Supremo rejeita libertação de investigadora que acusou juízes de corrupção

Maria de Lurdes Rodrigues / Facebook

Investigadora Maria de Lurdes Rodrigues foi condenada a prisão efectiva por acusar juízes de corrupção.

Investigadora Maria de Lurdes Rodrigues foi condenada a prisão efectiva por acusar juízes de corrupção.

O Supremo Tribunal de Justiça rejeitou o pedido de habeas corpus de Maria de Lurdes Rodrigues, a investigadora que está a cumprir pena de prisão por crimes de difamação e injúria contra magistrados.

Quatro deputados da Assembleia Legislativa da Madeira endereçaram ao Supremo Tribunal de Justiça (STJ) um pedido de libertação de Maria de Lurdes Lopes Rodrigues, que está a cumprir uma pena de três anos de prisão no Estabelecimento Prisional de Tires.

Mas o STJ indeferiu o pedido, considerando que “não se verifica a ilegalidade da prisão”, conforme cita o jornal Público.

O diário teve acesso à decisão do STJ, que data de 15 de Fevereiro passado, e que refere que os magistrados consideram que é “infundada” a solicitação de habeas corpus requerida pelos deputados da Madeira.

A deputada Raquel Coelho, que representa o Partido Trabalhista Português (PTP) no Parlamento madeirense e uma das subscritoras do pedido enviado ao STJ, refere ao Público que a prisão de Maria de Lurdes Rodrigues “viola a Constituição”.

Em Outubro passado, o deputado José Manuel Coelho, também do PTP, defendeu a investigadora empunhando um megafone, em pleno Parlamento da Madeira, o que levou à interrupção dos trabalhos.

Maria de Lurdes Rodrigues foi detida em Setembro de 2016, mas o processo remonta há mais de 20 anos, depois de ter sido preterida no processo de atribuição de uma bolsa de estudos.

Na altura, desafiou o então ministro da Cultura, Manuel Maria Carrilho, e fez declarações contra os magistrados que pegaram no seu caso, nos tribunais, insinuando práticas de corrupção.

Acabou por ser condenada a pena de prisão, sendo uma das poucas pessoas que está atrás das grades, em Portugal, por crimes de difamação e injúrias.

ZAP //

PARTILHAR

16 COMENTÁRIOS

  1. A drogadita agora e cientista?!

    Conclusao, se eu for um desocupado bloquista sem produzir nada para a sociedade, e a unica funcao for fumar umas ganzas e participar em manifestacoes sobre qualquer coisa, sou chamado de investigador/cientista!!!!!

  2. Olha! Olha!

    Mudaram o titulo!!
    Anteriormente era “SUPREMO REJEITA LIBERTAR CIENTISTA QUE ACUSOU JUÍZES DE CORRUPÇÃO”

    Enfim, o jornalista tb deve fumar umas ganzas.

    • Boa Maria!

      Sabe a quem é que iisso serve? A quem está aqui a julgar a liberdade de expressão de quem diz a verdade inconveniente sobre a nossa magistratura e sobre o nosso sistema de justiça podre!

      Eu ainda deixo cair o meu maxilar no chão, quando lei algumas coisas aqui. Temos uma das justiças mais lentas, vergonhosas e suspeitas da praça do mundo civilizado… Mas ainda há quem não hesite em estigmatizar quem meta o dedo na frida.

      Este país tem a gente que merece… Por isso é que me fui embora. Xau, ò Portugal dos pequeninos…

  3. Pois claro temos uma justiça de caca (para não dizer a palavra vernácula). Se fosdse um caso de ladroagem de bens públicos loco haveria uma porta gigentesca de saída. Tenho nojo da gentalha que está em lugares importantes de decisão

  4. Pois, a minha única experiência na presença de um juiz foi deprimente. Será difícil juntar numa mesma pessoa uma dose tão alta de arrogância e incompetência. Não digo que isso seja regra, mas certamente não será excepção…

  5. Não se brinca com a máfia da justiça, no Portugal dos pequeninos.

    Em Portugal não se vai preso por jogadas com submarinos, mas por dizer verdades sobre o mau funcionamento da justiça… É xilindró garantido!

    • KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
      KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
      KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK … notasse?
      Quando um cidadão não se pode exprimir, passo a não saber que tipo de Democracia temos.
      Todo o funcionário publico está sujeito ao escrutínio publico, ao fim e ao cabo são pagos com dinheiros dos contribuintes.

