António Costa anuncia reforço de contratação de enfermeiros até março

Tiago Petinga / Lusa

O primeiro-ministro, António Costa

O primeiro-ministro anunciou, este sábado, que o Ministério das Finanças já autorizou “um reforço da contratação de enfermeiros até ao final de março” que assegure “capacidade acrescida de resposta” neste período de baixas temperaturas e de gripe.

António Costa falava aos jornalistas, no Hospital de Santa Maria, em Lisboa, onde visitou o Serviço de Urgência acompanhado pelo ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes.

“Ainda ontem foi autorizado por parte do Ministério das Finanças um reforço da contratação de enfermeiros até ao final de março, para termos uma capacidade acrescida de resposta neste momento de crise. E, portanto, necessariamente, estamos a aumentar os meios, de acordo com os planos de contingência, para fazer face à situação”, declarou.

O primeiro-ministro, que não adiantou o número adicional de enfermeiros a contratar, defendeu que o Serviço Nacional de Saúde (SNS) “tem demonstrado capacidade de elasticidade e flexibilidade necessária para responder a este aumento de pressão”.

Questionado sobre o número de enfermeiros a contratar, António Costa respondeu que “há um diálogo permanente entre o Ministério da Saúde e o Ministério das Finanças tendo em vista responder às necessidades que se colocam em cada momento, de acordo com o plano de contingência e daquilo que é previsível relativamente à evolução da incidência do vírus da gripe e de outras complicações respiratórias”.

“Neste momento, temos conseguido responder adequadamente à situação”, defendeu.

O primeiro-ministro salientou que, “quer ao nível hospitalar, quer ao nível dos centros de saúde, têm vindo a ser reforçados os meios, e também na linha Saúde 24“:”Portanto, estamos preparados o melhor possível para enfrentar esta situação”.

Estamos a aumentar as camas – creio que aqui são 140 camas a mais. Há cerca de 160 centros de saúde que ao longo do fim-de-semana estarão a funcionar nas diferentes administrações regionais de saúde para dar uma resposta acrescida”, referiu.

Segundo o primeiro-ministro, “isto não quer dizer que não haja alguns momentos em alguns dos estabelecimentos onde a pressão excede a capacidade natural de resposta que possa existir”, pois “com o nível de incidência que tem existido é impossível de assegurar que assim não é”.

António Costa chegou pelas 11:00 ao Hospital de Santa Maria, onde esteve cerca de meia hora, e de seguida visitou o Centro de Saúde de Sete Rios e o Centro de Contacto do SNS, a antiga linha de Saúde 24.

No Hospital de Santa Maria, esteve acompanhado pela sua secretária de Estado adjunta, Mariana Vieira da Silva, pelo ministro da Saúde e pelo presidente da administração do Centro Hospitalar Lisboa Norte, Carlos Martins.

Durante a visita a este hospital, o presidente da administração do Centro Hospitalar Lisboa Norte disse ao primeiro-ministro que os casos de gripe estão “em linha com o ano passado”, que a procura está sobretudo relacionada com “infeções respiratórias” e que a grande maioria dos doentes que acorre às urgências tem mais de 75 anos.

O primeiro-ministro enquadrou esta sua visita afirmando que “está prevista uma redução significativa das temperaturas” nesta altura e que tem havido este ano “um aumento significativo da incidência da gripe”.

“Os conselhos que temos dado são sempre os mesmos: primeiro, cuidados individuais de proteção, em segundo lugar, contacto sempre através da linha Saúde 24”, acrescentou.

Centros de saúde com horário alargado

Esta sexta-feira, a Administração Regional de Saúde do Norte (ARS-N) anunciou o “alargamento de horários” em 44 centros de saúde para adequar os serviços “às temperaturas adversas dos próximos dias”, indicando prever-se a abertura de 364 camas nos hospitais.

A Administração Regional de Saúde do Centro (ARSC) também anunciou que os Centro de Saúde de Coimbra vão funcionar aos fins-de-semana durante o mês em janeiro, entre as 10h00 e as 18h00. Em comunicado, a ARSC adianta que, a partir de sábado, vão estar abertas as unidades de Celas, Eiras, Fernão Magalhães, Norton de Matos e São Martinho, com uma equipa para atendimento de situações de doença aguda.

Também a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo estabeleceu um plano de contingência para as próximas semanas. A maioria dos centros de saúde estará com horário alargado, funcionando ao fim-de-semana e à noite, até 28 de janeiro.

  ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Otoniel, o camponês paramilitar (e criminoso mais procurado da Colômbia) foi capturado

O governo da Colômbia anunciou este sábado a captura do narcotraficante mais procurado do país, Dairo Antonio Úsuga (com a alcunha de 'Otoniel'), por quem os Estados Unidos ofereciam uma recompensa de cinco milhões de …

"Tratam as doentes como histéricas". O longo caminho da Medicina até levar a sério a dor feminina está a custar vidas

Muitos dos avanços na medicina tiveram apenas metade da população em conta. Para além da falta de representação das mulheres nos estudos médicos, a dor e os relatos das pacientes são muitas vezes desvalorizados nas …

Bloco faz ultimato: vota contra o OE se até 4ª feira o Governo "insistir em impor recusas"

A coordenadora do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, avisou este domingo que o BE votará contra o orçamento se até quarta-feira “o Governo insistir em impor recusas onde a esquerda podia ter avanços”, mantendo, no …

Nova faca de madeira é três vezes mais afiada do que as de aço - e pode ser lavada após ser usada

Através do uso de métodos alternativos, uma equipa de cientistas criou uma nova forma endurecida da madeira que pode ser transformada em facas afiadas. A equipa da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, refere que as …

Áustria planeia confinar não vacinados contra covid-19

O governo austríaco anunciou que, se ocupação de camas de Unidades de Cuidados Intensivos com pacientes covid-19 atingir nível crítico, pessoas não imunizadas poderão sair de casa apenas em casos excepcionais, como compras essenciais e …

"Deixa os homens cantar". Ex-paraquedistas vaiam e pedem demissão do ministro da Defesa

Centenas de ex-paraquedistas vaiaram e pediram hoje a demissão do ministro da Defesa e do Chefe do Estado Maior do Exército durante a cerimónia militar nas comemorações do Dia do Exército, em Aveiro. A iniciativa, que …

Portugal com mais quatro óbitos e 604 casos de covid-19

Portugal regista hoje mais 604 novos casos de covid-19 confirmados e quatro óbitos pela doença, assim como mais 243 pessoas recuperadas e menos internamentos em enfermaria e unidades de cuidados intensivos, segundo o boletim oficial. De …

Retrato de Monsieur Lavoisier e a sua esposa Marie-Anne-Pierrette Paulze.

Análise revela composição secreta debaixo de retrato de Lavoisier

Um icónico retrato do químico francês Antoine-Laurent de Lavoisier e da sua esposa, Marie-Anne, mostrou ter uma composição escondida debaixo dele. Antoine-Laurent de Lavoisier foi um químico francês fundamental para a revolução deste campo científico no …

Combustíveis: governantes "não fizeram o trabalho de casa"

A presidente executiva da OZ Energia, Micaela Silva, defendeu que o “Governo devia intervir menos” no mercado dos combustíveis, porque é liberalizado e não tem margens excessivas de comercialização, mas é “muito penalizado” pela quantidade …

Implante cerebral permite que paciente totalmente cega consiga ver formas e letras

Os cientistas da Universidade Miguel Hernández de Elche (UMH), em Espanha, fizeram com que uma mulher completamente cega conseguisse ver formas simples e letras, através da colocação de um implante no seu córtex visual. Os investigadores …