Uma em cada cinco peças de roupa de algodão envolve trabalho forçado uigur

(dr) End Uyghur Forced Labour

Uma nova coligação exige que várias marcas de roupa mundiais deixem de recorrer a fornecedores ligados ao trabalho forçado de uigures na província de Xinjiang, na China.

Cerca de 200 organizações de defesa dos direitos humanos, provenientes de mais de 35 países, formaram uma coligação para pedir a algumas das mais famosas marcas de roupa para garantir que não estão a apoiar ou a beneficiar-se do trabalho forçado de uigures, minoria muçulmana na China.

“O Governo chinês submete os uigures a um trabalho forçado sistemático. As marcas de moda são cúmplices desta situação”, lê-se no site da coligação.

Segundo os números revelados por estas organizações, 84% do algodão produzido na China vem de Xinjiang, a região onde vive esta minoria étnica, sendo que 20% do algodão mundial tem origem nesta província chinesa.

Além disso, uma em cada cinco peças de roupa de algodão no mercado de vestuário global envolve trabalho forçado uigur.

“Estamos a pedir às marcas que deixem de fora a região uigur de todos os níveis da sua cadeia de abastecimento, desde algodão aos produtos finalizados, para impedir o uso de trabalho forçado dos uigures e de outros grupos, e para que acabem com as suas ligações com estes fornecedores que apoiam o trabalho forçado”, pedem as organizações.

“As marcas devem adotar cada uma destas etapas para cumprir as suas obrigações de responsabilidade corporativa pelos direitos humanos, conforme definido pelos princípios internacionais como é o caso dos Princípios Orientadores da ONU sobre Negócios e Direitos Humanos.

Segundo o site Business Insider, os ativistas nomearam 38 empresas que, segundo dizem, com base em investigações credíveis, têm produtos ligados ao trabalho forçado uigur. Entre elas estão marcas como a Abercrombie & Fitch, a Adidas, a Amazon, a Calvin Klein, a GAP, a H&M, a Nike, a Tommy Hilfiger, a Victoria’s Secret e a Zara. A lista com todos os nomes pode ser vista neste comunicado.

A coligação também pede aos Governos para que “fortaleçam e façam cumprir as leis existentes que proíbem o comércio de bens produzidos através de trabalho forçado”.

A China tem enfrentado uma crescente pressão diplomática devido às acusações de que mantém em centros de detenção cerca de um milhão de membros desta minoria étnica.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Sporting 2-1 Santa Clara | Super-Coates volta a ser herói

Arrancado a ferros… à campeão? O Sporting esteve a poucos segundos de registar o terceiro empate em casa, perante um Santa Clara que não foi em nada inferior aos “leões” e até conseguiu ser superior em …

Os gatos demonstram ser menos leais do que os cães (mas pode haver uma razão)

Ainda existe um estereótipo sobre a diferença entre cães e gatos. Normalmente as pessoas associam os cães a animais amorosos e leais, enquanto os gatos são tidos como distantes e indiferentes. Um novo estudo pode …

O mistério do "lago dos esqueletos" na Índia intriga cientistas há décadas

O Roopkund, localizado na parte indiana dos Himalaias, é um lago glacial com centenas de ossos humanos. E ninguém sabe como foram lá parar. Em 1942, um guarda florestal revelou ao mundo a existência deste lago …

A fronteira mais importante da China é imaginária: a Linha Hu

A Linha Hu, também conhecida como linha Heihe-Tengchong, é uma linha imaginária que divida a China em duas partes com áreas quase iguais. Estende-se da cidade de Heihe até Tengchong. Desenhada pela primeira vez em 1935, …

Algumas pessoas moram em aeroportos durante meses (ou até mesmo anos)

Aeroportos não servem de casa apenas para os sem-abrigo. Há pessoas que, involuntariamente ou não, ficam lá durante meses e, em alguns casos, até mesmo anos. Em janeiro, as autoridades de Chicago prenderam um homem de …

Senado da Carolina do Sul aprova fuzilamento como método de execução

Com esta decisão, a Carolina do Sul poderá converter-se no quarto estado do país a incorporar este método de execução de pena de morte, depois do Utah, Oklahoma e Mississípi. De acordo com a agência noticiosa …

"Oxigénio tornou-se ouro". Criminosos lucram com a sua escassez no México

A pandemia de covid-19 deixou a Cidade do México a atravessar uma grande escassez de oxigénio médico. Criminosos estão a aproveitar para lucrar com a situação. A capital mexicana registou um pico de infeções e hospitalizações …

Meteorito do tamanho de um damasco caiu em França (e os astrónomos precisam de ajuda para encontrá-lo)

Os entusiastas do Espaço estão a ser instados a procurar um meteorito do tamanho de um damasco que caiu no fim de semana passado no sudoeste de França.  O meteorito, com peso estimado em 150 gramas, …

Professora pediu a alunos para fingir que eram escravos e escreverem carta para África

Uma professora de uma escola secundária no Mississippi, nos Estados Unidos, está a ser alvo de críticas devido a uma fotografia de um trabalho de casa divulgada nas redes sociais. Foi pedido aos alunos do 8.º …

Obra de Churchill que pertencia a Angelina Jolie vendida por valor recorde

O quadro pintado pelo antigo primeiro-ministro britânico foi vendido por 8,3 milhões de libras. A pintura foi um presente de Winston Churchill para o presidente dos Estados Unidos, Franklin D. Roosevelt, e agora foi leiloada …