Batalhas de feiticeiros e círculos de demónios. Revelados textos cristãos que não foram incluídos na bíblia

Os textos da bíblia como a conhecemos hoje foram “canonizados” pela primeira vez pela Igreja no final do século IV. No entanto, antes disso, centenas de outros textos religiosos circularam por toda a Cristandade.

Há mais de 300 textos apócrifos cristãos que não foram incluídos na versão final da bíblia.

De acordo com a LiveScience, novas traduções em inglês desses textos esquecidos foram publicadas este ano no livro New Testament Apocrypha More Noncanonical Scriptures (Volume 2) pela Eerdmans Publishing.

O livro apresenta centenas de textos que já foram considerados verdadeiros pelos seguidores cristãos – mesmo após a canonização da bíblia.

“Os textos apócrifos eram essenciais para a vida espiritual dos cristãos muito depois do aparente encerramento do cânon e os apelos para evitar e até mesmo destruir essa literatura nem sempre eram eficazes”, escreveu Tony Burke, professor de cristianismo primitivo na Universidade de York, do Canadá, que editou o volume.

Os textos apócrifos foram obtidos em vários lugares da Europa e do Egito e, na sua maioria, estão escritos em grego antigo ou latim. Alguns dos textos falam de magia negra e demónios.

Uma dessas histórias segue um personagem chamado Bispo Basílio, que supostamente viveu entre 329 a 379. O Bispo é abordado pela Virgem Maria nos seus sonhos, onde lhe diz para encontrar uma imagem dela que “não foi feita por mãos humanas”. A Virgem Maria instrui-o a colocar a sua imagem no topo de duas colunas dentro da sua igreja localizada fora da cidade de Filipos.

Porém, o bispo encontra os seus homens a lutar contra um grupo de feiticeiros que conheciam a magia diabólica e queriam impedi-lo de completar a sua missão.

“Aqueles que cometeram esse ato maligno de magia impertinente, eis que são cegos, gananciosos”, disse a Virgem a Maria ao Bispo num outro sonho. Quando acorda, a Virgem Maria coloca a sua própria imagem no topo das colunas e surge um riacho que cura as pessoas.

O conto termina com os feiticeiros a ser literalmente engolidos pela Terra.

O texto, escrito na língua copta egípcia que usa o alfabeto grego, foi originalmente escrito há 1.500 anos. As únicas duas cópias remanescentes deste texto estão guardadas na Biblioteca Apostólica do Vaticano e na Biblioteca da Universidade de Leipzig.

Outro texto cristão apresentado no livro data do século XI ou XII. Os estudiosos suspeitam que a história foi escrita originalmente séculos antes, provavelmente cerca de um século antes da primeira história.

Conta a história de Pedro, que encontra seres angelicais que se revelam demónios. As suas verdadeiras formas foram descobertas depois de Pedro ter desenhado um círculo ao redor deles e executado um canto anti-demónio. Depois de os demónios serem revelados, brincam com Pedro sobre os maus tratos de Deus contra a sua espécie em comparação com os humanos pecadores.

“Você tem a parcialidade de Cristo; por isso ele castiga-nos, mas poupa-o quando você se arrepende. Portanto, quando leva uma prostituta e um cobrador de impostos e um negador e um blasfemador e um caluniador para o seu reino, então deve reunir todos nós com você”.

O texto, que foi traduzido por Cambry Pardee, significaria uma perceção em evolução sobre o pecado. “A narrativa ressoa com o contexto das especulações dos séculos IV e V sobre o pecado, mas a sua forma solta e falta de arregimentação parecem representar uma fase inicial desse desenvolvimento”, escreveu Pardee, um professor de religião na Pepperdine University, em Londres.

Estes contos cristãos esquecidos fornecem insights intrigantes sobre os primeiros dias de uma das maiores religiões do mundo.

ZAP //

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

    • Cara leitora,
      Não se enerve. O ZAP é o ZAP. Escrevemos em português correto, de forma desempoeirada, usando expressões contemporâneas, em português ou não, que entendamos serem adequadas ao texto. Escrevemos como escrevemos, para leitores informados e que não implicam com preciosismos. Se nos quiser apontar gralhas, erros ou imprecisões (que nos acontecem ocasionalmente), agradecemos. Mas se não gostar do estilo com que escrevemos… ignore por favor o estilo e desfrute do conteúdo que temos o privilégio de coligir e fazer chegar até si.

