/

Vacina da Moderna poderá custar entre 42 e 51 euros

A vacina mRNA-1273 foi a primeira desenvolvida por empresas norte-americanas a chegar à fase dos ensaios clínicos.

De acordo com o Financial Times, a empresa de biotecnologia Moderna deverá vender a vacina que está a desenvolver por uma cifra entre 42 e 51 euros (50-60 dólares).

A confirmar-se este preço, a vacina será a mais cara do mercado, quase mais 10 euros do que a das concorrentes Pfizer e BioNTech (pelo menos nos acordos com o governo norte-americano). O Financial Times, que cita pessoas próximas do processo de negociação, adianta que o plano da Moderna passa por uma distribuição prioritária para os Estados Unidos e outros países economicamente poderosos.

O protocolo e o acordo preveem duas doses da vacina, refere ainda.

A vacina mRNA-1273, que está a ser negociada com alguns Governos, foi a primeira desenvolvida por empresas norte-americanas a chegar à fase dos ensaios clínicos. Segundo o Expresso, os sinais animadores levaram a um aumento de 325% das ações e o Governo norte-americano já injetou mais de 850 milhões na empresa para apoiar o desenvolvimento da vacina.

Esta segunda-feira, em colaboração com o Governo dos Estados Unidos, a empresa de biotecnologia iniciou um dos maiores ensaios do mundo para testar em 30 mil voluntários a eficácia da vacina experimental contra a covid-19.

O teste vai ser feito em pessoas recrutadas em 89 lugares nos Estados Unidos. A vacina de Moderna entrou assim na fase 3, com o objetivo de testar o remédio numa grande amostra da população.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.