Tsipras extrema posições e chama criminosos ao FMI e à UE

Julien Warnand / EPA

O primeiro-ministro da Grécia, Alexis Tsipras

Alexis Tsipras, o primeiro-ministro da Grécia, acusa os credores internacionais de terem um plano para “humilhar o povo grego” e de agirem como verdadeiros “criminosos”. Um discurso desafiante e que vem alimentar os receios da saída dos gregos da Zona Euro.

“A Europa deve decidir se quer uma solução que assegure o futuro da Grécia e da Zona Euro ou se quer humilhar o povo grego”, foi desta forma que Alexis Tsipras se dirigiu a elementos do seu partido, o Syriza, reunidos no Parlamento da Grécia para analisarem a difícil situação económica do país.

“Pedem-nos para adoptar um acordo que não apenas não solucionará o problema, mas abismará a economia do país na recessão”, disse ainda Tsipras que coloca assim nas costas dos seus pares da União Europeia a responsabilidade de resolverem o impasse que prossegue nas negociações.

Com a Grécia no limite da bancarrota, o Governo grego joga com os receios da saída da Zona Euro, circunstância de consequências imprevisíveis e que pode acarretar muitos efeitos negativos para todos os Estados membros.

Os credores internacionais exigem ao Governo grego mais cortes, nomeadamente nas pensões, mas Tsipras e companhia não dão sinais de cedência. O primeiro-ministro grego tem argumentado que 45% dos pensionistas gregos já vivem abaixo do limiar da pobreza, recusando assim quaisquer reduções neste domínio.

Mas os ministros do Eurogrupo vão apresentar ao governo de Tsipras números que comprovam que a Grécia é o Estado-membro que mais gasta em pensões, reporta o jornal El Mundo.

De acordo com este diário, o Estado grego dedica ao pagamento de pensões 16,2% do seu PIB, enquanto em Portugal esse valor é de 13,8% e na Holanda de apenas 6,9%.

Os ministros do Eurogrupo vão acenar com estes dados aos responsáveis gregos, na tentativa de os convencerem a fazerem um esforço para, pelo menos, se situarem nos níveis médios da Europa. Falta saber se isso chegará.

ZAP

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. O bloco de esqª de lá parece aquele menino dono da bola no recreio… Só se joga qdo e com que ele decide. E qdo um mais ousado lhe tira a bola vai logo ao parlamento dizer “eles são criminosos”!
    Afinal a Grécia é o país da União que maior fatia afecta a pensões! Mais de 16% do pib e nós um pouco menos…

  2. Não gosto lá muito de radicais, mas há um mérito que temos que reconhecer aos ditos: Têm que ter os sobreditos ditos no sítio para sustentarem, totalmente isolados, a sua posição.
    É de facto fácil, desde o início, perceber que é inevitável um acordo. O Euro é como um copo de vidro: Se lhe tirarmos um bocado, só ficam cacos. A seriedade do assunto, aconselha a que não seja tema que sirva para ninguém dar ou tirar, qualquer espécie de “lições”. Afirmações como “Portugal não é a Grécia”, podem fácilmente transformar-se em “A Espanha não é Portugal”, e por aí fora …

    • Talvez os “mercados” já tenham percebido que uma economia a 26 não será contaminada por um único membro só porque é “radical” e a coberto do manto “povo grego” que manifestamente aparece preocupado. Não é razoável evocar o berço da democracia qdo se passa ao lado do facto do facto, de entre outros europeus, o povo português, na penúria, lá ter metido dinheiros…

RESPONDER

Alberto II da Bélgica assume filha de uma relação extraconjugal

O antigo Rei da Bélgica assumiu ser pai de uma mulher de 51 anos, que nasceu de uma relação extraconjugal, depois de um processo que se arrastou na justiça belga durante sete anos. Uma ordem de …

Luanda Leaks. Plataforma confirma que recebeu os dados de Rui Pinto

A Plataforma de Proteção de Denunciantes na África (PPLAAF) confirmou que recebeu do 'hacker' português Rui Pinto os dados relacionados com as recentes revelações sobre a fortuna da empresária angolana Isabel dos Santos. “Muitos meios de …

Príncipe André ofereceu "zero cooperação" no caso Epstein, diz procurador

O Príncipe André ofereceu "zero cooperação" na investigação sobre os crimes do falecido investidor Jeffrey Epstein, embora o FBI e o Ministério Público de Nova Iorque tenham pedido para interrogá-lo. Segundo afirmou o procurador do distrito …

Conceição queixou-se das condições, mas a realidade é bem diferente

No fim do jogo da final da Taça da Liga, Sérgio Conceição desabafou sobre as condições em que trabalha. No entanto, a realidade mostra algo bem diferente daquilo que o treinador dá a entender. Após a …

Estado Islâmico elege Israel como "alvo específico" da sua luta

O grupo 'jihadista' Estado Islâmico (EI) afirmou na segunda-feira, através de uma mensagem áudio, pretender desencadear uma "nova fase" da sua 'jihad', ao eleger Israel como alvo específico. O apelo foi emitido quando o Presidente norte-americano …

Francisco Rodrigues dos Santos: "No CDS não existem Joacines"

O líder do CDS-PP, Francisco Rodrigues dos Santos, afirmou hoje ter uma "confiança inabalável em todos os deputados" que representam o partido na Assembleia da República, e remeteu para mais tarde a questão da liderança …

Cada vez mais freiras sofrem de burnout no Vaticano

Há cada vez mais freiras a sofrerem de burnout no Vaticano. Várias irmãs denunciaram excesso de trabalho, stress, exploração laboral e abusos por parte dos superiores. Sem contrato de trabalho ou horários definidos, muitas freiras que …

"Foi uma cena de acidente devastadora". Helicóptero que matou Kobe Bryant não tinha caixa negra

As circunstâncias do acidente que provocou a morte de Kobe Bryant, da filha do ex-basquetebolista da NBA e de mais quatro pessoas, continuam a ser investigadas. Sabe-se, agora, que o helicóptero onde seguiam as vítimas …

EUA apresentam plano de paz para o Médio Oriente já condenado pela Palestina

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, apresenta esta terça-feira o seu plano de paz para o Médio Oriente, após reuniões com líderes israelitas, que poderá estar condenado ao fracasso, perante a rejeição dos …

Vacina chinesa para o coronavírus pode começar a ser testada em menos de 40 dias

A equipa chinesa que trabalha no desenvolvimento de uma vacina para combater o coronavírus de Wuhan disse que espera poder começar os testes em menos de 40 dias, informou a agência estatal Xinhua. Pelo menos 106 …