Vice do PSD acusa ministra da Justiça de negociar o salário que vai receber quando deixar o Governo

José Coelho / Lusa

O vice-presidente do PSD David Justino acusou esta quarta-feira a ministra da Justiça de ter estado a negociar o seu salário para quando sair do Governo, tendo Francisca Van Dunem respondido que em campanha eleitoral não pode valer tudo.

“A ministra esteve a negociar quanto é que vai receber quando sair do Governo, qual vai ser o seu ordenado quando integrar os quadros do Supremo Tribunal de Justiça”, acusou David Justino no programa da TSF Almoços Grátis, no qual debate com o líder parlamentar socialista, Carlos César, que disse “nem acreditar” no que estava a ouvir.

Em causa está a negociação do novo estatuto dos magistrados judiciais, conduzida pela Francisca Van Dunem, que desbloqueou o estatuto remuneratório dos juízes, permitindo que alguns, no topo da carreira, possam ter um vencimento superior ao do primeiro-ministro, o que até aqui não acontecia.

“Quem fez a negociação com a Associação Sindical dos Juízes Portugueses para que esta proposta pudesse ter seguimento foi a senhora ministra da Justiça, sabendo-se que a senhora ministra da Justiça é juíza conselheira do Supremo Tribunal de Justiça, não estando a exercer porque está no Governo”, argumentou Justino, perante a perplexidade de Carlos César, que replicou: Até onde é que vamos chegar nesta demagogia infame de tentar atirar às pessoas labéus que são inconcebíveis? Acho inacreditável”.

A acusação do dirigente social-democrata levou o Ministério da Justiça a responder, em comunicado, que “a proximidade de processos eleitorais não justifica que seja decretada a morte da decência e elevada a infâmia à categoria de virtude”.

“O autor da afirmação está seguramente a julgar outrem à luz dos seus próprios padrões comportamentais. As suas palavras apenas dizem do que seria capaz de fazer se respondesse por uma área política correspondente à sua especialização profissional”, lê-se no texto do gabinete de Francisca Van Dunem.

De acordo com o comunicado, a ministra agiu, ao longo da negociação do estatuto dos magistrados judiciais, “como responsável política sem nunca transigir na defesa do interesse público”.

// Lusa

PARTILHAR

15 COMENTÁRIOS

  1. Nada que o psd não tenha feito no passado só não se soube, mas sim deve não só ser desmascarado como deve ser punida por tal acção!

    • sempre alerta!
      o viajante se tem algo escondido na manga, atire-o para a luz do dia. Quem sabe não seja por aí uma teia de xuxialismo ? enredado até aos dentes, como tem sido vosso apanágio! Quando alguém de um partido da oposição vos confronta com verdades vocês atiram-se ao ar, tal qual virgens ofendidas. Durante os 45 anos do pós 25 de ABRIL, vcs são os unicos com responsabilidade total por o nosso país nunca ter saído da cepa torta, e quando aparece alguém capaz de o fazer levantar-se vcs de novo tudo fazem para irem para o poleiro.
      Cambada de gente que só está bem a dizer mal de quem é capaz de servir Portugal sem se servir do seu povo. Vocês, pelo contrário, só tendes ladroagem no vosso partido.

      • Deixe ver se percebi. Está a dizer que o PS também não é corrupto? Então é porque é tão corrupto como eles (políticos)

      • O senhor acha que muitos devem ganhar mais que o primeiro ministro?
        Sinceramente apesar do 1º ministro ser um zero á esquerda aja pudor e respeito.
        é muito triste o senhor (que deve ser um deles comedor) misturar honestidade com com querelas politicas…
        Pobre Portugal…

  2. Mas alguém desmentiu???Leiam bem e talvez aprendam alguma coisa!
    E mais se tal for verdade a ministra deve não só ser demitida como impedida de exercer qualquer cargo publico!

