Afinal, utilização de viseira não dispensa o uso de máscara

Tiago Petinga / Lusa

Graça Freitas afirmou, esta segunda-feira, que as viseiras devem ser utilizadas juntamente com outro método-barreira que permita tapar também a boca e o nariz, como uma máscara.

A utilização de viseiras de proteção não dispensa o uso de máscaras comunitárias pela população em geral, avisou esta segunda-feira a diretora-geral da Saúde.

“[A viseira] protege muito bem os olhos, protege muito bem o nariz, mas a boca já não protege tão bem, porque é aberta em baixo, e existem gotículas expelidas através do espirro, da tosse, ou mesmo da fala. Deverá ser sempre usada complementarmente com um método-barreira que permita tapar a boca e o nariz.”

Durante a conferência desta segunda-feira, a Graça Freitas apelou ainda a uma atenção particular no uso das máscaras, avançando que não devem ser “manuseadas“.

“Devem pôr-se com muito cuidado com os elásticos e devem ser retiradas com igual cuidado. Usar máscara quando está indicado sim, mas usá-la com muita precaução para não a conspurcar demasiado, ou não a conspurcar de todo”, referiu, citada pelo Público.

“Não nos podemos esquecer que, com máscara ou sem máscara, com viseira ou sem viseira, a regra do distanciamento físico se mantém“, realçou a mesma responsável responsável, no dia número 1 do desconfinamento.

“Temos de continuar a manter a disciplina. Mesmo com um método-barreira, temos de continuar a manter o distanciamento. Também se mantém a regra da higiene das mãos, uma vez que todos sabemos que são o grande veículo de transporte do vírus para outras partes do corpo e para outras superfícies”, sublinhou.

No decreto de lei publicado a 1 de maio o Governo indicava que “é obrigatório o uso de máscaras ou viseiras”, recorda o jornal Eco. Em causa estava o  decreto-lei 20/2020, no qual o Governo definiu as regras para esta nova fase de algum desconfinamento. Tal como sublinha o Diário de Notícias, o Governo não faz distinção, na lei, entre máscara e viseira.

Ordem pede alteração da legislação

A Ordem dos Médicos e o Conselho de Escolas Médicas Portuguesas alertam para os riscos que a utilização de viseiras, em vez de máscaras, representa em termos de saúde pública e pedem que o governo altere a legislação.

Num comunicado conjunto, consideram que a legislação que equipara as máscaras às viseiras, pode comprometer os resultados obtidos até agora no combate à pandemia da covid-19 pois a viseira “é um bom elemento de proteção a nível ocular, confere alguma proteção das vias aéreas a quem a usa, mas não confere proteção às outras pessoas”.

“Não existem estudos sólidos sobre o impacto da utilização da viseira, como alternativa à máscara, na redução do risco de contágio pelo novo coronavírus em termos de infeção através das vias aéreas”, insistem.

A posição das escolas médicas e da Ordem está em linha com a da diretora-geral da Saúde, que na segunda-feira alertou que as viseiras de proteção facial não dispensam a utilização de máscara, considerando que, apesar da sua utilidade, devem sempre ser complementadas por um “método de barreira que permita tapar a boca e o nariz”.

Portugal regista 1.063 mortos por covid-19, em 25.524 casos confirmados de infecção. O país entrou este domingo em situação de calamidade, depois de três períodos consecutivos em estado de emergência.

ZAP //

PARTILHAR

26 COMENTÁRIOS

  1. Até agora não era necessário, dizia esta senhora e a ministra.
    Agora, em que o surto até diminuiu, já é necessário.
    Deviam explicar melhor ou é o aval para a produção de máscaras?

    • E não será porque antes a maioria estava em casa e agora aos poucos vão começar a voltar ao trabalho, etc e para isso é necessária mais protecção para evitar novos contágios?
      É capaz de fazer algum sentido… digo eu, que não sou nenhum génio!…

  2. Que engraçado. No Decreto Lei 20/20 o que diz é: obrigatório o uso de viseira ou máscara. Será que está senhora leu o Decreto Lei antes deste ser publicado?

