“Saudade” é a Palavra do Ano de 2020

Andrea Piacquadio / Pexels

sau·da·de |au| ou |a-u|
(latim solitas, -atis, solidão)
nome feminino
1 – sentimento de mágoa, nostalgia e incompletude, causado pela ausência, desaparecimento, distância ou privação de pessoas, épocas, lugares ou coisas a que se esteve afetiva e ditosamente ligado e que se desejaria voltar a ter presentes
2 – [também no plural] lembrança afetuosa de algo ou alguém ausente

Sem tradução possível para outros idiomas, “Saudade” foi eleita a Palavra do Ano de 2020. A escolha foi feita por pouco mais de 25% das cerca de 40 mil pessoas que participaram na votação online, anunciou esta segunda-feira a Porto Editora.

“Dos cerca de 40 mil internautas que participaram nesta votação, 26,8% escolheram [saudade], vocábulo tantas vezes associado à alma dos portugueses“, disse a Porto Editora, responsável pela iniciativa desde 2009.

A votação em “Saudade” superou as de “covid-19” e “pandemia”, que se juntaram ao pódio, segundo um comunicado enviado à agência Lusa.

“Covid-19” ficou em segundo lugar, não muito distante, com 24,4% e a palavra “pandemia” ficou em terceiro, com 17,03%.

Fora do pódio ficaram “confinamento”, que conquistou 16,23% dos votos online, seguida de “zaragatoa” (7%), “telescola” (2,58%), “discriminação” (1,85%), “infodemia” (1,59%), “digitalização” (1,33 %) e, em último lugar, “sem-abrigo” (1,16 %).

Esta foi a 12.ª edição da “Palavra do Ano”, iniciativa da Porto Editora que tem como principal objetivo sublinhar a riqueza lexical e o dinamismo criativo da língua portuguesa, através da análise de frequência e distribuição de uso das palavras e do relevo que elas alcançam, tanto nos meios de comunicação e redes sociais, como no registo de consultas online e mobile dos dicionários da Porto Editora

A lista de palavras, cuja votação online decorreu entre 1 e 31 de dezembro, foi construída com base “nas pesquisas efetuadas no Dicionário da Língua Portuguesa, em www.infopedia.pt, no trabalho permanente de observação e acompanhamento da realidade da língua portuguesa, levado a cabo pela Porto Editora”, e nas sugestões feitas através do site www.palavradoano.pt, explica o grupo editorial.

Na edição deste ano, segundo a Porto Editora, houve mais 10 mil votantes do que no ano passado. A votação em Portugal decorreu em simultâneo com as de Angola e Moçambique, promovidas pela Plural Editores, do Grupo Porto Editora, que divulgará mais tarde os respetivos resultados.

“Saudade”, escolhida em 2020, sucede a “violência [doméstica]” (2019) a “enfermeiro” (2018), “incêndios” (2017), “geringonça” (2016), “refugiado” (2015), “corrupção” (2014), “bombeiro” (2013), “entroikado” (2012), “austeridade” (2011), “vuvuzela” (2010) e “esmiuçar” (2009).

  Sofia Teixeira Santos, ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Sporting está no pódio dos melhores clubes de formação (com Benfica na iminência)

O Ajax é o clube com mais jogadores da sua formação a atuar nas 31 principais divisões europeias. O Sporting surge no terceiro posto, Benfica no oitavo e FC Porto no 16.º. O Observatório do Futebol …

Ministro alemão diz que "é legítimo" proteger fronteiras com muros

O ministro do Interior alemão, Horst Seehofer, considerou que "é legítimo" querer proteger as fronteiras, numa altura em que Estados europeus exigem a ajuda da UE para erguer muros que evitem a entrada de migrantes. A …

Pintor da corte tentou impedir Henrique VIII de casar com Ana de Cleves. O rei ignorou - e arrependeu-se

A aristocrata alemã Ana de Cleves foi a quarta das seis esposas de Henrique VIII, casando-se com o rei inglês a 6 de janeiro de 1540. Depois de mais um divórcio, e de estar dois anos …

Com guerra de palavras à esquerda, Costa recebe apoio de Marcelo. "É o ano com mais alterações"

Estalou o verniz entre Bloco de Esquerda e Governo, pelo que a última esperança para António Costa é a de que os comunistas reconsideram os sinais que têm vindo a dar num passado recente. Marcelo …

A diretora-geral da Saúde, Graça Freitas.

Graça Freitas não fecha a porta a novos confinamentos. "Está tudo em aberto"

Em entrevista ao Diário de Notícias, a diretora-geral da Saúde fez um balanço da pandemia no país. Além de falar sobre o que se pode esperar no inverno, Graça Freitas não afastou a hipótese de …

A extinção dos mamutes-lanosos não foi culpa dos humanos

Durante várias décadas, os cientistas acreditaram que os ancestrais dos atuais elefantes se extinguiram porque eram constantemente caçados pelos humanos. No entanto, a análise de ADN dos antigos campos de pasto dos mamutes-lanosos revela uma …

O candidato à liderança do Partido Social Democrata (PSD), Paulo Rangel, durante um encontro com militantes

Rio não "pica" Rangel. "O que me pica é a fraca governação do PS"

O primeiro objetivo de Paulo Rangel é vencer a Rui Rio e liderar o Partido Social Democrata. O segundo é vencer a António Costa e liderar o país. O comício que marcou o arranque da …

A ministra da Saúde, Marta Temido

Carreira de técnico auxiliar de saúde avança já em 2022 (como reivindicava o BE)

A ministra da Saúde, Marta Temido, anunciou este domingo que a carreira de técnico auxiliar de saúde vai avançar em 2022, numa antecipação reivindicada pelo Bloco de Esquerda. A criação da carreira de técnico auxiliar de …

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa

"Não houve proibição nenhuma" de cânticos no Dia do Exército, foi recomendação sanitária

O Presidente da República foi questionado sobre o incidente que levou a que, nas celebrações do Dia do Exército, o ministro da Defesa tenha sido vaiado e pedida a sua demissão por centenas de ex-paraquedistas. …

Até 2030, o plástico irá emitir mais gases de efeito de estufa do que o carvão

Um novo relatório mostra que, até 2030, os plásticos irão emitir mais gases de efeito de estufa do que o carvão, caso a indústria norte-americana mantenha os planos futuros. O aumento contínuo da produção de plástico …