Uma só teoria da conspiração sobre a covid-19 matou 800 pessoas. 60 ficaram totalmente cegas

Jean-Christophe Bott / EPA

Pelo menos 800 pessoas morreram e 60 ficaram cegas na sequência de uma teoria da conspiração sobre a covid-19, concluiu um novo estudo.

A investigação, cujos resultados foram esta semana publicados na revista científica American Journal of Tropical Medicine and Hygiene, analisou vários rumores e teorias da conspiração associados ao novo coronavírus.

A equipa de especialistas, que reuniu cientistas de instituições espalhadas por todo o mundo, identificou mais de 2.000 casos de desinformação perigosa difundidos através de redes sociais e outros sites em pelos menos 87 países.

A equipa analisou três tipos de desinformação sobre a covid-19: rumores, estigma e discriminação e teorias da conspiração encontrados online entre 31 de dezembro de 2019 e 5 de abril deste ano, conta o portal IFL Science.

Das três categorias analisadas, os rumores – que os cientistas entendem como qualquer afirmação sobre a covid-19 não certificada cientificamente – dominaram, representado cerca 89% dos 2.311 casos de informação detetados.

A categoria dos rumores incluía “curas milagrosas” para esta doença respiratória, como beber lixívia para atingir a imunidade, consumir fezes e urina de vaca ou também ingerir urina de camelo juntamente com cal como cura.

As teorias da conspiração foram definidas como declarações ou alegações relacionadas com a origem da doença e com objetos maliciosos – representam 7,8% dos casos do estudo.

Por fim, o estigma (3,5%) foi definido como “um fenómeno socialmente construído e através do qual uma pessoa é direta ou indiretamente rotulada pela sua doença, exposição histórico de viagens e descendência étnica, levando a mais ações negativas e situações de discriminação”, pode ler-se no relatório, citado pelo mesmo portal.

Teoria faz 800 mortos

De acordo com o estudo, uma das teorias que circula sustenta que beber álcool concentrado ajuda a combater o vírus e acabou por originar 800 vítimas mortais.

“Um mito popular de que o consumo de álcool altamente concentrado pode desinfetar o corpo e matar o vírus estava a circular em diferentes partes do mundo (…) Após essa desinformação, cerca de 800 pessoas morreram, enquanto 5.876 foram hospitalizadas e 60 desenvolveram cegueira completa após beber metanol como cura para o coronavírus”.

Este terá sido um dos casos mais graves gerado pela desinformação, mas o estudo dá conta de outros rumores e conspirações que, parecendo inofensivos, podem até aumentar o número de infeções por covid-19.

Uma destas situações, escrevem ainda os autores, ocorreu na Coreia do Sul no início de março depois de se espalhar o rumor de que enxaguar a boca com água salgada pode prevenir infeções. Uma igreja levou o boato a sério e atirou água salgada na boca dos seus fiéis. Mais de 100 pessoas ficaram infetadas, uma vez que a água contaminada estava a ser diretamente borrifada na boca das pessoas, escreveram ainda.

No entender dos especialistas, é necessário não só a intervenção dos Governos mas também das plataformas e redes sociais para combater a informação falsa.

“A desinformação alimentada por rumores, estigma e teorias da conspiração pode ter implicações potencialmente graves na saúde pública se priorizada relativamente às diretrizes científicas”, pode ler-se ainda no estudo.

Que remata: “Os Governos e outras agências devem entender os padrões de rumores, estigma e teorias de conspiração relacionados com a covid-19 que circulam pelo mundo para que possam desenvolver mensagens de comunicação de risco apropriadas”.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Caro Zap, quando em determinada altura se refere a água da sanita não se estará a referir a lixívia (água sanitária em português do Brasil)?

  2. Não sei quem será mais idiota: se quem sugere, se quem segue estes cretinos. Já dizia a minha mãe “se o outro se for deitar ao Tejo, tu também vais?”

RESPONDER

Encontrado o primeiro planeta que sobreviveu à morte da sua estrela

Uma equipa internacional de astrónomos relatou o que pode ser o primeiro planeta intacto encontrado a orbitar uma anã branca, as densas sobras de uma estrela semelhante ao Sol, apenas 40% maior do que Terra. O …

Os sinais de vida em Marte podem ter sido "apagados" por ácidos

Fluidos ácidos podem ter destruído há muito as evidências de vida biológica passada dentro da argila marciana - possivelmente explicando, assim, por que é tão difícil encontrar evidências de vida antiga no Planeta Vermelho. Em pouco …

Faca feita de fezes entre os vencedores deste ano dos prémios Ig Nobel

Uma faca feita com fezes congeladas e um jacaré a arrotar são alguns dos vencedores dos prémis Ig Nobel, que distinguem as invenções mais incomuns. Os prémios Ig Nobel – uma paródia dos prémios atribuídos pelas …

O hemisfério norte teve o verão mais quente de que há registo (e isso é um sinal de alerta para a Terra)

O hemisfério teve em 2020 o verão mais quente de que há registo. No geral, o Planeta Terra teve três dos meses mais quentes, e o mês de agosto foi o segundo mais quente que …

Há uma nova explicação para o naufrágio do Titanic: Uma fantástica Aurora Boreal

Todos conhecemos a história do Titanic. Também todos sabemos que o seu naufrágio aconteceu após o grande navio ter embatido num iceberg. Contudo, um investigador americano põe novas hipóteses em cima da mesa. E se …

Famalicão 1-5 Benfica | "Águia" faminta com nota artística

Após a desilusão de Salónica, que ditou um adeus precoce dos milhões da fase de grupos da Liga dos Campeões, o Benfica goleou na noite desta sexta-feira o Famalicão por 5-1, numa espécie de redenção. Neste …

O anonimato de Banksy teve um custo. Perdeu os direitos sobre uma das suas obras mais icónicas

O famoso artista de rua britânico Banksy perdeu uma longa batalha judicial pelos direitos autorais da obra "The Flower Thrower", contra a Full Colour Black, empresa que produz postais de felicitações. Banksy, o misterioso artista que, …

Reino Unido e Espanha aumentam restrições. Itália e Alemanha com quase dois mil casos

Madrid restringe movimentos de 850 mil pessoas, Itália regista um aumento dos casos de infeção nas últimas 24 horas, britânicos enfrentam novas restrições no país e Alemanha com dois mil novos casos de covid-19. A região …

Trump novamente acusado de assédio sexual. "Enfiou a língua na minha garganta", disse Amy Doris

O Presidente dos EUA, Donald Trump, foi acusado esta quinta-feira de agressão sexual por uma ex-modelo, num episódio que alegadamente terá ocorrido num torneio de ténis, em 1997. A ex-modelo Amy Dorris relatou ao jornal britânico …

Ventura pondera suspender mandato para se dedicar à campanha presidencial

O presidente do Chega afirmou hoje que o seu partido "está a analisar" no plano jurídico a questão da suspensão temporária do seu mandato de deputado para se dedicar às campanhas dos Açores e presidenciais. Em …