    • Ninguém leu nada….
      Alguem dá umas dicas, alguém escreve, ninguém revê/verifica.

      É alguma surpresa? Já sabemos que são todos uma pandilha que serve só para ganhar o dinheirinho…

  3. «Não existem estudos sólidos sobre o impacto da utilização da viseira, como alternativa à máscara», mas também não encontro estudos que comprovem cientificamente que o uso de máscara tem vantagens neste caso. As dimensões do COVID-19 levam a que este atravesse facilmente mesmo as máscaras cirúrgicas. Máscaras “caseiras” então ainda oferecerão uma protecção menor.
    Assim, com a utilização generalizada de máscaras pela população, estaremos a criar uma falsa sensação de segurança que irá levar as pessoas a não garantir o necessário afastamento social. Se adicionarmos a isto a forma incorrecta como a maioria das pessoas utiliza e manuseia as máscaras e a maior tendência a levar as mãos à cara e aos olhos, estamos a aumentar significativamente o risco com a utilização de máscaras.

      • Esses dados dependem de demasiados factores e de muitas outras medidas e da altura em que foram tomadas. Portugal, por exemplo, não recomendando o uso de máscaras até agora, até tem números bastante simpáticos. Outros países que recomendaram máscaras desde o início, ao terminar o confinamento estão agora a ter segundas vagas. São simplesmente demasiados factores para ser possível tirar uma conclusão credível sobre o uso das máscaras neste contexto. Os estudos científicos que realmente existem, em ambiente controlado, concluem que o uso de máscaras não é relevante para Coronavírus.

      • Outra vez arroz??
        Comparações são para quem sabe analisar dados e tem bom senso, senão dá asneira!…
        O uso da máscara é só um factor entre muitos outros!

  4. Exceptuando as Unidades de saúde, só vislumbre a necessidade de usar máscara nos transportes públicos ,já que aí pode ser impossível manter o distanciamento. Em todas as outras situações cada um pode ter as suas próprias regras individuais de segurança, sem necessidade de andar Mascarado e de viver num mundo anti- natural e apocalíptico . Viva a liberdade responsável.

  5. Esta velha maluca que meta é mais tabaco nos cigarros ela e todos os outros vigaristas do governo que andam a impingir a falsa pandemia covid 19 ao povo quando se está a provar pelo mundo inteiro que não existe pandemia nenhuma.

      • Veja o que se está a passar em vários países do povo a ficar furioso com os governos e a falsa pandemia. Há uma doença que tem um quadro clínico grave mas que mata menos que a gripe comum e não é pandemia. Por outro lado o número de mortos é uma aldrabice total pois passaram a colocar mortes que não foram por covid 19 por exemplo cancro em covid 19 se o paciente dava teste positivo sabendo que os testes são uma aldrabice com uma margem de erro brutal. Aqui tem vídeos com alguma informação https://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=PT98703 isto é a pouca vergonha mais descarada que vai sair cara aos politicos quando os desempregados vítimas da estupidez e maldade dos politicos lhes tratarem da saúde.

  6. Alguém interne este Sr. José Fontoura. Esta doença também provoca senilidade? Então ele nem precisa fazer o teste, deve ir já para tratamento.

  7. O que mais me preocupa é a desinformação por parte dos políticos, assim como a incompetência na elaboração de leis e regras.
    Não é preciso ser muito esperto para se ver que as viseiras não protegem contra as impurezas, vírus incluídos, transportados pelo ar, mas nem sequer penso em voltar a chamar a atenção aos adeptos das viseiras, argumentam logo que “está na lei”. São pessoas que não pensam pela sua própria cabeça.
    As luvas são outro dos artefactos que eu não entendo, até porque as pessoas levam as mão à cara mesmo com luvas.
    Dos cobre-sapatos, para a população em geral, nem quero falar, evita que os sapatos se infectem, mas promove que os comerciantes com poucos escrúpulos possam enriquecer.
    E os nossos governantes procedem como o “cavalo na parada”, cagando e andando.

