Uma tese de doutoramento levou Marcelo à capa do El País

José Sena Goulão / Lusa

A tese de doutoramento sobre Marcelo Rebelo de Sousa é de autoria de uma professora universitária e jornalista da RTP. O tema já chegou ao jornal espanhol El País.

O jornal percorre as provas de popularidade de Marcelo Rebelo de Sousa. Fala nos abraços que dá aos portugueses com que se vai cruzando nas viagens que vai fazendo pelo país, no contacto com sem-abrigo, no facto de ter deixado cair a ligação partidária e também na sua presença na política portuguesa e nos problemas que as suas declarações vão trazendo ao Governo.

O artigo é escrito devido à existência da tese de doutoramento da autoria da jornalista da RTP, Sandra Sá Couto, que é também professora na Faculdade de Letras da Universidade do Porto.

“O Presidente-Celebridade” dá nome à tese. “A minha primeira dificuldade foi justamente perceber se havia de categorizar Marcelo Rebelo de Sousa como político celebridade ou como celebridade política, e até ao final a dúvida manteve-se”, disse Sandra Sá Couto.

Ao jornal da instituição, o JPN, a académica contou, em entrevista, que há algo de novo em Marcelo Rebelo de Sousa – desde logo por ser chamado pelo primeiro nome: “Marcelo é alguém que se senta no passeio com um sem-abrigo a comer pão, mas é alguém a quem o povo português reconhece saber e credibilidade para governar”.

Sandra Sá Couto explicou que, ao tentar perceber quais as razões do encanto pelo Chefe de Estado, concluiu que se justifica não só com o impacto que gerou nos media, mas também com o “desencanto das pessoas com os partidos políticos tradicionais”.

“Afastar os políticos não é, apesar de tudo, fazer campanha contra eles. Marcelo Rebelo de Sousa não critica a classe política, simplesmente considera que a sua mensagem – enquanto candidato – é mais eficaz se não estiver formatada e comprometida com os partidos que o apoiam. Além de que é, também, naturalmente uma tentativa de chegar a eleitores que não são da sua área política”, disse a professora ao Observador.

Mas essa figura distinta do restante cenário político não limita à sua autoridade, comprova o El País. No artigo, é relatada uma cena que envolve Marcelo Rebelo de Sousa. Costuma jantar com os correspondentes estrangeiros em Portugal.

“No primeiro jantar, depois de quatro horas de conversa, um dos jornalistas começou a bater repetidamente com a colher na taça do café”, escreve o jornal. A mensagem foi percebida e a reunião acabou. No jantar seguinte, a associação dos jornalistas recebeu uma nota da presidência com uma sugestão: “que a colher não aparecesse no jantar”.

Marcelo Rebelo de Sousa foi eleito presidente da República em janeiro de 2016 com 52% dos votos. O mandato presidencial termina em 2021, mas o atual Presidente já admitiu que se poderá recandidatar.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Sandrinha a menina “doutoranda” por favor defenda a tese depressa. Caso contrário correrá o risco de se encontrar desactualizada (excepto nas premissas do estado da arte, se o júri não for exclusivamente composto por docentes compinchas
    Manuel

RESPONDER

"DeepNude". Inteligência Artificial "tirou a roupa" a mulheres nas redes sociais

A empresa de informação Sensity alertou que mais de 100 mil imagens foram carregadas para um canal de Telegram onde um bot "tirou a roupa" de mulheres. A empresa de segurança Sensity revelou recentemente que existe …

Poluição atmosférica "custa" a cada citadino europeu 1.276 euros por ano

A poluição atmosférica "custa" 1.276 euros por ano a cada cidadão europeu residente em cidades, de acordo com um estudo da Aliança Europeia de Saúde Pública (EPHA) divulgado esta quarta-feira. O estudo chegou ao valor médio …

"Emergência arqueológica". O degelo dos Alpes está a "libertar" artefactos escondidos há milhares de anos

As alterações climáticas podem estar a ajudar os arqueólogos a encontrar artefactos escondidos nos glaciares do Alpes há milhares de anos. O derretimento dos glaciares dos Alpes está a "liberta" objetos que permaneceram congelados no tempo …

Thermite RS3 é o primeiro robô de combate a incêndios dos EUA (e está pronto a entrar ao serviço)

O Corpo de Bombeiros de Los Angeles, nos Estados Unidos, deu as boas-vindas ao mais recente membro da equipa: um bombeiro robótico. O Thermite RS3 é um rover de controlo remoto capaz de bombear milhares de …

Inventor dinamarquês que matou jornalista no seu submarino escapou da prisão (mas já foi apanhado)

O inventor dinamarquês Peter Madsen, condenado a prisão perpétua por torturar e assassinar a jornalista sueca Kim Wall, fugiu da prisão esta terça-feira.  As autoridades dinamarquesas capturaram-no minutos depois. Peter Madsen, o dinamarquês condenado a prisão …

Molécula descoberta por menina de 14 anos pode levar a uma cura para a covid-19

A jovem norte-americana de 14 anos, Anika Chebrolu, descobriu uma molécula que pode levar a uma potencial cura para a covid-19. Enquanto cientistas dos quatro cantos do mundo trabalham no desenvolvimento de uma vacina para a …

Cerca de 1.300 reclusos fogem de prisão no Congo após ataque do Estado Islâmico

Cerca de 1.300 reclusos escaparam de uma prisão na República Democrática do Congo na manhã de terça-feira, após um ataque reivindicado pelo Estado Islâmico, informou a Organização das Nações Unidas (ONU). Embora as autoridades locais tenham …

Amesterdão vai usar flores para impedir que os ciclistas estacionem bicicletas nas pontes

A cidade conhecida pelo uso de bicicletas, vai agora tomar uma medida em relação ao estacionamento destas nas pontes. Tudo para proteger as vistas para os seus famosos canais. Amesterdão orgulha-se de ser uma das cidades …

Morreu voluntário envolvido no ensaio da vacina de Oxford. Tinha 28 anos e era médico recém-formado

As autoridades de saúde brasileiras divulgaram esta quarta-feira a morte de um voluntário dos testes da vacina contra a covid-19, desenvolvida pelo laboratório AstraZeneca e pela Universidade de Oxford. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), …

Milo, o "comunicador de ação" que permite conversar em grupo durante atividades ao ar livre

Chegou o Milo, o novo aparelho que vai revolucionar as aventuras em grupo. Este pequeno dispositivo permite-lhe conversar com o seu grupo à distancia sem precisar de levar o smartphone para o meio da montanha, …