Ventura gasta 160 mil euros em campanha. É o triplo de Ana Gomes e seis vezes mais do que Marcelo

Manuel de Almeida / Lusa

O orçamento da campanha eleitoral à Presidência da República do líder do Chega ascende a 160 mil euros, segundo documento oficial a que a Lusa teve acesso, mais do triplo do anunciado pela sua adversária Ana Gomes.

O atual chefe de Estado e recandidato, Marcelo Rebelo de Sousa, revelou que pretende gastar somente 25 mil euros, metade dos 50 mil euros previstos pela diplomata e ex-eurodeputada do PS.

Já a estrutura do deputado único do partido da extrema-direita parlamentar prevê gastar 25 mil euros só na “conceção da campanha, agências de comunicação e estudos de mercado” e valor semelhante em “propaganda, comunicação impressa e digital”.

“Estruturas, cartazes e telas” são um item que vai implicar custos de 50 mil euros, enquanto 20 mil euros são destinados a “comícios e espetáculos”, prevendo-se ainda mais 20 mil euros para “brindes e outras ofertas”.

Ainda segundo o documento, as maiores fontes de financiamento da campanha de Ventura são “contribuição de partidos políticos (25 mil euros), “angariação de fundos” (25 mil euros) e “donativos” (100 mil euros), mas o documento não identifica nomes ou entidades. Há ainda a previsão de “donativos em espécie” (cinco mil euros) e outro tanto em “cedência de bens a título de empréstimo”.

Tino de Rans diz-se “candidato do povo”

O ex-autarca de uma freguesia de Penafiel Vitorino Silva, popularmente conhecido como “Tino de Rans”, descreveu-se como “candidato do povo” com “gabinete” na rua, ao formalizar a sua segunda candidatura consecutiva à Presidência da República.

O presidente do partido RIR (Reagir, Incluir, Reciclar) entregou no Tribunal Constitucional, em Lisboa, cerca de nove mil assinaturas de cidadãos eleitores com vista a oficializar a sua candidatura a Belém.

O meu gabinete é a rua. Não desci de divisão. Há cinco anos, tive 150 mil votos e tenho muito respeito por quem votou em mim e por quem não votou. Pensam que sou um português de segunda, mas também não quero ser português de domingo. Não quero que haja portugueses de primeira e de segunda”, afirmou o calceteiro de 49 anos.

Tino autointitulou-se “candidato do povo e da Póvoa”: “O povo é a gente e a póvoa é a terra, Portugal não tem nove dias nem nove meses, tem nove séculos e tem muito futuro”.

O candidato do RIR sublinhou que o processo de recolha das assinaturas foi “muito duro” devido à pandemia e teve lugar em feiras e estabelecimentos comerciais, nomeadamente junto aos pontos de recolha dos carrinhos de compras aproveitando o facto de haver desinfetante para mãos.

“O PS deu liberdade de voto e há muita gente capaz. Foi uma opção muito feliz do PS porque percebeu que há muitos candidatos que podem ter o apoio de uma grande massa que é a massa socialista. Não tenho dúvidas nenhumas de que há muito socialista que vai votar Tino de Rans“, concluiu, quando questionado sobre o seu antigo partido.

As eleições presidenciais realizam-se em 24 de janeiro de 2021, terminando esta quinta-feira o prazo para a entrega de assinaturas de cidadãos eleitores e formalização das candidaturas junto do Tribunal Constitucional.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

    • Caro leitor,
      O ZAP assume que não publica comentários que não respeitem a boa educação, o civismo, e de forma geral o seu Estatuto Editorial.
      Se com isso ganha ou perde idoneidade, depende da perspetiva. Na nossa, só a tem enquanto o fizer.

  1. Basta, ou Chega, que os “fregueses” a quem o espantalho safou de pagarem IVA ( ver processo Vistos Gold), enquanto era inspetor tributário, contribuam com 1%, até pode fazer a campanha de Ferrari.

RESPONDER

Mais 20 mortes e 3396 casos de covid-19. Não havia tantos óbitos desde março

Portugal registou, este sábado, mais 20 mortes e 3396 casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 3396 novos …

"Integral confiança". Chega segura militantes acusados de agredir homossexual

O Chega anunciou, esta sexta-feira, que mantém "integral confiança" nos candidatos e estruturas local e distrital de Viseu, referindo que só se pronunciará sobre alegadas agressões de motivação homofóbica naquela cidade depois de apurados os …

Há dezenas de autarcas envolvidos em processos sem fim à vista

Dezenas de autarcas foram neste mandato acusados por corrupção, negócios imobiliários duvidosos e abuso de poder, entre outros, em processos judiciais que se arrastam, na maioria, sem desfecho à vista a dois meses de novas …

Milhares de pessoas manifestam-se na Austrália contra o confinamento

Milhares de australianos manifestaram-se, este sábado, em várias cidades do país contra as restrições impostas pelo Governo para controlar o aumento de casos de covid-19. Em Sidney, cerca de mil manifestantes protestaram contra o confinamento decretado …

Há 406 farmácias com testes comparticipados pelo Estado

Há 406 farmácias de 104 laboratórios em Portugal continental com testes comparticipados pelo Estado. Saiba quais. O Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA) atualizou recentemente a lista das farmácias e laboratórios que disponibilizam testes …

Há 33 cursos com emprego garantido. Abandono no Ensino Superior aumentou

Este ano, há 30 licenciaturas e três mestrados integrados sem recém-diplomados inscritos no Instituto de Emprego e Formação Profissional. Segundo o Observador, o número total (33) é inferior ao de 2020 e de 2019, quando foram …

Chegada de emigrantes obriga autarcas do Interior a apertar as regras

Os autarcas do Interior do país, sobretudo de regiões onde a variante Delta ainda não se impôs e o número de novos casos de covid-19 não limita o quotidiano das populações, estão preocupados com o …

Jovens com menos de 20 anos vacinados numa "happy hour" em Lisboa

Alguns jovens com menos de 20 anos foram vacinados no centro de vacinação do Altice Arena, em Lisboa, depois de terem sido informados que havia "sobras". Task force já negou essa explicação. A situação foi denunciada, …

John Textor diz que reação da SAD do Benfica é "cómica"

O empresário norte-americano que chegou a acordo com o "rei dos frangos" para comprar 25% da Benfica SAD considera que a reação à sua aproximação é "cómica". Este mês, a Benfica SAD comunicou à Comissão de …

Rio acusa Cabrita de "mentir aos portugueses e no Parlamento" sobre festejos do Sporting

Rui Rio acusou o ministro da Administração Interna de "mentir aos portugueses e mentir no Parlamento" e justificou o motivo que levou o PSD a recorrer à figura da audição potestativa, a que os partidos …