Trump engana tropas sobre aumento salarial na visita ao Iraque (outra vez)

Michael Reynolds / EPA

Na última quarta-feira Donald Trump fez uma visita surpresa ao Iraque — foi a primeira viagem, enquanto presidente dos EUA, a uma zona de combate.

Na visita à base área Al Asad, a oeste de Bagdade, Trump discursou perante uma multidão de soldados e, no decorrer do discurso, repetiu argumentos falaciosos sobre os salários dos militares.

“Quero que todos saibam que vamos sempre proteger quem nos protege. Vocês protegem-nos. Nós vamos sempre proteger-vos”, começou por dizer. “E vocês acabaram de ver isso, porque vocês acabaram de receber um dos maiores aumentos que alguma vez receberam. Vocês não recebem um aumento há mais de 10 anos… e nós conseguimos um aumento grande para vocês. Eu consegui”, continuou.

“Eles disseram: ‘Sabes, podemos fazer um aumento mais pequeno. Podemos ficar nos 3%. Podemos ficar nos 2%’. Eu disse: ‘Não. Façam de 10%. Façam mais de 10%‘. Já passaram mais de dez anos. É muito tempo”, repetiu falsamente Trump, naquela que foi a primeira visita ao Iraque, acompanhado pela primeira-dama Melania Trump.

De acordo com a CNN e a Business Insider, os salários dos militares têm aumentado anualmente há mais de 30 anos. Em 2018 assistiu-se a um aumento de 2,4% e para 2019, à conta da Lei de Autorização de Defesa Nacional, está previsto outro acrescento de 2,6%. O aumento no orçamento para 2019 foi o maior nos últimos nove anos, mas o aumento salarial não tem nada de novo.

Trump frequentemente invoca o salário militar como prova do seu compromisso com as forças armadas. Em maio, o presidente norte-americano disse às mães e esposas de soldados num evento na Casa Branca que tinha conseguido aumentar o salário dos militares “pela primeira vez em dez anos”.

A viagem de Donald Trump pode também ter comprometido as identidades e as localizações secretas dos Navy Seals no Iraque após ter publicado um vídeo ao lado da equipa esta quarta-feira no Twitter.

O vídeo foi publicado depois de o presidente norte-americano ter visitado os militares destacados no país, mas isso constitui uma “quebra do protocolo que normalmente protege as identidades dos membros das forças especiais em zonas de combate”, de acordo com Malcolm Nance, um especialista em serviços de informações da Marinha.

Agora “a segurança operacional” daquela unidade especial terá ficado comprometida, avisa o especialista, uma vez que ninguém sabia, até agora, que militares norte-americanos estavam no país.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Itália vai construir um túnel submarino para unir Sicília ao continente

Itália está a planear construir um túnel para ligar a região insular da Sicília ao continente italiano. O projeto de cinco mil milhões de euros vai ser pago com a parte do Fundo de Recuperação …

Point Roberts tinha um pé nos EUA e outro no Canadá (mas agora não "pertence" a nenhum)

Point Roberts, em Washington, está numa posição única. Localizada na ponta da Península de Tsawwassen, a cidade fica totalmente abaixo do paralelo 49, a linha que separa o Canadá dos Estados Unidos. Agora, a cidade …

Milhares de processadores quebraram um trilião de chaves para resgatar um Zip com bitcoins

Um misterioso homem perdeu o acesso a um ficheiro Zip onde estavam encriptadas as suas chaves privadas de bitcoins. Os 300 mil dólares foram resgatados por dois especialistas em criptografia — e por muitos milhares …

Reino Unido com mais de mil novas infeções pelo quarto dia consecutivo

O Reino Unido registou mais 11 mortos e 1.441 infeções de covid-19 nas últimas 24 horas, anunciou o Ministério da Saúde britânico, que manteve restrições sobre a área metropolitana de Manchester e parte do norte …

Governo não pondera (para já) proibição de fumar ao ar livre

O Governo não está a ponderar, neste momento, proibir fumar ao ar livre como foi decretado em Espanha, mas há “muitos aspetos em aberto” que serão acompanhados, disse esta sexta-feira a ministra da Saúde, Marta …

Lotação do Avante reduzida a um terço. Visitantes terão uma "área superior à que está estabelecida para as praias"

O PCP anunciou que vai limitar a entrada na sua anual Festa do "Avante!" a um terço da capacidade total, em virtude do contexto de pandemia de covid-19. O espaço de 30 hectares das Quinta da …

Governo da Guiné Equatorial demitiu-se em bloco

O Governo da Guiné Equatorial, liderado pelo primeiro-ministro Francisco Pascual Obama Asue, apresentou a sua demissão em bloco. Em declarações aos jornalistas, o ministro da Comunicação e porta-voz do Governo em funções, Eugenio Nze Obiang, explicou …

PSP apresenta queixa contra jornal Público por causa de cartoon no "Inimigo Público"

A PSP anunciou esta sexta-feira que vai apresentar queixa contra o jornal Público pela publicação, no suplemento Inimigo Público, de um cartoon com uma figura vestida de uniforme, “aparentemente relacionado com uma ação com conotação …

Tensão no Mediterrâneo. Macron envia ajuda militar à Grécia em conflito com a Turquia

O presidente Emmanuel Macron anunciou, quarta-feira, o envio de forças francesas para o Mediterrâneo Oriental. A intenção turca de procurar petróleo e gás no fundo do mar, tem criado tensão política entre a Grécia e …

"O material escolar mais importante". Escolas já receberam verba para comprar máscaras

As escolas já receberam as verbas para comprar as máscaras que irão distribuir gratuitamente pelos alunos e funcionários e alguns estabelecimentos de ensino estão a planear ter equipamentos extra Dentro de um mês, em meados de …