Belgas inventaram torneios (que nunca existiram) para chegarem aos Jogos Olímpicos

Basketball Belgium

Bélgica, basquetebol 3×3

Processo inacreditável – ou de génio? – foi criado no seio da seleção da Bélgica de basquetebol 3×3 que, em Tóquio, quase conseguiu uma medalha.

O basquetebol vertente 3×3 estreou-se nos Jogos Olímpicos. Em Tóquio, Letónia e Comité Olímpico da Rússia chegaram à final, com vitória da Letónia. A medalha de bronze foi para a Sérvia. Letónia, Rússia e Sérvia: não houve propriamente uma surpresa no pódio. Mas houve uma surpresa no quarto lugar.

A Bélgica, equipa algo discreta até ao final de 2019, foi a Tóquio, ficou no segundo lugar na fase de grupos e assim chegou às meias-finais, onde perdeu com a Letónia; e viria a perder na disputa pelo bronze, diante da Sérvia.

Mas, afinal, o quarto lugar da Bélgica é a surpresa menor. A surpresa chega agora, no processo de qualificação para os Jogos Olímpicos.

A «bomba» foi lançada pelo jornal De Standaard, que informa que os belgas conseguiram a presença no maior evento desportivo do mundo graças a torneios…que nunca foram realizados.

Como?

Primeiro, convém explicar como funcionam as contas de apuramento para os Jogos Olímpicos. Ao contrário das outras modalidades coletivas, o que interessa são os pontos que cada jogador consegue em torneios ou campeonatos. O ranking mundial contabiliza os pontos dos 100 melhores jogadores de cada país. E, juntando os resultados desses jogadores, define-se que seleções estão no topo.

Para aumentar o número de pontos dos belgas, foram inventados – literalmente inventados – 27 torneios entre 31 de agosto e 30 de outubro de 2019. Torneios locais, que figuraram nas contas oficiais e no site da Federação Internacional de Basquetebol, a FIBA. E cada torneio contou com 48 jogadores.

Esses torneios…nunca aconteceram

Dois dos basquetebolistas belgas que constam na lista oficial de participantes confessaram ao jornal que nem sabiam da existência desses torneios.

Outro jogador confessou que foi abordado por Nick Celis, um dos internacionais pela Bélgica: “Eu não sabia para o que era, mas o Nick Celis perguntou-me se poderia utilizar a minha conta no portal da FIBA“. Celis negou essa conversa.

E, nos supostos dias desses torneios, os campeonatos na Bélgica continuaram normalmente, por isso muito dificilmente os jogadores (todos da seleção local da Antuérpia) estariam em duas provas no mesmo dia.

Além disso, basta fazer as contas: 27 torneios disputados num período de quase nove semanas

Os próprios locais dos alegados torneios levantam muitas dúvidas. O site oficial da FIBA indica que nove dessas provas tiveram lugar num ginásio em Olicsa, cidade que tem um clube de basquetebol. Mas a própria autarquia assegura que aquele ginásio só foi utilizado pelo Olicsa, o clube, e nunca por uma seleção da Antuérpia.

Com ou sem jogos reais, os resultados entraram mesmo nas contas da FIBA, os belgas viram o aumento dos seus pontos e foram aos Jogos Olímpicos.

Por causa do formato do ranking mundial, e porque entretanto o sistema de pontuação mudou, é complicado referir com exatidão todos os pontos que favoreceram a Bélgica. Mas um especialista disse ao De Standaard que, sem esses tais 27 torneios, é quase certo que a Bélgica não iria estar nos Jogos Olímpicos (onde só estiveram as oito melhores seleções do mundo).

A Federação Belga de Basquetebol já anunciou que está a investigar o assunto, embora acrescente que nunca recebeu qualquer denúncia.

Nuno Teixeira, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Comportamento dos gatos varia tendo em conta (apenas) sete traços de personalidade

Um novo estudo, levado a cabo na Finlândia, descobriu que a personalidade dos gatos pode ser definida através de uma combinação de apenas sete traços de personalidade. De acordo com uma nova investigação, cujos resultados foram …

Medvedev esmagador rouba Grand Slam a Djokovic. E os campeões também choram

O sérvio Novak Djokovik falhou o seu encontro com a história do ténis, depois de uma inesperada e dolorosa derrota em três sets frente ao russo Daniil Medvedev. Ainda não foi desta que um tenista …

318 dias depois, máscaras deixam de ser obrigatórias na rua (mas recomendadas em aglomerados)

O uso de máscara no exterior deixa de ser obrigatório a partir desta segunda-feira, 318 dias depois, passando a ser facultativo e recomendado em algumas situações, como os aglomerados de pessoas. Esta obrigação durou, no total, …

CBS anuncia um reality show para ativistas. E alguns já o odeiam

O anúncio de um novo programa de televisão, apresentado como uma competição entre ativistas, cujo vencedor será o que tiver mais impacto nas redes sociais, causou polémica este fim de semana nos Estados Unidos. O novo …

A poesia moderna pode ter surgido muito antes do que se pensava

Descoberta feita por professor da Universidade de Cambridge vem colocar os inícios da poesia moderna no século II e não no século V, como se acreditava, quando os Bizantinos começaram a introduzi-las nos seus cânticos …

Agricultora com raízes portuguesas quer cultivar plantações com água salgada

Camila Reveles é nascida e criada no Brasil, mas há quatro gerações, o tetravô de Reveles deixou Portugal e mudou-se para a região de Praia Seca, perto do Rio de Janeiro. Com ele trouxe a …

BMW apresenta dois novos conceitos de veículos elétricos de duas rodas

No passado fim de semana, a BMW apresentou dois conceitos de veículos elétricos com duas rodas no IAA Mobility 2021, na Alemanha. Ambos foram desenvolvidos por divisões distintas da fabricante. A Vision AMBY e a i …

Dono de empresa de crio-preservação acusa a ex-mulher de roubar corpos congelados

  Duas empresas russas de crio-preservação, administradas respetivamente por ex-cônjuges, estão em conflito aberto. Na passada quarta-feira, a empresa do ex-marido acusou a empresa da sua antiga esposa de tentar roubar corpos congelados e equipamentos de um …

"Papel do orgasmo como descongestionante nasal" vence Prémio Ig Nobel 2021

O prémio, que é uma sátira do Prémio Nobel, também destacou este ano uma pesquisa sobre a melhor forma de transportar rinocerontes – de cabeça para baixo e pelas pernas – e o papel da …

Rampa de lançamento para os Jogos Olímpicos, este ginásio de boxe está a definhar com a covid

O East Coast Boxing Club tira jovens lutadores da rua e dá-lhes uma casa para praticar boxe. Agora, o ginásio atravessa sérias dificuldades devido à covid-19. Em Kampala, a capital do Uganda, encontra-se o East Coast …