    • Exacto; o problema são os políticos que espalham desinformação… o que vale é que há sempre o Facebook e companhia para teres acesso a informação fiável!…
      Ou o Bolsonaro e o Trump; esses sim – muito competentes e fiáveis!…

      • Hó “Eu!”, tu és um pirralho egocêntrico, mal formado, mal educado, arrogante e com a mania que és informado e inteligente. Desengana-te.
        E faz um favor a nós dois, evita dirigires-te a mim, os teus comentários metem-me nojo.
        Fica bem.

        • É a tua opinião que, como já deves ter percebido, é irrelevante!
          E essas considerações vindas de um velho do restelo salazarento como tu, até parecem elogios!…
          .
          Alguém que desculpa e aprecia o antigo regime, dizer que os políticos espalham desinformação só pode ser ironia!…
          .
          Se os meus comentários te metem nojo, tens bom remédio: não os leias!!
          Ou melhor, não escrevas disparates num espaço público como este e assim já não tens que estar constantemente a ser chamado à razão e à realidade!!

RESPONDER

OE2021. Bloco prepara voto contra. PSD só salva proposta se Costa pedir desculpa

O Bloco de Esquerda prepara-se para votar contra o Orçamento do Estado para 2021 na generalidade, avança este sábado o semanário Expresso. Governo e Bloco de Esquerda tem negociado nos últimos dias a proposta de …

Inscrição perdida contém a chave para o enigma dos esqueletos de Almaçã

Uma inscrição de pedra desaparecida esconde a chave para o mistério dos esqueletos de Almaçã, enterrados debaixo de uma muralha medieval. Em Almaçã, Espanha, onze corpos foram enterrados debaixo de uma enorme muralha de uma vila …

Espanha prepara-se para decretar estado de alerta

O Governo espanhol prepara-se para decretar estado de alerta em todo o território, depois de ter colocado a região de Madrid neste nível de alerta. A notícia é avançada este sábado pelo jornal espanhol El País, …

Jerónimo de Sousa deve ser reconduzido na liderança do PCP

O atual secretário-geral do PCP deve ser reconduzido no cargo no congresso que está agendado para o final de novembro, avança este sábado o jornal Público. De acordo com o matutino, as atuais regras sanitárias …

Elixir oral (e outros produtos domésticos) poderá ajudar a neutralizar o SARS-CoV–2

Alguns produtos domésticos, como é o caso do elixir oral e produtos para a descongestionar as vias nasais, mostraram-se eficazes em neutralizar um tipo coronavírus num estudo científico levado a cabo com células humanas. A …

Presidente da Polónia com teste positivo de covid-19

O Presidente da Polónia, Andrzej Duda, testou positivo para o novo coronavírus, anunciou este sábado o porta-voz do chefe de Estado. "Como se esperava, o Presidente @AndrzejDuda foi ontem [sexta-feira] submetido a um teste para detetar …

"Com o futebol acabei com a Guerra do Iraque". Jorvan Vieira, o treinador português que é Deus no mundo árabe

Jorvan Vieira é um nome que pouco deve dizer à maioria dos adeptos de futebol. Filho de portugueses emigrados no Brasil, fez grande parte da sua carreira no Médio Oriente, onde é acarinhado por milhões. …

Capacidade de cuidados intensivos na Europa vai chegar ao limite, alerta OMS

A Organização Mundial de Saúde (OMS) alertou esta sexta-feira que muitas unidades de cuidados intensivos na Europa vão chegar ao limite da sua capacidade nas próximas semanas. "Há uma situação muito preocupante a acontecer na Europa. …

Geólogos "ressuscitam" placa tectónica desaparecida

A existência da placa tectónica Ressurreição nunca foi consensual: alguns geólogos argumentam que nunca foi real e outros alegam que a placa sofreu um processo de subducção no manto da Terra, em algum lugar da …

Não se esqueça: muda a hora este domingo

Os relógios vão atrasar 60 minutos na madrugada do próximo domingo em Portugal para dar início ao horário de inverno. Em Portugal Continental e na Região Autónoma da Madeira, os relógios deverão ser atrasados uma hora …