//

Yanni ou Laurel? É este o novo mistério que tomou conta da internet

8

Lembra-se do mistério do vestido que era branco e dourado, mas afinal era mesmo azul e preto? Há um outro mistério agora na internet, mas desta vez em áudio. No mesmo clip uns ouvem “Yanni” enquanto que outros ouvem “Laurel”.

Lembra-se do caso do vestido branco e dourado (que era azul e preto, na verdade)? Ou o dos morangos vermelhos (que não tinham um único pixel dessa cor)? E o do gif com som (que, na verdade, era mudo)? A internet tem mais um mistério para si.

Desta vez, é um áudio que está no centro de uma discussão: é um clip rápido no qual uma voz masculina gerada por computador repete uma palavra duas vezes. Enquanto uns internautas afirmam ouvir “Laurel“, outros podiam jurar que a palavra repetida é “Yanni“.

Na era das redes sociais aconteceu o expectável: a gravação apareceu no Reddit, e rapidamente tomou conta do Twitter, inundando todas as outras redes. O tema mantém-se como o mais popular da rede social de Jack Dorsey e já mereceu a atenção de várias celebridades.

A apresentadora norte-americana Ellen DeGeneres jura ouvir Laurel, e quem a apoia é Chrissy Teigen, a modelo e mulher do cantor John Legend. Mas a atriz Mindy Kaling, acusou-a de “traição” por ouvir a palavra Laurel, já que Mindy jura ouvir Yanni.

Mas como é possível que se ouçam duas coisas tão diferentes? David Alais, da Escola de Psicologia da Universidade de Sydney, na Austrália, propõe uma explicação: o clip de áudio é um “estímulo percetualmente ambíguo“, que faz com que o cérebro não consiga decidir o que está a ouvir.

“Podem ser vistos de duas formas e frequentemente a mente oscila entre duas interpretações”, explica ao The Guardian.

Mas no Twitter, não faltam outras explicações: um utilizador mexeu com as frequências e obteve a clara distinção entre as duas palavras ouvidas. E “mistério resolvido”, declarou.

  CF, ZAP //

8 Comments

  1. Eu ouço claramente Laurel. Para mim é impossível ouvir ali Yanni.
    Acho que finalmente compreendi porque é que todas as promessas dos políticos nunca se efetivam quando chegam ao poder. Eu decididamente não ouço aquilo que eles dizem.

  2. Muito interessante, especialmente para esta nova gereção de desocupados, que alguns parecem apostados em desenvolver e manter. Dasss….

  3. bem para quem não tem habito trabalhar com vozes sintéticas, nem sempre terá grande noção do som criado pela vós e quanto mais for a vós afastada da vós humana pior será e antes do supremo fazer seu comentário de sabio, eu trabalho com isso a mais de 20 anos, sim até vou citar alguns, o mais usado como leitor Jaws, podemos incluir além da vóz nativa, vózes eloquenses como: Eusébio, Amália e outras, quem tiver computadores no windows tem o narrador e nos outros equipamentos outras vózes e tão bem nos telefones.. mas eu e como muitos disseram bem é Laurel, mas claro é preciso estar um pouco atento quem não tiver boa odição, mas claro ninguem tem duvida porque l não pode ser y ou estou enganado?

  4. eu ouço claramente as duas. se calhar é por consumir música em quantidades industriais. no meu planeta ouve-se muita música. musica do socrates, do salgado, dos bancos, etc etc etc. sempre a dançar..

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.