Apartamento de luxo e jipe de Rangel estariam a ser pagos com “luvas”

José Sena Goulão / Lusa

O juiz desembargador Rui Rangel

Os três mil euros de ordenado como juiz desembargador não bastavam para pagar os gastos de luxo de Rui Rangel, segundo a teoria do Ministério Público que acusa o magistrado de viver à custa de “luvas” pagas em troca de decisões judiciais.

Estes dados são divulgados pelo Correio da Manhã que faz as contas aos gastos do magistrado que é o principal arguido da Operação Lex, a par da ex-mulher Fátima Galante, também juíza desembargadora, e do presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira.

De acordo com o diário, os 3 mil euros de salário como juiz desembargador não seriam suficientes para suportar a renda de 2 mil euros de um apartamento de luxo em Algés, Oeiras, e para a prestação do empréstimo de compra de um jipe Range Rover novo que rondará mais de 500 euros. A isto acrescem ainda as despesas de um pai de três filhos, dois dos quais menores.

O Ministério Público suspeita, assim, que Rangel foi “financiado” por “diferentes empresários” que “terão corrompido o juiz em processos judiciais que decidiu” no Tribunal da Relação de Lisboa.

O advogado José Santos Martins, um dos cinco detidos da Operação Lex, seria o “pivô do esquema”, atesta o jornal, notando que este “amigo de longa data de Rangel, organizava-lhe a rede de contactos, além de receber e guardar dinheiro para o magistrado”.

Santos Martins terá também convencido o filho, Bernardo Santos Martins, outro dos detidos do caso, a disponibilizar a sua conta bancária para receber 300 mil euros alegadamente pagos por José Veiga a Rui Rangel, no âmbito de processos em que o ex-empresário de futebol esteve envolvido, nomeadamente na Operação Rota do Atlântico.

As suspeitas em torno de Rangel surgiram precisamente no âmbito da Operação Rota do Atlântico, conforme anunciou a Procuradoria Geral da República, explicando que “estão em causa suspeitas de crimes de recebimento indevido de vantagem, ou, eventualmente, de corrupção, de branqueamento de capitais, tráfico de influência e de fraude fiscal”.

O MP suspeita que Rangel tinha vários “testas-de-ferro” que guardavam nas suas contas bancárias o dinheiro pago por decisões judiciais favoráveis em vários processos, tomadas por ele ou por sua influência.

Entre os alegados beneficiados por essas decisões estão Luís Filipe Vieira, constituído arguido no processo com Termo de Identidade e Residência, e o empresário Álvaro Sobrinho, entre outros.

São também arguidos no processo o vice-presidente do Benfica, Fernando Tavares, a actual companheira do juiz, Rita Figueira, que está detida, e o pai desta, Albertino Figueira.

A RTP inclui também o nome de Nuno Proença, que terá ligações à família de Rita Figueira, na lista de arguidos do caso, por suspeitas de ter ocultado dinheiro de Rangel na sua conta bancária.

São ainda arguidos o antigo presidente da Federação Portuguesa de Futebol, João Rodrigues, um funcionário judicial do Tribunal da Relação de Lisboa, Octávio Correia, um dos advogados de Vieira, Jorge Barroso, e outra ex-mulher de Rangel, Bruna Amaral, conforme nota a revista Sábado.

Do rol de 13 arguidos, cinco estão detidos, em prisão preventiva, e têm vindo a ser interrogados desde quarta-feira.

Rangel só deverá ser ouvido no âmbito do processo, no Supremo Tribunal de Justiça, na próxima semana, entre 8 e 9 de Fevereiro.

ZAP //

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

  1. Este Rangel já á muito tempo que devia de ser investigado, julgado e condenado. Só não via quem não queria ver que este sr. gajo está metido nas ladroagens, senão vejamos quem colocou o Sr. JS fora da prisão, este Rangel tudo fez p/ que JS fosse fora da prisão. Pela simples razão que ele também está lá metido e claro está que não quer ser incriminado… Voçês politicos, juízes, advogados pensam que todos nóes somos Burros que não temos cabeça p/ pensar. Mas nem todos…

  2. Este que vendia acórdãos por bom dinheiro. Quando alguma coisa do 44 lhe caía nas mãos era logo decidido a favor do outro bandido. Do que estão à espera de o pôr a apodrecer numa prisão de alta segurança???

