Pacheco Pereira diz que Santana o convidou para formar um partido contra o PSD

Mário Cruz / Lusa

O candidato à liderança do PSD, Pedro Santana Lopes

O antigo deputado e militante social-democrata Pacheco Pereira disse que Santana Lopes o convidou em 2011 para fundar um novo partido que disputasse eleições com o PSD.

Durante o programa Quadratura do Círculo, no qual José Pacheco Pereira é comentador, o antigo militante do PSD revelou que já quando “Passos Coelho era presidente do partido”, recebeu um telefonema de Pedro Santana Lopes para marcar um encontro.

Nesse encontro, o candidato à liderança do PSD disse “o seguinte – e isto não disse só a mim, disse a outras pessoas, portanto não vale a pena negar: que queria fazer um novo partido“.

A revelação foi feita na quinta-feira à noite, a dois dias das eleições no PSD disputadas por Pedro Santana Lopes e o antigo autarca do Porto, Rui Rio.

Na altura do encontro entre Pacheco Pereira e o ex-provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, Santana Lopes “estava muito indignado porque no PSD estava a haver uma transição de pessoas que o ‘enojava’ – e cito aqui as palavras – entre os apoiantes de Manuela Ferreira Leite e que agora estavam todos a ‘passar-se’ para Pedro Passos Coelho. E isso levava-o a considerar que o PSD estava morto, já não tinha salvação e queria fazer um novo partido – e não era um movimento, como agora diz em relação à tentativa anterior, era um novo partido”.

O antigo deputado conta que o objetivo seria o novo partido “disputar eleições com o PSD” e que ficou surpreendido quando, “poucas semanas depois, Santana Lopes já estava a fazer campanha por Passos Coelho”.

Pacheco Pereira acusa, por isso, Santana Lopes de ter atuado contra o PSD e afirma que aquele candidato não “pode dizer que nunca atuou contra o PSD, que nunca atuou contra Passos Coelho. Nada disso é rigorosamente verdade”.

Santana Lopes nega encontro

Segundo o Observador, o candidato ter-se-à defendido, negando, numa sessão com militantes em Aveiro, que alguma vez se tenha encontrado em 2011 com Pacheco Pereira num Hotel da Lapa para o convidar para integrar o movimento político que queria criar.

Santana Lopes foi ainda mais longe e garantiu que Pacheco Pereira mentiu ao dizer que Santana o convidou para o movimento político que queria criar à margem do PSD. “Vejam ao ponto que chega para tentar denegrir, denegrir, denegrir…”.

Pacheco Pereira falou expressamente na alegada criação de um partido político mas Santana Lopes fala sempre em movimento político. A divergência é simples de explicar: como o ex-provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa sempre negou que tenha desejado fundar um partido, apenas se refere a um “movimento político”.

ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Nunca enganaste ninguém com as tuas “trapalhadas”, Santana. Eis agora a tua trapalhada mór. Mesmo assim trapalhão uma vez, trapalhão toda a vida por isso dizes que não te encontraste com Pacheco Pereira e que ele está a mentir… Apesar de ele já ter dito que há mais testemunhas e que escusas de desmentir.

    Rui pode não ser o maior político do mundo mas certamente será melhor para o PSD, para o país e para uma política social de centro-direita, por oposição às ideias neo-liberais da ala pseudo-quéque do PSD. Um Santana que no currículo só tem tuneis do Marquês, Casinos e copos até às 4 da manhã nas reuniões. Um gajo que ainda tem a lata de dizer que é a continuidade de Passos Coelho, o homem que empobreceu o país, cortou salários e pensões, retirou isenção de medicamentos a deficientes, privatizou o erário público a preço de saldo e fez dos chineses donos da energia de Portugal. Mesmo até nisso Santana se contradiz pois… Afinal nem Passos Coelho ele apoia porque tentou fazer um partido contra ele.

    O que é que se pode esperar afinal de um borgas, arrogante que tem a mania de que pertence ao jetset enriquecido, podre de rico… E rico de podre?

