André Ventura desconfia que o querem fora do PSD

André Ventura / Facebook

André Ventura, candidato PSD/CDS à Câmara de Loures (dir)

André Ventura, vereador da Câmara de Loures, desconfia que Rui Rio o quer fora do PSD e, por isso, pediu uma reunião urgente com o líder social-democrata para esclarecer toda a situação.

De acordo com o i, que avança a notícia nesta quarta-feira, Ventura quer ver esclarecida a situação, explicando que não pode participar num projeto onde “não é desejado”.    

“Numa conversa sobre as vozes críticas que há no partido, o dr. Rui Rio afirmou que até agradecia, e o PSD também, se eu e outros dois camaradas saíssemos”,  disse André Ventura em declarações ao diário, divulgando depois o caso no Facebook, numa publicação na qual garante que vai pedir uma reunião ainda esta semana.

Para o vereador da Câmara de Loures, Rui Rio precisa clarificar a situação pois, “a ser verdade, não posso estar num projeto em que não sou desejado muito menos em representação de uma autarquia com a dimensão da de Loures”, acrescentou André Ventura, que não quis divulgar os outros dois nomes referidos por Rui Rio.

Ventura soube da vontade do líder do partido já há vários meses através de amigos, conta o matutino. No entanto, só na semana passada – quando, em entrevista à TSF, Rui Rio convidou as vozes críticas do partido a sair – é que ficou “preocupado”.

“O que se está a passar é preocupante. O dr. Rui Rio não pode adotar um discurso de grande líder que não permite a crítica interna”, afirmou André Ventura.

Por tudo isto, André Ventura solicitou ma reunião com Rui Rio através do secretário-geral do PSD, José Silvano. “É público que temos as nossas diferenças, mas o dr. Rui Rio tem de esclarecer se dentro do PSD há, ou não, espaço para pensamentos alternativos”, prosseguiu o vereador de Louros concluindo que: “Ou remamos todos para o mesmo lado ou estamos, verdadeiramente, a perder tempo”.

Rio defende nova militância

Nesta terça-feira, e dois dias após a publicação de André Ventura, o presidente do PSD considerou que os partidos estão “profundamente descredibilizados”, defendendo que é fundamental alterar a forma de militância.

“Os partidos estão profundamente descredibilizados perante a opinião pública, acho que ela tem razão e não sabe muito bem como as coisas se passam, se soubesse ainda teria pior (opinião), temos de ter consciência disso”, afirmou Rui Rio na Maia.

Por esse motivo, o ex-autarca da Câmara Municipal do Porto referiu que os partidos têm de mudar a forma de militância ou “a cada ano o descrédito” será maior. “Temos de ter a criatividade de encontrar novas formas de militância e novas formas de participação na política”, frisou.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

MP quer passar a ouvir todas as crianças expostas a violência doméstica

A procuradora-geral da República quer que os magistrados do Ministério Público peçam sempre ao juiz de instrução criminal que as crianças expostas a violência doméstica sejam ouvidas em tribunal para memória futura. A procuradora-geral da República, …

Greta Thunberg no Parlamento entre final do mês e início de dezembro

A ativista sueca aceitou participar numa sessão na Assembleia da República, em Lisboa, promovida pela comissão parlamentar de Ambiente, Energia e Ordenamento do Território, que se realizará entre o final deste mês e início de …

Phineas Fisher. O "hacker fantoche" que está a pagar para piratearem bancos e petrolíferas

Phineas Fisher é um hackers mais infames do mundo e procura agora renovar esse estatuto ao oferecer 100 mil dólares a quem piratear instituições capitalistas, como bancos e empresas petrolíferas. O hacker ficou conhecido após ter …

Conselho Superior da Magistratura arquiva processo disciplinar a Carlos Alexandre

O Conselho Superior da Magistratura decidiu arquivar o processo disciplinar relativo ao juiz do Tribunal de Instrução Criminal por declarações sobre o sorteio da fase de instrução do processo Operação Marquês. "O plenário de hoje do …

Jardins e complexo de estufas descobertos num dos bunker de Hitler

Um grupo de especialistas descobriu jardins e um complexo de estufas, que serviu para cultivar legumes e frutas, num dos maiores quartéis generais de Adolf Hitler durante a II Guerra Mundial, o bunker conhecido como …

Ataque a Alcochete. Advogados pedem impugnação do auto de notícia da GNR

Uma discrepância nas datas de elaboração e de assinatura do auto de notícia que relata a invasão à academia do Sporting motivou, esta terça-feira, a apresentação de um requerimento de impugnação subscrito por vários advogados. No …

Japão diz que é seguro libertar água radioativa de Fukushima no Pacífico

O Ministério da Economia, Comércio e Indústria do Japão afirmou esta segunda-feira que é seguro libertar água contaminada de Fukushima no Oceano Pacífico, de acordo com o jornal local Japan Today. A central nuclear, recorde-se, sofreu …

Dez autarcas e quatro clubes entre os 68 acusados na operação Ajuste Secreto

O Ministério Público da Feira deduziu acusação contra 68 arguidos, incluindo dez autarcas e ex-autarcas, quatro clubes desportivos e os seus respetivos presidentes, no âmbito da operação "Ajuste Secreto". Numa nota publicada no seu site oficial, …

Poluição do ar em Sydney entre as 20 piores do mundo devido aos incêndios

A poluição do ar em Sydney, a maior cidade da Austrália com mais de cinco milhões de habitantes, está hoje entre as 20 piores do mundo devido ao fumo dos incêndios no leste do país. "Sydney, …

Audições da RTP sobre "Sexta às 9" aprovadas pelos deputados

Os deputados da comissão parlamentar de Cultura e Comunicação aprovaram "por unanimidade", esta terça-feira, as audições da diretora de informação e do presidente da RTP sobre o programa "Sexta às 9". O grupo parlamentar do PSD …