Trump elogia política migratória do Governo italiano

Jim Lo Scalzo / EPA

O primeiro-ministro italiano, Giuseppe Conte, e o Presidente dos EUA, Donald Trump, na Casa Branca

O Presidente norte-americano elogiou, esta segunda-feira, a linha política assumida pelo atual Governo italiano em matérias migratórias, afirmando que outros países europeus deviam adotar a mesma “posição firme” e seguir o exemplo.

Donald Trump falava no início de um encontro com o primeiro-ministro italiano, Giuseppe Conte, que foi recebido, esta segunda-feira, na Casa Branca, em Washington.

Conte é o líder da atual coligação governamental italiana (que tomou posse no passado dia 1 de junho) que integra o partido de extrema-direita nacionalista Liga e o Movimento 5 Estrelas (M5S, populista). “É um homem que fez um trabalho formidável”, afirmou o Presidente dos EUA, numa referência à atual postura política do Governo de Roma em matérias migratórias.

“Sei que ele tem uma posição firme na fronteira”, prosseguiu Trump, defendendo que “muitos outros países na Europa deviam fazer o mesmo”.

O atual Governo italiano tem adotado uma linha dura contra as migrações. Por exemplo, o Executivo de Roma decidiu bloquear, ao longo das últimas semanas, o acesso aos portos italianos a vários navios de organizações não-governamentais (ONG) que estão envolvidas no resgate de migrantes no mar Mediterrâneo.

“A Itália é um importante aliado na NATO, parceiro eminente no Afeganistão e no Iraque e é crucial para trazer estabilidade na região do Mediterrâneo“, indicou uma nota informativa divulgada em finais de junho passado pela Casa Branca quando anunciou a visita de Conte a Washington.

Nesse mesmo mês, durante a última reunião do G7 (grupo das sete maiores economias do mundo) no Canadá, Trump já tinha qualificado o atual primeiro-ministro italiano como “super”. “É muito firme em relação à imigração, como eu”, afirmou na altura Trump.

Recorde-se que o Presidente dos EUA deseja construir um muro na fronteira com o México para combater a imigração ilegal e adotou uma política migratória de “tolerância zero” que separou crianças menores dos respetivos pais, indocumentados, na fronteira entre os EUA e o território mexicano.

Nas mesmas declarações antes da reunião com o primeiro-ministro italiano, o chefe de Estado norte-americano adiantou que o encontro com Conte também iria servir para abordar questões comerciais e militares.

Este encontro ocorre dias depois do compromisso alcançado, na quinta-feira passada, entre Trump e o presidente da Comissão Europeia, Jean Claude-Juncker, para uma trégua que permita reduzir as crescentes tensões comerciais dos últimos meses entre Washington e a Europa, após a imposição de taxas pelos EUA.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Raíssa faz bolachas com o lema "Fora Bolsonaro". Já se tornaram virais

Uma brasileira começou a fazer bolachas com o lema "Fora Bolsonaro" em jeito de brincadeira, mas agora já vende centenas todos os dias. Aquilo que começou como uma simples brincadeira, acabou por tornar-se viral. A ideia …

Zara, 19 anos, quer ser a mulher mais nova de sempre a voar sozinha à volta do mundo

Uma jovem, de 19 anos, pôs mãos à obra para levar a cabo um "gap year" (o chamado ano sabático) com um propósito muito fora do comum: tornar-se a mulher mais nova de sempre a …

Francês diz ter usado método matemático para ganhar o Euromilhões

O francês, que não quis revelar a sua fórmula à imprensa, ganhou, no dia 11 de junho, 30 milhões de euros com a combinação com a qual jogava há um mês. A história foi contada, esta …

Mais de metade da população portuguesa já tem a vacinação completa

Mais de metade da população residente em Portugal (52%) já tem a vacinação completa contra a covid-19, revela o relatório semanal de vacinação divulgado esta terça-feira pela Direção-Geral da Saúde (DGS). Segundo o último relatório semanal …

Campeão olímpico criou problemas no seu país natal

Richard Carapaz, medalha de ouro no ciclismo, foi direto: "O país nunca acreditou em mim". Presidente do Equador, ministro e Comité Olímpico reagiram. Poucos dias depois de ter subido ao pódio final da Volta a França …

Jovens preocupados com fertilidade e efeitos secundários das vacinas contra a covid-19

Com o avanço das campanhas de vacinação, um grande número de pessoas das faixas etárias baixo dos 30 anos mostra-se relutante em tomar a vacina contra a covid-19. Os jovens falam de preocupações com fertilidade …

Clarisse: dois gestos que ficam para a memória olímpica

Clarisse Agbégnénou foi campeã olímpica no judo, pela primeira vez - mas a atitude que demonstrou, mal venceu a final, ficará também para os registos. Campeã mundial cinco vezes, mais duas medalhas de prata. Cinco medalhas …

Sindicatos avançam com ações legais para travar despedimento coletivo na TAP

Os sindicatos que representam os trabalhadores da TAP vão avançar com ações legais para travar o despedimento coletivo que a empresa iniciou na segunda-feira, que abrange 124 profissionais. "Até agora houve conversa, a partir de agora …

Ginastas alemãs usam fato integral para combater sexualização da modalidade

Ao contrário do que acontece com os ginastas masculinos, que podem optar por calções ou calças, as mulheres competem, desde o início da modalidade, de bodies que expõem grande parte do seu corpo. Quando, no último …

Tribunal europeu dá razão à SIC e condena Estado por violar liberdade de expressão

Portugal foi condenado pelo Tribunal Europeu dos Direitos do Homem (TEDH) por violação da liberdade de expressão num caso em que a SIC foi obrigada a indemnizar um ex-deputado do PS por ofensa à sua …