  3. A declaração da Sr ministra é uma confissão inesperada!
    A Srª Ministra afirma:
    O autor da afirmação está seguramente a julgar outrem à luz dos seus próprios padrões comportamentais ” do que seria capaz de fazer se respondesse por uma área política correspondente à sua especialização profissional”.
    A Srª confessa que fez algo que acredita que outro poderia fazer.
    Se a outra pessoa seria capaz de fazer não sabemos, sabemos que a ministra fez.
    A oposição vai com toda a certeza aproveitar esta confissão e a Srª ministra que já estava numa situação complicada meteu-se a jeito.

  4. Possivelmente a senhora ministra estará dentro da razão, sendo ela oriunda de Angola onde o custo de vida parece estar pela hora da morte e provavelmente pretendendo passar ela a sua reforma bem perto da baía de Luanda tratando do bronze, haverá que assegurar o futuro.

    • Caro leitor,
      Há uma probabilidade não nula de que comentários que contenham termos ofensivos, gratuitamente agressivos ou que não contribuam para que a discussão se mantenha em tom civilizado, sejam moderados – automaticamente ou manualmente, previamente ou à posteriori.
      Presumindo que tenha sido esse o caso, sugerimos-lhe que reveja e nos envie de novo o seu comentário.

    • Sr. José Ramos, o que por vezes me parece é que a maioria da comunicação social está na defesa dos taxistas que nos (des)governam. Estes nossos representantes têm que ser criticados persistentemente, quando notamos que estão a comer da gamela do Estado, de forma descarada. Assiste-nos esse direito, quando assim é. E não venham cá com a panaceia de que tudo carece de ser burilado (lápis?) e apresentado linguisticamente. Isso é uma defesa esfarrapada, quando outros valores mais altos se levantam e que a comunicação social duma forma sub-reptícia quer encobrir. O povo é quem mais ordena, sobretudo quando a nossos olhos se vislumbra uma ladroeira desenfreada por aqueles que honestamente nos deveriam representar.

  5. Mais uma comedeira xuxa ! Esta oportunista ministra nunca me enganou. Eu também achei estranho que esta sujeita, sempre tão diligente ao defender o Centeno, quanto à contenção de despesas, venha agora a propor (quase em final de legislatura)o desbloqueamento do o estatuto remuneratório dos juízes, permitindo que alguns, no topo da carreira, possam ter um vencimento superior ao do primeiro-ministro. Para os outros desviam-se anos e anos, para não progredirem na carreira, mas para ela já poderá até vir a ganhar mais que o primeiro ministro, a partir de outubro ! Toma lá que é democrático. Isto está a saque !

  6. sempre alerta !
    Quando acima disse o que disse e repito : NÃO SOU PS, sou oposição ao PS. Pois sim, entendo que todos, MAS TODOS devem ser descobertos, o povo precisa de saber quem são os que estão a desviar o dinheiro dos impostos e a comer dele, quantas e quais as casas que comem ambos no mesmo gamelo do nosso dinheiro. Eles, políticos, devem ser chamados a servir a Nação, NÃO A SERVIR-SE DA NAÇÃO. Isto é o que a geringonça está a fazer : ESTÁ A SERVIR-SE DO NOSSO DINHEIRO QUE SOMOS OBRIGADOS A DAR, EM VEZ DE COM ESSE DINHEIRO LEVAREM O PAÍS A SAIR DA CAUDA DA EUROPA. Quando países como a Roménia irá subir 5 vezes mais que Portugal, caros amigos, melhor tirar a cabeça da areia e sermos nós a dizer BASTA ! sermos nós a dar_lhes um pontapé no rabo e mandá-los ir para os seus gabinetes na vida privada, mas não comerem mais da política. Porque razão um trabalhador que começou aos 14 anos de idade a descontar, aos sessenta tem 44 anos de carreira contributiva e é-lhe calculada a pensão de velhice por 371,40€ ? são 44 anos a descontar, e os politicos com 8 anos de carreira são reformados com o salário por inteiro a 100% e podem acumular com outras pensões, todas do mesmo fundo, enquanto que um ex-emigrante nºão pode acumular a sua reforma do estrangeiro com a de Portugal, porque a de Portugal vai nivelar com a do estrangeiro e só lhe dão o restante para a mínima ? porque razão a classe politica tem de ter todas as mordomias enquanto estão na AR e fora dela ? porque o povo não pode comungar das mesmas regalias ? porque uns hão-de ter pensões de reforma de 70 e 100 mil euros mensais, enquanto o resto do país recebe que nem dá para os remédios na farmácia ? Em Outubro temos a oportunidade de lhes mostrar a porta da saída que é a serventia da casa. Posts e mais posts, nada resolvem, é apenas uma forma de expormos ideias, e algumas bem idiotas. Tenho dito.

