Este ano não há São João nem Santo António. Festas populares canceladas em Lisboa e Porto

Iberian Proteus / Flickr

As Câmaras Municipais de Lisboa e do Porto resolveram cancelar as festividades de Santo António e de são João, respectivamente, por causa da pandemia de Covid-19. As marchas populares só voltam no próximo ano, com as autarquias a seguirem as recomendações da Direcção Geral de Saúde (DGS).

A Câmara Municipal de Lisboa anunciou que, “seguindo as recomendações da DGS para reforçar o confinamento e distanciamento social“, as marchas populares de Santo António, previstas para 12 de Junho, foram canceladas.

O tema “Amália Rodrigues” da edição deste ano vai, assim, transitar para a edição de 2021, “permitindo que todo o trabalho realizado (arcos, cenografia, figurinos), possa ser rentabilizado no próximo ano”, anunciou a autarquia. As candidaturas para 2020 serão automaticamente validadas para o próximo ano.

A edição de 2020 dos Casamentos de Santo António também foi cancelada.

“A elevada concentração de pessoas que marca os Arraiais Populares, vincando a força da sua tradição, é incompatível com a sua realização mesmo num cenário de achatamento da curva de contágio e da diminuição do número de infectados, razão pela qual a edição de 2020 dos Arraiais Populares está cancelada”, explica a autarquia de Lisboa.

Também as Câmaras Municipais do Porto e de Vila Nova de Gaia decidiram cancelar as festas de São João, “tendo em conta o potencial de risco para a saúde pública que este evento representa, ao reunir milhares de pessoas nas ruas da cidade”, como avança em comunicado a autarquia portuense.

“Uma medida que deixa os portuenses e todos os amantes desta grande festa certamente tristes mas que, nesta altura, se afigura a mais prudente, especialmente dada a incerteza de propagação do vírus e das suas consequências”, frisa ainda a autarquia do Porto.

A Câmara do Porto nota que as verbas relacionadas com as festividades de São João, nomeadamente os concertos, serão alocadas “ao esforço do município nas diversas acções de combate ao actual cenário de pandemia”.

A Câmara de Vila Nova de Gaia anunciou, entretanto, também a decisão de cancelar o São Pedro da Afurada, notando que “a actual pandemia Covid-19 está, infelizmente, para durar” e que é preciso “acautelar a vida das pessoas”.

Portugal já ultrapassou a marca dos 10 mil infectados, contando-se mais 20 mortes nas últimas 24 horas, num total de 266 óbitos.

  ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Pessoas a andar na rua em Viena, Áustria

Em caso de apagão geral, Áustria é o primeiro país europeu a ter um Plano B(lackout)

E se houvesse um apagão que afetasse todo o continente europeu? O cenário é o argumento que o Ministério da Defesa austríaco tem usado para enviar um aviso à população desde o início deste mês. A …

Só um terço das empresas em Portugal têm gestores com um curso superior

O estudo da Fundação Francisco Manuel dos Santos refere que este valor é negativo para o país já que a formação superior dos gestores está associada à produtividade e há maior probabilidade da empresa começar …

Governo avança com desconto de 10 cêntimos por litro nos combustíveis para as famílias

O Governo vai criar um desconto de dez cêntimos por litro nos combustíveis para todas as famílias, até 50 litros por mês. Uma medida que estará em vigor entre novembro deste ano e março do …

Inês Sousa Real, porta-voz do PAN

PAN já enviou memorando de entendimento ao Governo

O partido Pessoas–Animais–Natureza enviou ao Governo, esta sexta-feira, o memorando de entendimento com cerca de 60 propostas, no âmbito do Orçamento do Estado para 2022 (OE2022). "O PAN fez chegar ao Governo um memorando do qual …

Alterações ao Orçamento de 2021 custaram, afinal, muito mais do que o estimado pelo Governo

Apenas duas das 291 medidas adicionadas representaram um impacto anual de 88 milhões de euros, com o Governo a calcular, durante a especialidade, que a totalidade custaria 3,2 milhões de euros. As alterações feitas ao Orçamento …

Entre a pandemia e os preços da energia, Marcelo alerta que chumbo do OE criaria "mais um problema"

O Presidente da República reiterou, esta sexta-feira, que deseja evitar uma crise política criada por um eventual chumbo do Orçamento de Estado, porque "só juntaria um problema" à pandemia e à subida dos preços dos …

França dá a partir de dezembro "cheque-combustível" de 100 euros

França vai dar a partir de dezembro um “cheque-combustível” único de 100 euros a cerca de 36 milhões de condutores que ganham menos de 2.000 euros por mês devido à escalada dos preços do gasóleo …

Parlamento aprova extinção do SEF

A extinção do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) foi aprovada na Assembleia da República, esta sexta-feira, com os votos a favor do PS, BE e da deputada não-inscrita Joacine Katar Moreira. O texto final apresentado …

Mais oito mortes e 930 novos casos de covid-19. Incidência sobe

Portugal registou, esta sexta-feira, mais oito mortes e 930 casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 930 novos …

A ministra da Cultura, Graça Fonseca.

De "propaganda" a "manipulação populista". Tweets polémicos do Ministério da Cultura causam alvoroço nas redes sociais

O Ministério da Cultura, tutelado por Graça Fonseca, usou a conta oficial no Twitter para enaltecer os investimentos do Governo PS no setor, e foi mais longe, comparando-os aos do Governo PSD/CDS. Na terça-feira, foram publicados …