Vídeo denuncia desperdício alimentar em supermercado. Jerónimo Martins está a investigar

Pingo Doce

Hugo Breda e João Relógio, ambos associados à produtora Swag On, publicaram na suas contas de Instagram um vídeo no qual denunciam o desperdício alimentar numa cadeia de supermercados em Lisboa. 

O vídeo publicado nas redes sociais, e que já foi visto por mais de 1,2 milhões de pessoas, mostra vários alimentos embalados, como fruta, legumes e quilos de pão, que ambos dizem ter recolhido de um caixote do lixo de uma loja do Pingo Doce na capital.

De acordo com o DJ Hugo Breda e João Relógio, a validade dos alimentos encontrados expiravam no dia em que foram recolhidos, a três de agosto – data em que o vídeo foi publicado – mas estes encontram-se em bom estado de conservação.

“Estava tudo impecável, o prazo de validade terminava no dia de hoje [dia 3 de agosto] e a quantidade de comida desperdiçada alimenta várias famílias”, escreveu João Relógio na publicação de Instagram, dando conta que não recolheram tudo o que viram no caixote.

Na mesma rede social, João Relógio conta que foi desafiado por Hugo Breda a fazer uma incursão nos supermercados depois de uma outra pessoa ter relatado ter visto, ao sair de um supermercado, alguém a remexer no lixo do supermercado e a levar comida.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

O desperdício de comida é inacreditável… Obrigado @johannabianchi & @jprelogiosiragusa ❤️

Uma publicação partilhada por Van Breda 😎 (@vanbredadj) a

Inicialmente, foram testemunhar com os próprios olhos o que tinha sido relatado e, no local da loja, cuja morada não chegou a ser revelada, encontraram vários alimentos, segundo conta o Correio da Manhã. Mais tarde, voltaram a procurar a mesma situação noutros supermercados e foi aí que gravaram o vídeo.

“Fomos fazer uma ronda e percebemos que muitos sítios têm os seus caixotes de lixo trancados ou em garagens onde não é fácil de aceder (…) É literalmente assustador”, diz Hugo Breda no vídeo publicado, antes de mostrar os alimentos recolhidos. “Isto tudo que está aqui foi apanhado, foi desinfetado e está embalado e acaba o prazo hoje”.

Jerónimo Martins está a investigar

Confrontada pelo matutino, fonte oficial da Jerónimo Martins, grupo que detém o Pingo Doce, garantiu que a situação “constitui um incumprimento das regras estabelecidas na Companhia” e que já a ser averiguada internamente. “O combate ao desperdício alimentar é, para o Pingo Doce, uma missão e um compromisso sério”, garantem.

“Quando os alimentos estão aptos para serem consumidos, mas não para venda” são doados a “instituições que apoiam pessoas em situação de vulnerabilidade nas comunidades próximas das lojas”, afirmam, em comunicado.

A polémica terá apanhado a empresa “completamente de surpresa“.

Ao Observador, a investigadora Iva Pires, autora de um ensaio da Fundação Francisco Manuel dos Santos sobre desperdício alimentar, alertou para a complexidade do processo de doação de alimentos e pediu uma legislação mais flexível.

“Hoje em dia é mais fácil deitar comida para o lixo do que doá-la“.

ZAP //

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. …não vejo qual a surpresa, e a explicação está precisamente no ultimo parágrafo.
    A complexidade e responsabilidade inerente à doação de produtos alimentares em fim de validade é tão grande que a destruição acaba por ser a solução mais viável.
    Isto faz-me lembrar o que se passa com a legislação sobre alguns resíduos gasosos altamente perigosos (assunto que estou bem mais informado) o custo para a destruição legal OBRIGATÓRIA dos mesmos é absurdamente caro (pode ultrapassar o custo de novo), já a libertação “acidental” para a atmosfera não tem qualquer consequência legal por ser indetectável, ora adivinhem então o que se passa na realidade.

  2. Um sistema de abundância que gera este tipo de desperdício mas que também gera milhões de famintos enquanto destrói o planeta é considerado perfeito por muitos, só mostra as contradições desta civilização. 90% de probabilidades de colapsar? Isso sim eu acredito.

  3. Se analisarmos por outro prisma, é interessante como empresas que têm tantos desperdícios, podemos contar como “prejuízos”, ainda conseguem ter lucros enormes…
    Como podemos aceitar que nos impinjam que têm os produtos mais baratos?
    Com uma boa gestão e lucros menos avultados não conseguiriam baixar os preços ao consumidor?