Berardo abre museu em Estremoz com fundos da União Europeia

O semanário Expresso avança na sua edição deste sábado que Joe Berardo instalou um museu em Estremoz, no distrito de Évora, financiado, na sua grande maioria, com fundos da União Europeia (UE). De acordo com o …

Há três dias que os casos aumentam em Itália. Espanha endurece medidas

Os casos de novas infeções com o novo coronavírus aumentaram pelo terceiro dia consecutivo, em Itália, onde nas últimas 24 horas se registaram mais 276 contaminações, comparando com 229, 193 e 138, nos dias anteriores. O …

MP investiga juiz acusado de pagar por sexo enquanto ouvia menores abusados (ele alega que o querem tramar)

O Ministério Público (MP) instaurou um inquérito à denúncia feita, no Parlamento, pela dona de uma casa de prostituição que revelou que um juiz pedia para lhe fazerem sexo oral enquanto via vídeos dos menores …

Câmara de Sintra admite 700 casos confirmados que ainda não foram contactados

O presidente da Câmara Municipal de Sintra, Basílio Horta, admitiu que existem cerca de 700 casos positivos de covid-19 no concelho que, apesar de identificados, não foi ainda possível contactar. Em entrevista ao jornal Público …

Jesus quer regressar ao Benfica. Acordo deve ficar fechado nas próximas horas

O futuro de Jorge Jesus continua a fazer correr muita tinta. Em Portugal, diz-se que o treinador tem um acordo quase fechado para regressar ao Benfica, enquanto que no Brasil há garantias de que ficará …

Erdogan anuncia que Santa Sofia volta a ser uma mesquita. UNESCO lamenta profundamente

O Presidente turco anunciou que as primeiras orações coletivas muçulmanas serão realizadas em 24 de julho em Santa Sofia, convertida em mesquita, acrescentando que o edifício permanecerá aberto a visitantes de todos os credos. "Vamos fazer …

PSD tem um substituto para o modelo Infarmed: reuniões no Parlamento transmitidas na televisão

O PSD considera que o "modelo Infarmed" já deu o que tinha a dar e, por isso, propõe substituí-lo por encontros públicos. O Expresso teve acesso a um projeto de resolução do PSD, entregue esta sexta-feira, …

José Mourinho diz que já não celebra golos (e explica porquê)

O treinador português José Mourinho diz que já não celebra os golos marcados pelo Tottenham, atribuindo as culpas deste seu comportamento ao VAR. "Eu já não celebro os golos, porque eu nunca sei se vai ser …

“O que aí vem ainda será pior”, avisa Costa e Silva

O diretor diretor executivo da petrolífera Partex, António Costa Silva, convidado pelo Governo para estudar um plano de retoma económica para o período pós-pandemia, acredita que "o que vem aí será pior". Em declarações ao jornal …

Países Baixos processam Rússia por envolvimento no derrube do voo MH17

O Governo dos Países Baixos anunciou que vai processar a Rússia perante o Tribunal Europeu dos Direitos do Homem (TEDH) “pelo seu envolvimento na destruição do voo MH17”, abatido em 2014 quando sobrevoava a Ucrânia. A …