Autoridades de saúde “não querem desagradar ao Governo”, acusa Marques Mendes

PSD / Flickr

Luís Marques Mendes

O comentador Luís Marques Mendes apresentou este domingo, durante o seu espaço semanal na SIC, dados relativos ao número de casos e internamentos em enfermarias e em cuidados intensivos, colocando em evidência a propagação da covid-19 na região de Lisboa e Vale do Tejo.

Nas últimas três semanas, concentram-se nessa região “85% dos novos casos, 88% do total de internados em enfermaria e 84% to total de internamentos em unidades de cuidados intensivos”, indicou o comentador, citado pelo Observador.

Marques Mendes criticou a demora em agir naquela região, apontando o “excesso de confiança que convida ao facilitismo” do milagre português e “alguma subserviência das autoridades de saúde em relação ao Governo”. “Compete às autoridades de saúde alertar e pressionar o Governo. Às vezes são demasiado complacentes, não querem desagradar”.

“O que eles [jovens] estão a fazer é uma inconsciência, uma irresponsabilidade. Não têm o direito a serem imaturos e irresponsáveis desta maneira. Não estão apenas a por em causa a sua vida, mas a vida dos mais velhos que têm fatores de risco. O Governo faz bem em tomar medidas e penalizar se for o caso”, indicou.

“Há aqui dois problemas e pode haver um terceiro: há um problema de saúde pública, há um problema psicológico, porque as pessoas estão preocupadas e tendem a considerar descontrolo na situação e, se isto tudo não se resolve, passamos a ter um terceiro problema – um problema político”, apontou Marques Mendes.

O comentador aproveitou para referiu que, relativamente à proibição de entrada de cidadãos portugueses em alguns países, “o Governo tem de ser firme dentro da UE a passar a mensagem correta”, considerando que “fechar as portas a Portugal só com base no número de novos infetados não é justo”.

A realização da fase final da Liga dos Campões em Portugal mostra que o país “tem influência”, que é “fiável para visitar” e “um país seguro, também em matéria de saúde pública”, frisou.

Quanto a uma possível nova injeção no Novo Banco, disse que “é difícil encontrar críticas mais injustas”. “Lendo a entrevista que deu ao Negócios, vê-se que António Ramalho não disse nada do que lhe atribuíram. O que ele disse foi isto: se não fosse a pandemia, talvez não utilizássemos a totalidade dos 3,9 mil milhões”, esclareceu, acrescentando que o presidente executivo “em nenhum momento pediu um apoio extra”.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. POis os nrs estão em pouco tempo mt perto da região Norte. Mas na altura disseram cobras e lagartos do Norte. Afinal os MAL EDUCADOS são os da região Lisboa.
    No Norte na altura havia mt casos devido a quem trabalha e não quem estava em festas e borgas. O Norte praticamente não parou de trabalhar continuou a produzir p/ a economia do país não parar e vocês o que andam a fazer? Deviam aplicar cercos sanitários.

  2. Este Mafioso agora também é especialista em virologia, Como s e a DGS seja a Portuguesa ou de outro País não transmitissem os pareceres da OMS, chama se a isto ser mais papista que o papa, e quando é que nos esclareces como é que tu sendo apanhado nas escutas sobre os vistos Golden não és investigado?Em outro Pais que não Portugal tu o Sócrates e outros Sócrates de vários partidos e alguns banqueiros estavam na prisão mas como Portugal esta minado na justiça pelos políticos e colarinhos brancos andam todos a gozar com a cara de todos nós.

RESPONDER

Cidade japonesa acaba de proibir a utilização de telemóveis enquanto se caminha

A cidade japonesa de Yamato acaba de aprovar uma proposta de lei que proíbe as pessoas de utilizarem telemóveis enquanto caminham. A cidade, localizada num subúrbio de Tóquio, entende que os telemóveis são um risco …

MIT apagou base de dados popular que ensinou IA a ser racista e sexista

O Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), nos Estados Unidos, viu-se obrigado apagar uma base de dados de treinamento de Inteligência Artifical (IA) depois de esta ensinar vários algoritmos a usar insultos racistas e sexistas. …

Escola Básica e fábrica de Paços de Ferreira encerradas, com nove casos positivos

A Escola Básica n.º 2 e a Fábrica de Lacados Abrelac, em Paços de Ferreira, Porto, foram encerradas após diagnosticados nove casos de covid-19 para “prevenção” e para “interromper as cadeias de transmissão”, disseram hoje …

Mais nove mortes e 328 casos confirmados em Portugal

Portugal regista hoje mais nove óbitos por covid-19, em relação a sábado, e mais 328 casos de infeção confirmados, dos quais 254 na região de Lisboa e Vale do Tejo, segundo os dados da Direção-Geral …

Cientistas criam miniatura de ondas de choque de supernovas (e quase desvendam um mistério)

Esta versão em miniatura das ondas de choque das supernovas pode ter ajudado os cientistas a chegar muito perto da resolução de um antigo mistério cósmico. Uma equipa de investigadores do Departamento de Energia do Centro …

Na Indonésia, são os recém-licenciados quem mais vai sofrer com o impacto económico da covid-19

A covid-19 continua a desacelerar a economia na Indonésia e pode causar graves impactos nos recém-licenciados que entram no mercado de trabalho pela primeira vez. Na Indonésia, o crescimento económico diminuiu para 2,97% durante o primeiro …

Mudanças climáticas ameaçam 60% das espécies de peixes do mundo

Uma nova investigação levada a cabo por cientistas do Instituto Alfred Wegener, na Alemanha, sugere que as mudanças climáticas podem destruir mais espécies de peixes do que se pensavam anteriormente. Se as temperaturas globais subirem …

Engenheiros desenvolvem célula de combustível duas vezes mais eficiente do que a de hidrogénio

Uma equipa de engenheiros da Universidade de Washington, nos Estados Unidos, desenvolveu um novo processo para uma célula de combustível que funciona com o dobro da tensão das células a combustível tradicionais de hidrogénio. O novo …

Preços das bebidas concertados durante anos. Seis supermercados sob suspeita de cartel

Seis grupos de distribuição alimentar e dois fornecedores de sumos, vinhos e outras bebidas, foram acusados pela Autoridade da Concorrência de concertarem preços durante vários anos em prejuízo do consumidor. "Após investigação, a Autoridade da Concorrência, …

Sindicato denuncia mobilização forçada de médicos para tratar surto de Reguengos de Monsaraz

O Sindicado dos Médicos da Zona Sul (SMZS) denunciou hoje o que diz ser uma “mobilização forçada de médicos” pela Administração Regional de Saúde (ARS) do Alentejo para o combate ao surto de covid-19 de …