Tribunal exige 1.428 euros à filha de 7 anos de bombeira morta em serviço

www.Bombeiros.pt / Facebook

A família da bombeira Ana Rita Pereira, que morreu a combater um incêndio em 2013, está indignada por ter sido obrigada a pagar uma taxa de justiça, no âmbito do processo-crime contra os dois incendiários que provocaram o fogo.

O caso é reportado pelo Correio da Manhã, que salienta que a filha da bombeira, uma menina de sete anos, recebeu uma notificação do Tribunal de Viseu para pagar uma taxa de justiça de 1.428 euros.

Em causa está o processo de indemnização civil movido pela família, no âmbito da morte de Ana Rita Pereira, depois da condenação de dois incendiários a penas de prisão, responsabilizados pelo incêndio que vitimou a bombeira.

Foi o avô da criança, José Carvalho, que denunciou o caso nas redes sociais, conforme destaca o CM, onde o homem diz que foi “apanhado de surpresa”, até porque refere que “não recebeu qualquer indemnização”.

José Carvalho também refere que “pagou porque teve medo de que a conta da neta fosse congelada”, mas realça que reclamou no Tribunal de Viseu, na Liga dos Bombeiros Portugueses e ainda no Ministério da Administração Interna.

O CM apurou, junto de advogados ligados ao processo, que “todas as pessoas que fazem um pedido de indemnização civil estão obrigadas a pagar a taxa de justiça no início ou no fim do processo”, a não ser nos casos em que há uma solicitação de apoio judiciário – o que não aconteceu nesta situação, segundo o jornal.

Da Liga dos Bombeiros, Jaime Marta Soares refere no jornal que “não foi informada do assunto” e que, se isso tivesse sucedido, poderia ter “agilizado o processo de outra forma”, nomeadamente accionando o Fundo de Protecção Social do Bombeiro.

ZAP

PARTILHAR

11 COMENTÁRIOS

  1. Isto é um escândalo e nem sequer deve ter passado por um juiz. Trata-se, pelos vistos, de um processo meramente administrativo. Não deixa de ser um ultraje, mas o mais importante é que um juiz chame agora a si a decisão de conceder rapidamente à menina em causa a indemnização pedida. Para que, ao menos uma vez, Direito seja o mesmo que Justiça.

  2. Como é que a Liga dos Bombeiros não sabe dos trâmites processuais? O que acho estranho é ter que ser uma criança a ter que pagar.

  3. Tenho vergonha de ter nascido num país que tem bestas a fazer de juízes !
    E fica tudo assim, manso e calmo. É a normalidade. A ministra da justiça está calada… deve achar bem !

  4. « “O Meu Grito”

    Nobre e altivo Portugal,
    Foste outrora o mais valente
    Hoje tão pobre e doente,
    Império feito hospital
    … » versos de Manuel Alves -1843/1901″O Poeta Cavador”

    Só gente louca e sem de sensibilidade, tem a coragem de decretar tal pagamento.
    Que raio de país este!
    Como se não bastasse o facto de esta criança ter perdido a mãe, por causa dos criminoso que deitaram o fogo, ainda vem o Tribunal castigá-la mais.
    Tenham vergonha!

  5. …o império da DESGRAÇA ,no auge do seu melhor ( e cada vez mais ainda, há-de ser pior)
    Sugam de todas as maneiras e feitios o Zé Povinho !!!

    …e já agora, tomem lá mais uma: Durão Barroso recebe reforma antecipada de Bruxelas desde abril…

    José Manuel Durão Barroso encontra-se a receber a reforma antecipada pelos seus serviços à frente da Comissão Europeia desde o início de abril, disse à Lusa fonte oficial da Comissão em Bruxelas. “[…]

  6. A Taxa de Justiça é fixada pelo Estado/Governo e não pelo Juiz ou Tribunal, e é paga pela parte que ganha o processo.
    Os incendiários foram condenados ao pagamento da importância, mas como não a têm, é o Estado que deve assegurar o pagamento da mesma.
    Mas a Taxa de Justiça é devida, quer haja pagamento quer não.

    Processei o patrão por salários devidos e não pagos.
    Venci o processo, mas como a empresa onde trabalhei abriu falência, não recebi um chavo, mas tive de pagar a Taxa de Justiça, tal como se tivesse recebido !!!!

RESPONDER

Iniciativa Liberal acusa comissão promotora de a tentar impedir de participar no desfile do 25 de Abril

A Iniciativa Liberal (IL) acusou, esta terça-feira, a comissão promotora do desfile do 25 de Abril de tentar impedir o partido de participar nas comemorações, pretendendo os liberais organizar o seu próprio desfile no mesmo …

EDP defende que venda de barragens não estava sujeita a imposto de selo

A EDP considera que a venda da concessão das barragens ao consórcio da Engie não beneficiou de isenção do Imposto do Selo prevista na lei desde 2020 porque a forma como a operação decorreu não …

Polícia Judiciária faz buscas na Câmara de Lisboa

A Polícia Judiciária (PJ) está, esta terça-feira, a fazer buscas na Câmara Municipal de Lisboa, nas instalações do departamento de gestão urbanística, situadas no Campo Grande, e nos Paços do Concelho. Ao que o jornal online …

Portugal regista mais 424 casos e cinco óbitos por covid-19

Portugal registou, esta terça-feira, mais cinco mortes e 424 novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da Direção-Geral da Saúde …

Ministro reconhece que retoma do Ensino Superior tem de ser "gradual"

O ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior considerou, esta segunda-feira, que a retoma das atividades letivas tem de ser feita de forma “gradual e faseada”, mas mostrou-se satisfeito com a responsabilidade demonstrada por docentes …

Apenas uma em cada 500 pessoas foram vacinadas nos países pobres. Greta Thunberg apoia vacinação equitativa com 100 mil euros

Apenas uma em cada 500 pessoas, em média, foi vacinada contra a covid-19 nos países pobres, enquanto nos ricos uma em cada quatro já está parcial ou totalmente imunizada, revelou esta segunda-feira a Organização Mundial …

Mário Soares vai dar nome a uma rua na Covilhã

O antigo Presidente da República Mário Soares vai dar nome a uma das ruas da Covilhã, numa homenagem que integra as comemorações do 25 de Abril naquela cidade do distrito de Castelo Branco. O programa preparado …

"Estava em segredo". Comissão de inquérito abre investigação à divulgação do relatório secreto de Costa Pinto

A Comissão Parlamentar de Inquérito ao Novo Banco abriu esta terça-feira uma investigação sumária à divulgação do chamado “Relatório Costa Pinto”. A notícia é avançada esta terça-feira pelo jornal online Observador, o mesmo órgão de comunicação …

Cheias em Luanda fazem 14 mortos e mais de 8 mil desalojados

As chuvas torrenciais que esta segunda-feira provocaram o caos em Luanda, deixaram 14 mortos e mais de oito mil pessoas desalojadas, segundo dados transmitidos esta noite pelo porta-voz do serviço de protecção civil e bombeiros. Faustino …

De Ronaldo a Félix. Seleção pode perder oito jogadores com a Superliga

Se a Superliga Europeia avançar, assim como as ameaças da UEFA, a seleção das quinas poderia ficar sem oito jogadores, tendo em conta a última convocatória para os jogos de qualificação para o ​​​​​​​Mundial 2022. A …