Sudão. Morte de estudantes durante protesto leva ao encerramento de todas as escolas

Marwan Ali / EPA

Um dos manifestantes nos novos protestos em Cartum, Sudão, para exigir a transição para um governo civil

As atividades estão suspensas em todas as escolas sudanesas desde esta quarta-feira, e por tempo indeterminado, na sequência de protestos por causa da morte de estudantes durante uma manifestação no início da semana.

Cinco pessoas morreram na segunda-feira no estado do Cordofão do Norte, incluindo quatro estudantes, e dezenas ficaram feridas depois de franco-atiradores terem aberto fogo sobre um protesto devido à escassez de combustível e pão na capital estadual, El-Obeid, noticiou o Expresso na quarta-feira.

No dia seguinte, centenas de crianças, muitas com uniformes escolares e agitando bandeiras do Sudão, saíram para as ruas da capital do país, Cartum, e de outras cidades em protesto.

A junta militar, que governa o país desde a deposição do Presidente Omar al-Bashir, ordenou na terça-feira a suspensão das atividades nas escolas de todos os níveis de ensino. “Foram dadas ordens aos governadores de todos os estados para encerrarem creches, escolas primárias e liceus até novo aviso”, informou a agência Suna.

Os manifestantes responsabilizam os paramilitares das Forças de Apoio Rápido pelos disparos em El-Obeid. As autoridades declararam estado de emergência naquela localidade e decretaram recolher obrigatório.

Marwan Ali / EPA

Segundo o Expresso, a UNICEF pediu uma investigação às mortes, dizendo que “nenhuma criança deve ser enterrada no seu uniforme escolar”. A agência das Nações Unidas para a infância revelou ainda que os estudantes mortos tinham entre 15 e 17 anos.

O general Abdel Fattah al-Burhane, que lidera o conselho militar de transição, disse que “o que aconteceu em El-Obeid é triste”, acrescentando que “matar civis pacíficos é um crime inaceitável que necessita de responsabilização imediata”.

Diálogo interrompido entre manifestantes e generais

Os líderes dos protestos e os generais no poder deveriam retomar o diálogo na terça-feira depois da assinatura, há duas semanas, de um acordo de partilha de poder. No entanto, após os disparos fatais, o encontro foi cancelado. Na agenda estava a discussão de assuntos como os poderes do órgão de poder civil e militar, a atuação das forças de segurança e a imunidade dos generais relativamente à violência nos protestos.

No sábado, foram publicadas as conclusões de uma investigação militar à dispersão do protesto na capital sudanesa a 03 de junho. Segundo o relatório, nesse dia, foram mortas 17 pessoas e mais 87 em confrontos entre 03 e 10 de junho. Médicos ligados às manifestações rejeitam as conclusões e falam em 127 mortos e dezenas de feridos.

Os militares depuseram o autocrata Omar Al-Bashir em abril, após três décadas no poder e meses de protestos. Contudo, os manifestantes continuaram nas ruas, apelando a uma transição rápida para um Governo civil.

TP, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Índia regista mais de oito mil novos casos. Tem "uma longa batalha" pela frente

A Índia registou mais de oito mil novos casos de covid-19 num único dia, um novo recorde desde o início da pandemia no país, foi este domingo anunciado. O número de casos confirmados de covid-19 na …

Jovens bolivianos forçaram picada de viúva-negra. Queriam ser como o Homem-Aranha

Três irmãos bolivianos de 8, 10 e 12 anos acabaram hospitalizados depois de fazerem com que uma viúva negra os picasse para que ficassem com super-poderes como o Homem Aranha. "Pensando que a [picada] lhes …

Bloco exige retirada de norma "insultuosa" no apoio a recibos verdes

O Bloco de Esquerda (BE) exigiu este domingo ao Governo que retire do formulário de apoio para os trabalhadores independentes uma norma "insultuosa" que lhes exige o compromisso de retomarem a atividade no prazo de …

Espetada de porco 2.0. Novameat propõe carne impressa em 3D para o jantar

A Novameat, uma empresa espanhola de tecnologia alimentar, apresentou um novo produto: carne de porco à base de plantas impressa em 3D, a que batizaram de espetada de porco 2.0. A Novameat quer apoiar um sistema …

Uber acusada de exploração de trabalhadores em Itália

Um tribunal de Milão ordenou a nomeação de um administrador judicial para a Uber Itália durante um ano, após ter determinado que o serviço de entrega de refeições da empresa explorava os trabalhadores. De acordo com …

Pinto de Costa: "Se Rui Moreira tivesse avançado, não me candidatava"

Pinto da Costa revelou que não teria avançado para a recandidatura à presidência do FC Porto se o presidente da Câmara do Porto tivesse entrado na corrida. "Se o Rui Moreira se tivesse candidatado, embora …

"Ficamos chocados." Cientistas redescobrem abelha azul que pensavam estar extinta

Um tipo de abelha azul reapareceu recentemente na Florida, nos Estados Unidos, depois de ter sido vista pela última vez em 2016. Além de azul, a espécie é nova e extremamente rara. Os cientistas estavam convencidos …

Missão da Space X acoplou com sucesso. Astronautas da NASA já chegaram à EEI

A cápsula Dragon que transporta os astronautas da agência espacial norte-americana (NASA) já acoplou à Estação Espacial Internacional, após terem partido no primeiro voo privado rumo ao espaço, neste sábado. Foi às 15:17 (hora de Lisboa) …

Venezuela vai aliviar quarentena com método próprio

Nicolás Maduro anunciou que, a partir de segunda-feira, a Venezuela vai aplicar um modelo próprio de quarentena preventiva da covid-19, que combina cinco dias de flexibilização disciplinada com dez de confinamento obrigatório. “É o modelo cinco …

Uma escultura gigante de uma ave está a espalhar gargalhadas numa cidade da Austrália

Um escultor australiano aproveitou o tempo de quarentena devido à pandemia de covid-19 para construir uma kookaburra eletrónica com quase quatro metros de altura, que até faz os mesmos movimentos e barulhos que o famoso …