Stock da Cunha deixa Novo Banco no final de julho

Novo Banco

Eduardo Stock da Cunha, Presidente do Conselho de Administração do Novo Banco

Eduardo Stock da Cunha, Presidente do Conselho de Administração do Novo Banco

O Novo Banco anunciou esta quarta-feira que Eduardo Stock da Cunha e José João Guilherme renunciaram aos cargos de presidente e de vogal do Conselho de Administração, respetivamente, mantendo-se o primeiro em funções até final de julho.

Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários, o Novo Banco adiantou que “Eduardo Stock da Cunha permanecerá em funções até 31 de julho de 2016″ e José João Guilherme continuará “até 31 de agosto de 2016, exceto se entretanto forem designados novos membros pelo acionista, caso em que cessarão funções nessa data”.

O presidente do Novo Banco irá regressar ao Lloyds Bank.

A 14 de setembro de 2014, o Banco de Portugal anunciou que Eduardo Stock da Cunha tinha sido escolhido para suceder a Vítor Bento na liderança da instituição financeira, depois deste último ter pedido para deixar o cargo.

Além de Stock da Cunha, que o Banco de Portugal referia estar “mandatado para formar e liderar uma experiente equipa motivada para o projeto de desenvolvimento e criação de valor para o banco”, a equipa de gestão do banco de transição que resultou da cisão do Banco Espírito Santo, incluía ainda Jorge Freire Cardoso (administrador financeiro), Vítor Fernandes e José João Guilherme.

A entidade liderada por Carlos Costa destacou, na altura, que Eduardo Stock da Cunha tinha “uma longa experiência de sucesso no setor financeiro, tanto nacional como internacional”.

Stock da Cunha desempenhava, na altura, funções de diretor no Lloyds Banking Group, em Londres, depois de ter trabalhado 20 anos como administrador no Grupo Santander Totta e mais tarde no Sovereign Bank / Santander Bank, nos Estados Unidos.

No dia 3 de agosto de 2014, o Banco de Portugal tomou o controlo do BES, depois de o banco ter apresentado prejuízos semestrais de 3,6 mil milhões de euros, e anunciou a separação da instituição em duas entidades distintas.

No chamado banco mau, um veículo que mantém o nome BES, ficaram concentrados os ativos e passivos tóxicos do BES, assim como os acionistas.

No ‘banco bom’, o banco de transição que foi chamado de Novo Banco, ficaram os ativos e passivos considerados não problemáticos.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Par de patinadores no gelo mais medalhado de sempre anuncia fim da carreira

Os canadianos Tessa Virtue e Scott Moir, o par de patinadores no gelo mais medalhado da história do olimpismo, anunciaram esta quarta-feira o fim da carreira. “Olá a todos. Temos novidades para todos os que nos …

Elon Musk é o líder mais inspirador da tecnologia da atualidade

Elon Musk foi nomeado o líder mais inspirador no setor da tecnologia, de acordo com um estudo publicado pela Hired, uma plataforma para contratação de pessoal em 14 cidades em todo o mundo. O estudo, chamado …

De portas abertas para quem precisa. Frigoríficos solidários crescem em Paris

A Cantina do 18.º bairro parisiense foi o primeiro espaço deste projeto solidário, inaugurado há dois anos. Atualmente existem 38 restaurantes em França que acolhem os frigoríficos solidários. Em dois anos, o projeto dos frigoríficos solidários …

Imigrante do Bangladesh em Itália encontra e devolve carteira com 2 mil euros

Mossan Rasal, um bangladeshiano de 23 anos que vive em Roma, encontrou na rua uma carteira com dois mil euros, documentos de identificação, cartões de crédito, carta de condução. Em vez de retirar o dinheiro e …

Austrália conclui que China foi responsável por ciberataque ao parlamento

A agência de inteligência cibernética da Austrália (ASD) concluiu que a China foi a responsável por um ataque informático, no início deste ano, contra o parlamento nacional. Os serviços de inteligência australianos (Australian Signals Directorate) concluíram …

"A bola apenas bateu no peito". VAR admite erro no penálti do Portimonense-FC Porto

O vídeo-arbitro do encontro entre Portimonense e FC Porto, Vasco Santos, admitiu esta quarta-feira que não existiu razão para assinalar grande penalidade a favor do clube portista. "No momento em que o árbitro apita fiquei com …

Na Índia, usar cigarros eletrónicos já pode dar prisão

O Governo indiano anunciou esta quinta-feira a proibição de cigarros eletrónicos no país, de 1,3 mil milhões de pessoas, numa ação que pretende ser a favor da saúde e contra os vícios. "A decisão foi tomada …

Iñaki Urdangarín pode sair da prisão dois dias por semana

Detido na cadeia de Brieva, Ávila, há 15 meses, Iñaki Urdangarín, cunhado do rei de Espanha, soube esta terça-feira que poderá sair da prisão duas vezes por semana para fazer voluntariado numa instituição que ajuda …

Criança com anemia aplástica grave submetida a transplante inédito em Portugal

Um menino de quatro anos com anemia aplástica grave foi submetido a um transplante com células estaminais de sangue do próprio cordão umbilical, um tratamento inédito em Portugal realizado no Instituto Português de Oncologia (IPO) …

Renováveis baixaram fatura da luz em 2,4 mil milhões na última década

A produção de eletricidade a partir de fontes renováveis permitiu ao sistema elétrico português acumular uma poupança de 2,4 mil milhões de euros ao longo dos últimos 10 anos. Esta é a principal conclusão de um …