  1. Tudo não passa de “histórias da carochinha”. Existe o AC e DC, antes de Cristo e depois de Cristo, e os únicos manuscritos encontrados só falam sobre a bíblia. Até parece que não existia mais nada para escrever. Até parece que tudo o que está escrito nos manuscritos, sobre a bíblia, tem que ser verdadeiro. Se compararmos com a quantidade de literatura que existe atualmente, muita dela retratando história fictícias, que nunca aconteceram. Quer dizer que daqui a uns 200, 500 ou 1000 anos, quem encontrar esses livros, vai achar que retratam acontecimentos verdadeiros. Enfim!… Tudo não passa de “histórias da carochinha”. Para além de, quem ler a bíblia com atenção, irá verificar que uma grande parte dos “ensinamentos” que lá existem, são muito pouco aconselháveis.

Responder a ZAP Cancelar resposta

PSD confiante num plano de vacinação "a tempo e horas". CDS diz que se anda a "correr atrás do prejuízo"

O presidente do PSD considerou que o plano de vacinação para a covid-19 vai ser "polémico", mas disse acreditar que o Governo vai conseguir concluí-lo "a tempo e horas". Já o presidente do CDS-PP pediu …

Altice escreve a Costa a criticar leilão do 5G (e a informar sobre suspensão de projeto)

Os acionistas do grupo Altice Patrick Drahi (presidente) e Armando Pereira escreveram ao primeiro-ministro a criticar as regras do leilão do 5G, informando que, perante o atual panorama regulatório, veem-se forçados a suspender projetos. "Lamentamos que, …

Anulação de transferência para o Novo Banco foi um "percalço"

O presidente executivo do Novo Banco, António Ramalho, considerou hoje que a anulação, pelo parlamento, da transferência de 476 milhões de euros do Fundo de Resolução para o banco foi um "percalço". "O percalço que aconteceu …

Videojogos podem estar a ser usados para espalhar ideologia extremista e preparar ataques

Os videojogos 'online' podem estar a ser usados ​​para propagar ideologias extremistas e para preparar ataques terroristas, afirmou o coordenador antiterrorista da União Europeia (UE), Gilles de Kerchove. A 09 de novembro, Gilles de Kerchove já …

Ex-ministro grego Yanis Varoufakis pede boicote à "black friday" da Amazon

O economista e ex-ministro das Finanças grego Yanis Varoufakis pediu um boicote de um dia à Amazon, na 'black friday', enquanto sindicalistas, ativistas ambientais, defensores da privacidade e da justiça tributária planeiam ações coordenadas contra …

Bolsonaro nega ter chamado covid-19 de "gripezinha", mas fê-lo pelo menos duas vezes

O Presidente brasileiro negou na quinta-feira ter-se referido à covid-19 como "gripezinha", afirmando que não há nenhum registo que prove o oposto, apesar de a imprensa ter partilhado pelo menos dois vídeos com esse conteúdo. "Falei …

Cuba anuncia mais duas vacinas e já conta com quatro possíveis fármacos contra a covid-19

Cuba anunciou esta quinta-feira que vai começar os ensaios clínicos de dois projetos de vacinas contra a covid-19, que aumentam para quatro o número de possíveis fármacos deste tipo desenvolvidos na ilha para combater a …

Governo garante que não haverá limite de idade na vacinação. Marcelo fala em "ideia tonta"

O secretário de Estado Adjunto e da Saúde garantiu, esta sexta-feira, que a vacinação para a covid-19 não terá qualquer limite de idade e que os idosos e doentes com comorbilidades serão uma prioridade. Numa conferência …

Descontos nas ex-SCUT poupam privados, mas é o Estado quem sai lesado

Os descontos nas ex-SCUT, aprovados em Parlamento esta quinta-feira, poupam os privados, mas geram perdas de 1.500 milhões de euros para o Estado. Uma maioria de deputados ditou a aprovação da parte de uma proposta do …

Portugal com mais 67 mortes e 5444 novos casos de covid-19

Portugal regista, esta sexta-feira, mais 67 mortes e 5444 novos casos de infeção por covid-19, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 5444 novos casos, 3161 …