TAP a financiar-se sozinha já em 2022. Renegociação dos acordos arranca até abril

O ministro das Finanças, João Leão, considerou que a TAP deve conseguir financiar-se nos mercados já no próximo ano, dependendo isso da velocidade da retoma e da relação com os atuais investidores.

“É importante que a empresa viva por si própria (…) para que o mais rápido possível, se possível a partir do próximo ano ou mais tarde, a empresa deixe de ter de ser financiada pelo Estado”, disse João Leão, em entrevista à Reuters, citada pelo ECO.

Mesmo que o plano de reestruturação seja aprovado pela Comissão Europeia, o objetivo é que a TAP volte a financiar-se nos mercados nos próximos anos, já com um plano de reestruturação em implementação que prevê, até 2024, a redução de 3.000 postos de trabalho e do número de aviões.

Esta hipótese não é excluída pelos analistas consultados pelo ECO, mas com reservas. Estes apontam a elevada liquidez e forte apetite por yield no mercado, que poderão beneficiar a companhia aérea, mas, por outro lado, isso só será possível consoante a recuperação da empresa e da própria economia, com as decisões de investidores condicionadas pelas circunstâncias do momento.

A TAP recebeu um primeiro empréstimo de 1,2 mil milhões de euros, em 2020. Vai precisar de uma injeção de mais cerca de 2 mil milhões de euros, que chegará em tranches assim que a Comissão Europeia o permita. É este valor que terá de ser devolvido, sendo expectativa do Governo que o pagamento arranque em 2025.

“O regresso ao mercado completamente independente vai depender muito da recuperação da atividade económica, das restrições e da execução do plano por parte da empresa. A TAP conseguir ir ao mercado no próximo ano e ter a confiança dos investidores poderá ser um prémio de execução do plano, sabendo de antemão que a confiança dos investidores tem memória”, referiu ao ECO uma fonte da banca de investimento.

Os analistas ouvidos pelo jornal veem como mais provável uma emissão de obrigações junto de investidores institucionais, mas não excluem a possibilidade de ser retomada a ideia de dispersão em bolsa, nomeadamente quando o Estado quiser abandonar ou reduzir a participação no capital da TAP.

Renegociação dos acordos da TAP arranca até abril

A TAP, a Portugália e a Cateringpor passaram a “situação económica difícil”. Por estarem confrontadas com “resultados de exploração fortemente deficitários” em 2020 face a 2019, “as companhias da TAP vão enfrentar dificuldades significativas nos próximos anos”, apontou o Governo na resolução recentemente publicada.

As medidas para combater o impacto do vírus – redução da capacidade, eliminação de rotas, renegociação de pagamentos, não renovação de contratos a tempo certo e a adoção de regimes de ‘lay-off’ simplificado e de apoio extraordinário à retoma progressiva – são insuficientes “para assegurar a recuperação destas empresas e satisfazer as suas necessidades de financiamento e tesouraria”, justificou o Governo.

As três empresas continuam sob situação de exceção durante o mesmo período que durará o plano de reestruturação, com João Leão, a Ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho, e o Ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos, são responsáveis pelo “planeamento metodológico, densificação, alteração ou prorrogação”, do alcance e do âmbito das medidas aplicáveis.

As medidas passam por uma redução de condições de trabalho e a não aplicação ou a suspensão das cláusulas dos acordos de empresa; a proibição de despedimento coletivo enquanto o Estado for acionista; a adoção da redução temporária do período normal de trabalho ou suspensão do contrato de trabalho por facto respeitante ao empregador; e a revisão dos instrumentos de regulamentação coletiva de trabalho.

Taísa Pagno Taísa Pagno //

PARTILHAR

RESPONDER

Infantas Cristina e Elena vacinaram-se em Abu Dhabi

As Infantas Elena e Cristina de Borbón foram vacinadas em Abu Dhabi, durante uma visita ao pai, o rei emérito Juan Carlos, que se refugiou no verão do ano passado. Segundo o The Guardian, a Família …

Rúben Amorim renova contrato com o Sporting até junho de 2024

O treinador Rúben Amorim prolongou por mais uma época o contrato com o Sporting, até 30 de junho de 2024, anunciou esta quinta-feira o clube. O treinador de 36 anos sucedeu em 5 de março de …

Estatísticas no futebol: "Os coletes até evitam lesões"

O presente e o futuro dos números, na perspetiva de Hernâni Ribeiro. Em Portugal ainda não há uma utilização massiva dos dados estatísticos no futebol. Daqui a 10 ou 15 anos, cada clube vai ter alguém …

Empresário brasileiro nega ter tido acesso ao avião apreendido com 500 quilos de cocaína

O empresário brasileiro Rowles Magalhães Silva negou ter tido acesso à chave do avião privado apreendido em Salvador, Brasil, com mais de 500 quilogramas de cocaína a bordo e que tinha como destino o aeródromo …

UE quer 78% da população empregada até 2030. 35% dos trabalhadores pretendem mudar de emprego no próximo ano

Um estudo publicado recentemente mostra que 35% dos trabalhadores pretendem mudar de emprego no próximo ano. A Comissão Europeia vai propor uma meta de ter 78% da população da União Europeia (UE) empregada até 2030. De …

Príncipe Filipe “melhorou ligeiramente”, mas já há protocolo em caso de óbito real

Numa altura em que está prestes a completar 100 anos de idade, o marido da Rainha Isabel II encontra-se internado desde 16 de Fevereiro. Esta semana o duque de Edimburgo foi transferido de hospital devido …

Pedrógão Grande. Associação de Vítimas diz que relatório confirma que nada mudou na floresta

O relatório da comissão eventual de inquérito parlamentar sobre Pedrógão Grande confirma as preocupações da Associação de Vítimas relativamente à falta de ação na floresta da região. “[O relatório] confirma a evidência que já tínhamos de …

Nova Zelândia atingida por sismo de 7,2 na escala de Richter

Um sismo de magnitude 7,2 na escala de Richter abalou, esta quinta-feira, a costa nordeste da Nova Zelândia. A proteção civil emitiu um alerta de tsunami, pedindo aos habitantes que se afastassem da costa, que …

Partido de extrema-direita alemão AfD colocado sob vigilância

A Alternativa para a Alemanha (AfD), partido de extrema-direita alemão, foi colocado sob vigilância a 25 de fevereiro pelo serviço de segurança interna do país, revelou na quarta-feira o Süddeutsche Zeitung. De acordo com o Expresso, …

Caso BES está parado há 8 meses (por causa de uma tradução para francês)

O caso BES está parado há oito meses. O atraso deve-se a uma tradução para francês das quatro mil páginas do processo, necessária para notificar três arguidos suíços. De acordo com o Jornal de Notícias, que …