsável por milhões de mortes durante a nossa História, sendo uma das armas mais populares do mundo e a mais fabricada pela indústria de armamento. Segundo o The Conversation, …

Luxemburgo 0-2 Portugal | Campeão marca presença no Euro

Portugal venceu o Luxemburgo por 2-0 e apurou-se para a fase final do Euro2020 – a 11ª presença consecutiva da turma das “quinas” em fases finais de grandes competições. Num encontro mal jogado, em parte pelas …

Hologramas e outras tecnologias podem ajudar a combater incêndios florestais

Portugal continua a ser assombrado pela destruição sem precedentes dos incêndios florestais. Agora é a hora de aproveitar as nossas ferramentas tecnológicas e encontrar maneiras inovadoras de ajudar a aliviar o problema e também evitar …

Pombos estão a perder dedos ou patas por causa da poluição

Basta passar algum tempo na praça de uma cidade para ver que alguns pombos têm patas feridas ou dedos em falta. Embora possamos pensar que isto é causado por algum vírus ou pelos eventuais desentendimentos …

Descoberto no Japão fóssil de pássaro com 120 milhões de anos

O fóssil de um pássaro do Cretáceo recentemente descoberto no Japão pode levar os cientistas a repensarem alguns detalhes sobre a evolução do voo. Há cerca de 120 milhões de anos, um pássaro com o tamanho …

Irão corta acesso à Internet após protestos contra a subida do preço da gasolina

O Irão cortou o acesso à internet no sábado, após os protestos contra o aumento do preço da gasolina, que provocaram fortes confrontos entre manifestantes e forças de segurança. O Irão cortou o acesso à internet …

A maior parte das Testemunhas de Jeová não apresenta queixa em caso de abuso sexual. Mas uma nova lei pode alterar essa realidade

Em casos de abuso sexual dentro organização religiosa Testemunhas de Jeová, a maior parte das vítimas não acusa os agressores por receio de serem excluídas, revelou um artigo da Vice. Agora, uma nova lei norte-americana, …

Hong Kong. Agente atingido por flecha e operação policial reforçada com canhão de água

Um polícia foi atingido numa perna por uma flecha lançada por manifestantes antigovernamentais e pró-democracia, informaram as forças de segurança, que reforçaram a operação no local com um canhão de água. Um polícia foi atingido …

Príncipe André nega ter abusado sexualmente de jovem de 17 anos

O príncipe André, filho de Isabel I, é acusado de ter abusado sexualmente de Virginia Giuffre, uma jovem que na altura tinha 17 anos. O caso remonta ao dia 10 de março de 2001 e, este …

FC Porto tira pão da boca ao Sporting ao desviar central brasileiro

Os 'dragões' podem estar perto de chegar a acordo para a transferência de Gustavo Henrique. O central do Santos estava em negociações com o Sporting, mas uma forte investida do FC Porto, pode ter mudado …