Vaga de indignação após assassinato de jornalista búlgara que investigava casos de corrupção

(dr)

A jornalista búlgara Viktoria Marinova investigava casos de corrupção

Uma jornalista búlgara de uma cadeia de televisão local, que recentemente investigava casos relacionados com corrupção, foi morta na sequência de uma brutal agressão que está a suscitar reações de indignação na Europa.

O corpo de Viktoria Marinova, 30 anos, responsável administrativa e apresentadora na TVN, uma cadeia telesisiva local de Ruse (norte), foi descoberto no sábado num parque da cidade, anunciou hoje o procurador regional, Georgy Georgiev.

A jovem mulher foi agredida na cabeça e estrangulada, referiu o Ministério do Interior, precisando que também foi violada. O inquérito está a examinar todas as pistas, relacionadas com a sua vida pessoal e profissional.

A vítima animava uma emissão dedicada às questões da sociedade difundida localmente em Ruse, um grande porto nas margens do Danúbio, junto à fronteira com a Roménia.

No programa de 30 de setembro, difundiu uma entrevista com dois reputados jornalistas de investigação, o búlgaro Dimitar Stoyanov, do site Bivol.bg, e o romeno Attila Biro, que investigavam suspeitas de fraudes nos fundos europeus e que envolveriam empresários e responsáveis políticos.

O cofundador do Bivil.bg, Assen Yordanov, disse à agência noticiosa AFP ter recebido informações credíveis de que os jornalistas do seu site estavam em perigo devido a esta investigação. “A morte de Viktoria, a forma brutal como foi morta, é uma execução feita para servir de exemplo”, acusou.

A última classificação mundial sobre liberdade de imprensa estabelecida pelos Repórteres sem fronteiras (RSF) colocou a Bulgária no 111º lugar entre 180, de longe o pior da União Europeia, e o país é regularmente questionado pela situação de vasta corrupção nos media, que impede a liberdade de informar. Esta alarmante situação conduziu numerosos observadores a relacionar hoje a morte da jornalista com a sua profissão.

Numerosos profissionais dos media partilharam a sua emoção e cólera nas redes sociais, ao recordarem que foi a terceira jornalista assassinada no espaço de um ano na Europa, após o repórter Jan Kuciak na Eslováquia, em fevereiro, e a jornalista de Malta Daphné Caruana Galizia em outubro de 2017.

A OSCE, os RSF, o Comité para a proteção dos jornalistas (CPJ), sediado em Nova Iorque, ou a Associação dos jornalistas europeus, com sede na Bulgária, foram algumas das organizações que denunciaram com veemência mais este assassinato.

O primeiro-ministro búlgaro, de centro-direita, Boiko Borissov, assegurou entretanto que devido às provas reunidas, o esclarecimento do crime “é apenas uma questão de tempo”.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Isto é a chamada “democracia” q na realidade é DITADURA… Estes ladrões, corruptos tudo do pior é que andam a comandar o mundo, infelizmente p quem trabalha e é o honesto. Sim porque ainda há pessoas honestas, poucas mas há. Não as há no mundo da politica, futebol e afins.

  2. Se noutros países isto já poderá ser uma ameaça o que será então num país que viveu dezenas de anos sob o jugo soviético onde facilmente se calavam as pessoas com um balázio na cabeça, as tradições não se perdem de um dia para o outro.

  3. Continuo a não entender o interesse de ter admitido estes países na Comunidade Europeia. Além de ser do piorio no que respeita a democracia e transparência, ainda são contra a Europa, excepto no que toca estender a mão para encaixar fundos usados para alimentar canalha “politica e empresarial”. Que voltem para a antiga União Soviética, com a p### que os pariu.

Deputado Lobo d'Ávila abre portas ao futuro no CDS. "Não digo não" ao partido

O ex-deputado Filipe Lobo d'Ávila afirmou que não afasta a possibilidade de se candidatar à liderança do CDS. O potencial candidato à sucessão de Assunção Cristas indicou que a estratégia do partido, nos últimos anos, …

Só o Governo prevê uma aceleração em 2020. OCDE também está pouco otimista (e deixa um conselho a Centeno)

A economia portuguesa vai abrandar nos próximos anos, segundo antecipa a Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Económico (OCDE). No Economic Outlook publicado esta quinta-feira, as previsões para a economia nacional aponta para um crescimento …

Trump exige que se pare "a caça às bruxas" em reação a testemunho de embaixador

"Esta caça às bruxas deve parar agora. Tão prejudicial para o nosso país!", escreveu Donald Trump no Twitter, em reação ao testemunho do seu embaixador da União Europeia. O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, manifestou …

Seis embaixadores portugueses mudam de países

Há seis embaixadores portugueses que vão mudar de cidade. O Presidente da República já assinou o decreto que rege a nomeação de novas chefias para tutelar as embaixadas de Portugal em Berlim, Madrid, Praga e …

Rúben Dias pede dois milhões por ano. Vieira não está disposto a pagar tanto

A negociação de contrato entre Rúben Dias e o SL Benfica atingiu um impasse. O jogador não se contenta com um salário inferior a dois milhões de euros líquidos por ano, mas Vieira não está …

Secretarias de Estado instaladas em "casa" dos governantes

As três secretarias de Estado que ficarão fora de Lisboa serão instaladas nas terras natal dos seus respetivos governantes. Esta medida do Governo faz parte de um esforço de descentralização. O Governo decidiu avançar nesta legislatura …

Governo quer bolsas do Ensino Superior automáticas para alunos de ação social escolar

O Governo quer que os alunos do secundário com direito à ação social escolar tenham direito, de forma automática, a bolsas do ensino superior, algo que pode acontecer já no próximo ano letivo. Segundo noticiou o …

Modelo económico do Google e Facebook "ameaça" direitos humanos, diz Amnistia Internacional

A Amnistia Internacional criticou esta quinta-feira o modelo económico "baseado na vigilância" dos gigantes da internet Google e Facebook, considerando que é uma "ameaça sistémica aos direitos humanos". Num relatório, a organização não-governamental argumentou que, ao …

Da Amora a Lima. Jorge Jesus "está a dois passos de alcançar a eternidade"

A cumprir a 31.ª época da sua carreira de técnico, iniciada há 30 anos, na temporada 1989/90, ao serviço do Amora, Jesus precisa de bater os argentinos do River Plate, os detentores do título, para …

Revolucionários colombianos estão a recrutar crianças venezuelanas para guerrilha

A Federação de Associações de Professores Universitários da Venezuela (FAPUV) denunciou na quarta-feira que grupos e subversivos da vizinha Colômbia estão a recrutar crianças em idade escolar para a guerrilha. "Temos jovens e crianças, especialmente nas …