      • Já percebi que és adepto do capitalismo, talvez seja na esperança de te tornares um deles e poderes explorar os teus semelhantes, se já não o fazes.
        E vi também que és muito culto e informado, eu estou muito longe disso.

        • O Capitalismo é o pior sistema que existe, à excepção de todos os outros… Nenhum sistema económico retirou tanta gente da pobreza e melhorou a qualidade de vida de tanta gente. Todas as conveniências e confortos da vida moderna, incluindo cuidados médicos, existem por consequência do capitalismo e da vontade de alguém ganhar dinheiro.

          • Sim, mas há capitalismo e capitalismo!…
            Este desperdício poderia ser bastante mais reduzido e TODOS ficariam a ganhar – mas, mais um vez, o que interessa é maximizar o lucro e poucas ou nenhumas preocupações sociais…

RESPONDER

Bayern Munique vence Sevilha e conquista a Supertaça Europeia

O Bayern Munique conquistou, esta quinta-feira, a Supertaça Europeia, ao derrotar o Sevilha por 2-1, em Budapeste, na Hungria. Os alemães do Bayern Munique conquistaram a Supertaça Europeia pela segunda vez ao derrotarem os espanhóis do …

Sporting 1-0 Aberdeen | "Leão" eficaz segue para o play-off

O Sporting foi eficaz e assegurou uma vaga no “play-off” de acesso à fase de grupos da Liga Europa. Na noite desta quinta-feira, num embate relativo à 3ª pré-eliminatória da competição, os “leões” bateram o Aberdeen …

A NASA descobriu uma nova forma de aterrar em segurança na Lua

A NASA construiu um sistema totalmente novo que pode tornar a aterragem na Lua e em Marte muito menos arriscada - e já tem planos de testá-lo numa missão futura. De acordo com o TechCrunch, o …

Rio Ave elimina Besiktas e está no play-off da Liga Europa

O Rio Ave venceu os turcos do Besiktas, esta quinta-feira, no desempate por grandes penalidades (4-2), após o 1-1 no tempo regulamentar, em jogo da terceira pré-eliminatória da Liga Europa, seguindo em frente na competição. Em …

Dois dinossauros morreram como as vítimas de Pompeia. Foi há 125 milhões de anos, na China

Um grupo de arqueólogos na China acabou de descobrir dois fósseis de uma nova espécie de dinossauro, que estiveram presos no subsolo por 125 milhões de anos devido a uma erupção vulcânica pré-histórica. Os investigadores …

Batalhas de feiticeiros e círculos de demónios. Revelados textos cristãos que não foram incluídos na Bíblia

Os textos da Bíblia como a conhecemos hoje foram "canonizados" pela primeira vez pela Igreja no final do século IV. No entanto, antes disso, centenas de outros textos religiosos circularam por toda a Cristandade. Há mais …

Autoeuropa confirma que não irá renovar contrato a 120 trabalhadores

A administração da fábrica de automóveis Volkswagen Autoeuropa, em Palmela, confirmou, esta quinta-feira, que não vai renovar os contratos a termo de 120 trabalhadores ligados à produção dos veículos MPV (Multi-Purpose Vehicle). "A Autoeuropa reafirmou a …

Glaciar na Islândia "escondia" bombardeiro norte-americano da 2ª Guerra Mundial

Os destroços de um bombardeiro norte-americano B-17 Flying Fortress que colidiu com o glaciar Eyjafjallajökull durante a II Guerra Mundial estão gradualmente a aparecer à medida que a geleira recua devido às alterações climáticas. De acordo …

40 anos depois, assassino de John Lennon pede desculpa pelo crime "desprezível"

Mark David Chapman, o homem que assassinou John Lennon, diz que matou o ex-Beatle por "raiva e ciúmes" e pediu desculpa a Yoko Ono, 40 anos depois. Em 1980, Chapman atingiu John Lennon com quatro tiros …

Reportado o primeiro caso de parkinsonismo após infeção de covid-19

Um homem de 45 anos de Israel revelou sintomas da doença de Parkinson (parkinsonismo) logo depois de ter sido infetado com a covid-19. Tal como frisa o portal IFL Science, os vírus foram já muitas …