Se o Bloco mandasse, o Banif não teria sido entregue ao Santander

José Sena Goulão / Lusa

Catarina Martins na X Convenção do Bloco de Esquerda

Catarina Martins na X Convenção do Bloco de Esquerda

Catarina Martins inaugurou, este sábado, a X Convenção do Bloco de Esquerda com um discurso assente nas novas responsabilidades do partido como aliado do governo PS.

No pavilhão desportivo do Casal Vistoso, a porta-voz do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, enalteceu o resultado do partido nas últimas legislativas, mas reconheceu que se tivesse mais força, o Banif “não teria sido entregue ao Santander”.

“Tivesse o Bloco tido mais força e o Banif não tinha sido entregue ao Santander. Tivesse o Bloco mais força e o governador do Banco de Portugal não continuava a assustar o país com ameaças de colapso bancário umas atrás das outras. Tivesse o Bloco mais força e Portugal não tinha assinado com a Turquia a vergonha do acordo anti-humanitário que é o contrário do que a Europa tinha que fazer”, sustentou a porta-voz bloquista, aplaudida por centenas de militantes e apoiantes em Lisboa.

O “projecto falhado” da União Europeia

Antes do discurso na Convenção, à entrada para o pavilhão desportivo do Casal Vistoso, Catarina Martins falou com os jornalistas sobre a saída do Reino Unido da União Europeia, decidida pelos britânicos em referendo.

A porta-voz do Bloco considerou que “este não é o momento dos países saltarem com cartadas de referendos”, mas de “pôr em cima da mesa alternativas pensadas” para depois haver “espaços que possam ter legitimidade democrática”.

Já o antigo coordenador do BE, Francisco Louçã, considerou, à entrada para a Convenção, que a UE é um “projecto falhado” que “redundou em autoritarismo e finança selvática sobre as pessoas”.

O economista reforçou ainda que Portugal, em concreto, tem um problema com o “Euro, o autoritarismo europeu, mas sobretudo um problema de resolver no dia-a-dia as suas prioridades”.

Eleições autárquicas serão “prova fundamental”

Na intervenção do arranque da X Convenção do BE, Catarina Martins sublinhou que o Bloco orgulha-se de uma “intervenção cada vez mais consistente” a nível autárquico.

“Encontramo-nos nas lutas por um país pensado para as pessoas, desenhado para a inclusão, projectado para os desafios do futuro. Dentro de ano e meio, as eleições autárquicas serão uma prova fundamental para dar força a essa experiência e responsabilidade que cresce”, sustentou a bloquista.

Nas últimas eleições autárquicas de 2013, o BE perdeu a única presidência de Câmara que detinha no país, a de Salvaterra de Magos.

A X Convenção bloquista, que decorre até domingo, tem como lema “Mais força para vencer” sendo o vermelho a cor dominante do pavilhão.

Na reunião serão debatidas e votadas três moções de orientação política, sendo que a primeira, afecta à direcção, junta as principais tendências do BE, ao contrário do que se passou em 2014, quando a IX Convenção terminou sem uma liderança do partido, após um empate entre as listas de João Semedo e Catarina Martins e a de Pedro Filipe Soares na eleição para a Mesa Nacional.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Se o Bloco mandasse?
    Quem é que manda não é o Bloco e o PCP?
    O quê?
    Já querem fugir às responsabilidades?
    Fogo não há mesmo político que se aproveite
    É só bandidagem

  2. A Catarina vai suceder ao Costa e depois teremos o paraíso prometido porque segundo ela já estamos para lá a caminhar, a situação dos portugueses segundo ela e a sua quadrilha já está muito melhor desde que a troika de esquerda se apoderou do Poder.

RESPONDER

A linguagem de Benoit está a morrer. O senegalês quer salvá-la através da música

O senegalês Benoit Fader Keita está a usar o poder da música para salvar a sua linguagem, ménik, que tem apenas 3 mil falantes e está em risco de extinção. Benoit Fader Keita nasceu no Senegal …

Doença cerebral misteriosa intriga médicos no Canadá

 A doença misteriosa foi identificada, pela primeira vez, em 2015, num doente considerado um "caso isolado e atípico". Há quase dois anos, Roger Ellis desmaiou depois de ter tido uma convulsão durante o 40.º aniversário de …

Estudo sugere que há quatro tipos de Alzheimer

Uma equipa de investigadores sugere que há quatro tipos da doença de Alzheimer, que atacam diferentes zonas do cérebro e têm sintomas distintos. Um novo estudo sugere que o Alzheimer é uma doença bem mais complexa …

Jovens tentam salvar vidas na Índia através do Youtube. Plataforma elimina vídeos por serem "perigosos"

A Índia continua a debater-se com a grave crise sanitária desencadeada pela covid-19. Jovens indianos publicaram no Youtube vídeos a produzir oxigénio em casa, usando processos químicos ensinados nas escolas. A plataforma eliminou-os. De acordo com …

Shuvuuia era um dinossauro do tamanho de uma galinha, que caçava às escuras

Os investigadores descobriram que Shuvuuia, um pequeno dinossauro do tamanho de uma galinha, tinha uma excelente audição e visão noturna, que lhe permitiam caçar de noite. São poucas as aves que têm aquilo que é preciso …

Na China, é ilegal pedir comida em excesso nos restaurantes

A China aprovou uma lei anti-desperdício de alimentos que proíbe clientes de restaurantes de pedirem mais do que precisam, uma legislação abrangente pode prejudicar a experiência de comer fora de casa. A lei, que entrou em …

Sindicato de pilotos denuncia pedidos da TAP para voos em folga

O Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) denunciou pedidos da Transportadora Aérea Portuguesa (TAP) para que alguns trabalhadores efetuem voos em dias de folga, ao mesmo tempo que afirma ter pilotos em excesso. Num email …

Bayern Munique 'festeja' nono título consecutivo com goleada

O Bayern Munique coroou este sábado o seu nono título consecutivo na Liga alemã de futebol com uma goleada no triunfo diante do Borussia Moenchengladbach (6-0), num jogo com um hat-trick de Lewandowski. Antes de pisar …

A piscina infinita mais alta do mundo fica no Dubai

Haverá poucas coisas tão libertadoras como dar um mergulho numa piscina infinita com vista para o oceano. Agora, quem visitar o Dubai poderá fazê-lo numa piscina a quase 300 metros acima do nível do mar. Segundo …

"Polskie Babcie", as avós que lutam pela democracia na Polónia

Um grupo de idosas polacas organiza protestos, todas as semanas, para lutar pela democracia no país, governado pelo partido de direita nacional-conservador e democrata-cristão Lei e Justiça (PiS). É hora de ponta em Varsóvia, capital da …