O tango dança-se a dois. Mas com Biden no poder, o “Trump dos Trópicos” não tem par

Chris Kleponis / EPA

Líder da maior economia da América Latina, Jair Bolsonaro seguiu o exemplo de Donald Trump, merecendo o título de “Trump dos Trópicos”. Agora que o ainda Presidente dos Estados Unidos está prestes a dizer adeus à Casa Branca, o Presidente brasileiro fica sozinho a dançar este tango.

Rubens Ricupero, antigo embaixador do Brasil nos Estados Unidos, foi sucinto: “Ele vai ficar sozinho”. “Bolsonaro tem uma relação má com a União Europeia, França, Alemanha e com a China. Além disso, começou o seu relacionamento com o Presidente eleito dos EUA, Joe Biden, com o pé errado”, disse, em declarações ao Al Jazeera.

Recentemente, o recém-eleito Presidente norte-americano sugeriu que o Brasil poderia enfrentar sanções se não impedisse a destruição da Amazónia. A 11 de novembro, Bolsonaro respondeu.

“Recentemente, vimos um grande candidato a chefe de Estado dizer que, se eu não apagar o fogo na Amazónia, colocará barreiras comerciais contra o Brasil. O que podemos fazer para enfrentar isso? A diplomacia por si só não funciona… Quando a saliva acaba, temos que ter pólvora“, disse Jair Bolsonaro.

Mas à medida que Donald Trump se aproxima de conceder a transição formal para o Governo de Biden, pode não restar outra opção a Bolsonaro que não a diplomacia.

Ricupero acredita que o Brasil tem agora a oportunidade de “mudar a sua desastrosa política externa“, mas está cético sobre se será o Governo de Bolsonaro a dar esse passo.

Durante décadas, a política externa do Brasil foi ditada pelo pragmatismo: evitar interferir nos assuntos internos de outro país e não perder uma oportunidade de negócios. Mas Bolsonaro seguiu o exemplo de Trump nas relações exteriores, mesmo quando a matemática política e económica não era propriamente favorável.

Em relação à Saúde, o mesmo aconteceu: tal como o Presidente norte-americano, Bolsonaro minimizou a pandemia de covid-19, chamando-a de “gripezinha” e culpou a China pela disseminação do vírus. À semelhança de Trump, evitou usar máscara, contraiu a doença e usou a sua própria recuperação para mostrar que o vírus não é assim tão fatal.

Mas os números contam uma história diferente: atrás dos Estados Unidos, o Brasil surge na segunda posição quanto ao número de mortes causadas pela covid-19.

Para Ruben Barbosa, ex-embaixador do Brasil nos Estados Unidos e no Reino Unido e atual presidente do Instituto de Relações Internacionais e Comércio exterior, a derrota de Trump também pode ser vista como um golpe para o “populismo nacional” nos Estados Unidos e no Brasil.

“Será difícil para Bolsonaro manter este tipo de movimento, a menos que Trump seja capaz de manter o controlo do Partido Republicano depois de deixar a Casa Branca e, até certo ponto, dirigir a política dos Estados Unidos”, disse à Al Jazeera.

A derrota de Trump enfraquecerá Bolsonaro e a direita conservadora, que tem ignorado as minorias”, disse a ativista Rose Cipriano à Al Jazeera. “Na América do Sul, países vizinhos como Argentina e Bolívia voltaram para governos de centro-esquerda. No Chile, protestos em massa convenceram as pessoas a reformar a Constituição e a reduzir a desigualdade social. No Brasil, vai acontecer o mesmo.”

Mas toda a moeda tem dois lados e o Brasil, assim como os Estados Unidos, está dividido: aqueles que apoioam Bolsonaro ecoam as visões dos apoiantes de Trump de que a culpa é do sistema, e não do Presidente.

  ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Sismo de 4,9 em La Palma e novo colapso do cone do Cumbre Vieja

A ilha espanhola de La Palma registou hoje um sismo de 4,8 de magnitude, no dia em que o vulcão voltou a sofrer um colapso no cone principal, causando grandes derrames de lava. O sismo foi …

Algas vivas sensíveis à luz (um tipo de cianobactérias chamado Synechocystis) injetadas num girino

Podia ser ficção científica, mas não é. Injetar algas no sangue dos sapos pode ajudá-los a respirar

Os sapos adotam várias técnicas de respiração ao longo da sua vida. Agora, uma equipa de cientistas alemães desenvolveu um novo método que permite que os girinos "respirem" graças à introdução de algas na sua …

As misteriosas auroras de Úrano foram finalmente detalhadas ao pormenor pelos cientistas

Auroras de Úrano foram captadas pela primeira vez em 2011 através do telescópio Hubble Space, mas as suas origens representam ainda mistérios que os cientistas não conseguem esclarecer. Pela primeira vez, os cientistas conseguiram moldar a …

Domingo invulgar: 17 grandes jogos para ver, em poucas horas

A ementa começa em França, ao meio-dia, e acaba no Chile, já depois das oito da noite. Não estamos perto do Carnaval mas vem aí um "domingo gordo" no futebol. Vários jogos grandes, uns mais mediáticos …

Sporting 1-0 Moreirense | Capitão Coates embala leão

O Sporting igualou hoje o FC Porto na liderança provisória da I Liga portuguesa de futebol, ao vencer em casa o Moreirense, por 1-0, em jogo da nona jornada. O capitão Sebastián Coates marcou, aos …

Relatório médico indica que jovem chinês morreu após beber uma garrafa de Coca-Cola em dez minutos

Um homem chinês morreu depois de beber uma garrafa de 1,5 litros de Coca-Cola em dez minutos, informaram os médicos num relatório. O jovem de 22 anos, que não tinha doenças subjacentes, dirigiu às urgências do …

Universidade no Reino Unido tem arquivo de "casas assombradas"

A Universidade de Sheffield, no Reino Unido, tem um arquivo aberto ao público com quase 80 mil fotografias de "casas assombradas" de várias feiras populares. Para muitos, o medo é parte integrante da experiência de uma …

J&J acusada de usar manobra para impedir processos judiciais relativos à venda de pó de talco com propriedades cancerígenas

A Johnson & Johnson está a ser criticada por usar uma manobra para impedir cerca de 38 mil processos judiciais que alegam que o famoso baby powder da marca causa cancro. De acordo com a NPR, …

Tondela 1-3 FC Porto | Hat-trick de Taremi castiga insolência beirã

O iraniano Mehdi Taremi foi a grande figura da vitória do FC Porto em casa do Tondela, por 3-1. Os homens da casa marcaram primeiro, mas cedo se viram reduzidos a dez elementos e tiveram …

Chamam-lhe "Lady Trump". A candidata a governadora do Nevada que está a gerar polémica

Conhecida como "Lady Trump", Michele Fiore anunciou a sua candidatura a governadora do estado do Nevada em estilo, gerando polémica nos Estados Unidos. Michele Fiore, vereadora de Las Vegas, anunciou esta terça-feira a sua candidatura a …