  3. Veremos o que tem mais peso. Se a Justiça, se o corporativismo dos juízes…
    Ainda não acredito que vá ver um juiz atrás das grades. Muito menos um presidente do Benfica.

    • Também acho. Um juiz desembargador, e até sem ser desembargador, ganha muitíssimo mais do que 3.000,00 euros/mês. Vou tentar averiguar.

        • Verifiquei na DGPJ. O vencimento de um juiz desembargador varia, de acordo com a categoria, anos de serviço, função, entre 6.721,60 (vencimento bruto + subsídio de compensação) e 8.090,40. Alguns também usufruem, incluídas nestes valores, de despesas de representação. Pareceu-me curto 3.000,00 euros. Confirma-se.

    • Sr. João Cezilia, eu não sou jornalista mas tive a curiosidade de verificar qual é o salário mensal de um juiz e para minha surpresa não ultrapassa os 3600€.
      Eis por conseguinte uma das razões ( embora não justificáveis) pela qual estas pessoas facilmente se deixam influenciar pela “ gratificação instantânea” que tanto agrada aqueles que não pensam a longo prazo.

  4. Qualquer dia mandam apagar todos os filmes de James Bond por causa do sexismo machista no uso das Bond Girls e vão pedir que num próximo episódio ainda haja os Bond Boys. Respeitem as tradições, Tanta modelo gira que vai ficar sem emprego!

RESPONDER

Augusto Inácio (de) novo diretor-geral do Sporting

O Sporting anunciou hoje, através de um comunicado, que o novo diretor-geral de futebol é Augusto Inácio, que regressa assim aos «leões» para substituir André Geraldes. No mesmo comunicado, pode ler-se que o presidente do Sporting, …

Morreu Júlio Pomar

O pintor e artista plástico português Júlio Pomar faleceu esta terça-feira, no Hospital da Luz, em Lisboa. Tinha 92 anos. O artista plástico português faleceu esta terça-feira, aos 92 anos, em Lisboa. O pintor modernista é …

Jovem britânico em fuga responde à polícia no Facebook (e é detido)

A polícia de West Yorkshire, no Reino Unido, fez um apelo no Facebook a pedir informações sobre o paradeiro de um jovem. O próprio desaparecido respondeu ao apelo e foi detido. No texto publicado na rede …

Casa de 600 mil euros pode custar liderança do Podemos a Pablo Iglesias

O líder do Podemos e a companheira, porta-voz do partido, poderão renunciar aos seus cargos de deputados devido à polémica compra de uma vivenda de 600 mil euros. Segundo o Diário de Notícias, o líder do …

Sim, há igrejas para ateus. E são cada vez mais

O declínio constante da religião no mundo ocidental está atualmente a rever-se no crescimento das chamadas igrejas ateístas. De acordo com o Pew Research Center, os "religiosamente não filiados" são agora o segundo maior grupo religioso …

Mais de 80% dos doentes sem acesso a cuidados paliativos

Entre 69 a 82% dos doentes que morrem em Portugal necessitam de cuidados paliativos, mas mais de 80% não os têm porque as respostas são insuficientes. Os maiores hospitais do país, incluindo o Instituto Português de …

Atentado no Afeganistão faz pelo menos 16 mortos e 38 feridos

Pelo menos 16 pessoas morreram e 38 ficaram feridas, na explosão de uma camioneta armadilhada em Kandahar, sul do Afeganistão, no momento em que agentes da polícia tentavam desarmadilhá-la, anunciaram as autoridades. "Os últimos números disponíveis …

Giuseppe Conte: um desconhecido sem experiência política para dirigir o Governo italiano

Giuseppe Conte é o nome proposto ao presidente pela Liga e pelo Movimento 5 Estrelas. O Presidente italiano, Sergio Mattarella, terá a última palavra em relação à escolha do primeiro-ministro. Giuseppe Conte. É este o nome …

Detidos por álcool e droga vão ser enviados para consultas médicas

Quem conduzir sob o efeito de álcool ou de estupefacientes vai ser encaminhado para consultas médicas em vez de ser punido com penas de prisão ao fim de semana ou trabalho comunitário. Retirar pessoas das cadeias …

Há 20 anos, com muito "cagaço", vulcões e o Gil, a Expo98 mudou Lisboa (e o país)

Foi há 20 anos que a Expo 98, inaugurada a 22 de Maio de 1998, transfigurou a zona oriental de Lisboa, mas também mudou a face do país, naquele que foi o primeiro grande evento …