Taxistas em protesto aguardam debate na AR para tomarem decisões

José Coelho / Lusa

Os taxistas que se vão manifestar esta quarta-feira frente ao Parlamento, em Lisboa, aguardam as propostas dos partidos para tomarem decisões, afirma o presidente da Federação Portuguesa do Táxi, Carlos Ramos.

“Se os partidos políticos tiverem propostas a fazer estaremos disponíveis para avaliar e tomar, no momento, uma posição. Não vale a pena estarmos a precipitar decisões. Se as propostas que forem comunicadas ao sector — e não estamos à espera de posições totalmente favoráveis — mas se forem equilibradas tomaremos posições sobre o futuro”, afirmou à agência Lusa Carlos Ramos.

O dirigente da associação disse ainda que os taxistas têm expectativas sobre a “apresentação de propostas” parlamentares por parte do PSD, BE e Verdes.

“Quanto ao PS não sabemos nada. Vamos ficar à porta à espera do que os partidos venham a fazer”, sublinhou.

Os taxistas cumprem hoje o 8.º dia de protestos contra a lei que regulamenta as plataformas electrónicas de transporte. Marcaram uma manifestação à porta da Assembleia da República, onde estará o primeiro-ministro — é dia de debate quinzenal.

Os protestos desta quarta-feira realizam-se também no Porto, na Avenida dos Aliados, e em Faro, na Estrada Nacional 125, junto ao aeroporto, à semelhança dos últimos sete dias. Carlos Ramos acrescentou que espera a presença de entre “500 a 700 manifestantes” na concentração frente à Assembleia da República.

Em Lisboa, os taxistas vão deslocar-se “numa marcha, a pé” a partir da Praça dos Restauradores, a partir das 13h30, até ao Parlamento, onde se vão concentrar pelas 15h.

As associações representativas do sector do táxi reuniram-se na segunda-feira com um assessor do primeiro-ministro para a área económica, mas consideraram que o encontro foi “uma manobra de diversão“, já que não resultou “em nada”.

Os taxistas estão em protesto desde dia 19, com concentrações em Lisboa, Porto e Faro, contra a entrada em vigor, em 1 de Novembro, da lei que regula as quatro plataformas que operam em Portugal – Uber, Taxify, Cabify e, desde este mês, Chauffeur Privé.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

ESA prepara-se para intercetar pela primeira vez um cometa puro

A Agência Espacial Europeia (ESA) desenvolveu um projeto que visa intercetar um cometa puro - um corpo celeste que nunca passou pelo Sistema Solar -, quando este se aproximar da órbita da Terra em meados …

Astrónomos encontraram uma nova (e surpreendente) cratera em Marte

Marte não se "magoa" facilmente mas, quando acontece, o resultado pode ser quase comparado a uma obra de arte. Uma cratera, descoberta em abril pela sonda Mars Reconnaissance Orbiter (MRO), é a prova disso. Notável não só …

Elon Musk alerta: Civilização pode colapsar daqui a 30 anos

De acordo com Elon Musk, uma "bomba populacional" vai surgir nas próximas décadas, quando uma população mundial cada vez mais idosa chocar com a queda das taxas de natalidade em todo o mundo. Esta não é …

O mundo árabe está menos religioso. Mas continua homofóbico

Há cada vez mais árabes que dizem não ter religião. Esta é a principal conclusão de uma grande sondagem feita a mais de 25 mil cidadãos de países árabes pelo centro de pesquisa Arab Network …

Tina morreu durante 27 minutos e foi ressuscitada 8 vezes. Quando acordou, escreveu "é real"

Uma mulher norte-americana entrou em paragem cardíaca em fevereiro de 2018 quando se preparava para fazer uma caminhada com o seu marido Brian. Depois de desmaiar, Brian ressuscitando-a duas vezes antes de os paramédicos chegarem para …

"Homem-árvore" pede que as suas mãos sejam amputadas

Abul Bajandar, um homem de 28 anos do Bangladesh conhecido como "Homem-árvore" devido às incomuns verrugas que nascem nos seus membros, pediu que as suas mãos fossem amputadas para aliviar as dores insuportáveis.  Bajandar sofre de …

EUA. Senadores republicanos do Oregon fogem para não aprovar lei ambiental

Senadores estaduais do Oregon, nos Estados Unidos (EUA), encontram-se a monte desde quinta-feira para não votarem uma lei ambiental. Procurados pela polícia, voltaram este domingo a faltar a uma sessão legislativa, impedindo que haja quórum …

O planeta enfrenta um "apartheid climático"

O planeta está confrontado com um “'apartheid' climático”. De um lado, os ricos que se podem adaptar melhor às alterações climáticas, e do outro, os pobres que vão sofrer mais, disse esta segunda-feira um especialista …

Governo repõe 40 horas semanais para trabalhadores do CNB. Greve mantém-se

A partir de 1 de julho, os trabalhadores da Companhia Nacional de Bailado (CNB) voltarão às 40 horas semanais, numa uniformização laboral com os trabalhadores do Teatro Nacional de São Carlos. A decisão foi comunicada, esta …

Nova espécie de planta fóssil descoberta em Gondomar

Annularia noronhai foi encontrada no meio da cidade de Gondomar. Tem 300 milhões de anos, é um parente muito afastado da cavalinha e diz muito sobre o clima da época. Uma nova espécie de planta já …