  6. Justiça?
    Onde estava a justiça quando roubaram o abono de família / as reformas /as habitações a quem ficou desempregado / o direito ao fundo de desemprego / as habitações que a porcaria lá da sociedade polis anda a destruir / os salários chorudos dados a gestores descabidos / às mortes que acontecem com frequência nas urgências dos hospitais / aos desvios de dinheiros como os 10.000.000.000 € desaparecidos nas barbas de mais uma instituição ( Finanças ) que se diz zelosa e reta / aos previcadores bancários / todos sabemos que Portugal está em 3º lugar como país mais corrupto a nível europeu.
    Que tem feito a justiça portuguesa em relação ao país estar no nível LIXO ?
    A palavra JUSTIÇA é uma palavra muito seria e existe pessoas bem pagas para a defender e não andar a enxovalhar os cidadãos com palestras de boa justiça e sentirem-se ofendidos quando seu dever era meter a mão na consciência e justificar os seus salários com coisas serias ( olhemos o caso do juiz… como aquele do caso de Angola ) todos eles tem barriga como todos nós.

  7. Eu conheço 2 juízes, 1 de Gondomar e outro da relação do Porto, que estão todas as metidos em bares de alterne e no casino de Espinho. Toda a gente sabe quem são. Já dizia a minha avó, as verdades doem mais que as mentiras. E só para finalizar, o meu nome é CAVALO.

RESPONDER

Acabou caça ao homem. Suspeito do atentado de Estrasburgo morto pela polícia

A polícia francesa matou na noite desta quinta-feira Chérif Chekatt, identificado como autor do atentado que deixou três mortos e 14 feridos terça-feira na cidade de Estrasburgo, no leste do país. O suspeito estava armado …

Excesso de peso responsável por quase 4% dos cancros no mundo

O excesso de peso é responsável por quase 4% dos cancros no mundo, com a prevalência a aumentar rapidamente na maioria dos países em todos os grupos populacionais, revelou a Sociedade Americana de Cancro (SAC). Políticas, …

Taylor Swift usou reconhecimento facial num concerto para detetar perseguidores

Taylor Swift usou um sistema de reconhecimento facial durante um concerto para evitar a proximidade da cantora com pessoas identificadas como seus perseguidores. Numa altura em que o reconhecimento facial é cada vez mais utilizado pelas …

Sporting vs Vorskla | Leão cumpre serviços máximos

O Sporting fechou a participação no Grupo E da Liga Europa com mais uma vitória, com 3 golos sem resposta, marcados na primeira parte. A formação leonina recebeu e venceu o Vorskla Poltava por 3-0, e …

Esta noite há chuva de estrelas

Olhe para o céu esta noite, terá um presente vindo do Espaço. A noite de hoje, quinta-feira, para amanhã, será a melhor altura para ver a chuva de meteoros das Gemínidas. A chuva de meteoros das …

Jornal finlandês está a dar as "notícias feias" do mundo em sweaters de Natal

A "ugly sweater" é já uma moda na época festiva. Mas um jornal finlandês decidiu mudar um pouco as coisas: pegou nas notícias mais feias do ano para conceber as mais feias camisolas de Natal. Helsingin …

Tribunal condena número três do Vaticano por abusos sexuais

O cardeal australiano George Pell, que dirige a secretaria da Economia do Vaticano, foi esta quinta-feira considerado culpado pela justiça australiana de abuso sexual a duas crianças por um tribunal em Melbourne. De acordo com as …

Padre russo exibia Gucci e Louis Vitton na Internet. Agora tem processo disciplinar

O padre russo Viacheslav Baskakov gostava de roupa e acessórios de luxo e não resistia em mostrá-los no Instagram. Agora, tem um processo disciplinar. Baskakov fazia questão de se exibir na rede social, ostentando os produtos …

Boris, o robô altamente avançado, era afinal um homem disfarçado

Num fórum dedicado à robótica, a estação televisiva Rússia 24 apresentou um robô humanóide altamente avançado. Mas Boris era apenas um disfarce. Tudo aconteceu na Rússia, num fórum de jovens dedicado à robótica. A estação televisiva …

Polícia francesa lança importante operação em Estrasburgo

Uma importante operação policial estava a decorrer esta quinta-feira à tarde no bairro de Neudorf, em Estrasburgo, onde foi perdido o rasto de Chérif Chekatt, autor do tiroteio num mercado de Natal na noite de …