    • ” continuidade de Passos Coelho, o homem que empobreceu o país, cortou salários e pensões, retirou isenção de medicamentos a deficientes, privatizou o erário público a preço de saldo” – e de repente magia, em poucos meses já está tudo okay. Pior que cego é quem não quer ver.

        • Se essa resposta for para mim não faz sentido nenhum porque eu estou a criticar o comentário do Miguel Queiroz que diz que Passos Coelho é que destruiu o país quando para mim foi o que safou. Socrates não fez mais nada se não destruir com a sua grande teoria que “investimentos” é que iam tornar o país rico.

  2. Meu caro Emanuel
    De facto o pior cego é o que não quer ver.
    Quem colocou o País na situação que relata foi o PS pela mão de Sócrates e seus compinchas.
    Estou à vontade porquanto nada me liga ao PPC ou ao partido dele.
    Mas, ele ou outro qualquer que tomasse as rédeas da governação teria que tomar medidas duras para que não entrasse o País em bancarrota.
    O aperto levado a efeito é que tem dado a possibilidade ao derrotado Costa de estar a fazer figura de salvador da pátria.

  3. quem acredita em pacheco pereira???? só os da laia dele….. de facto em portugal é o que nao faltam, servem se de todos os meios para atingir fins evidentes….
    pacheco pereira, tal como balsemao e outros que tais so fizeram mal ao psd…….santana lopes nao é a figura que muitos queriam,mas pelo menos nao faz parte do cla, que de dentro do partido o querem esvasiar e denegrir. nunca simpatizei com o modelo politico do psd muito menos com as suas figurinhas… mas que partido pode dizer que as nao tem ou teve? basta olhar para este n 2 de socrates !!!!!.. qualquer dia quando lhe convier e for melhor para ganhar votos, ja nem conhece os marxistas cunhalistas nem os marxistas radicais

Responder a bonco Cancelar resposta

GNR já passou 2200 coimas por falta de limpeza de terrenos. Mais de cem câmaras multadas

Mais de uma centena de câmaras municipais foram multadas por falta de limpeza de terrenos, sendo a ausência de tratamento nas margens das estradas e junto às linhas de distribuição elétrica a principal infração registada …

Presidente do Governo da Catalunha pede a Filipe VI que abdique

O presidente do governo regional da Catalunha, Quim Torra, pediu na terça-feira ao rei Filipe VI que abdique e solicitou ao presidente do parlamento que convoque uma sessão plenária extraordinária para estabelecer uma "posição comum" …

Virologista chinesa diz que novo coronavírus foi "criado em laboratório militar"

A virologista chinesa que fugiu para os Estados Unidos deu mais uma entrevista onde assegura que o novo coronavírus foi "criado num laboratório militar". Numa nova entrevista, citada pelo jornal online Observador, Li Meng-Yan, a virologista …

Ministério da Saúde abre 435 vagas para médicos de família

É o maior número de vagas dos últimos anos colocadas a concurso para a contratação de médicos especialistas em medicina geral e familiar para o SNS. De acordo com o jornal Público, o Ministério da Saúde …

MP brasileiro processa pastor por anunciar cura com feijões para a covid-19

O Ministério Público brasileiro pediu a abertura de um processo contra o pastor evangélico Valdemiro Santiago e a Igreja Mundial do Poder de Deus, que anunciaram a cura da covid-19 a partir do cultivo de …

Dívida do Estado à ADSE ascende a 200 milhões de euros

A dívida do Estado à ADSE, em 2019, ascendia a 198,2 milhões de euros, segundo o parecer do Conselho Geral e de Supervisão (CGS) ao relatório e contas do ano passado, publicado no site do …

Governo dos Açores violou Constituição ao impor quarentena obrigatória

O confinamento obrigatório de 14 dias que o governo regional dos Açores tem imposto a quem chega à região autónoma é inconstitucional, dizem os juízes do Tribunal Constitucional. As autoridades açorianas violaram a Constituição ao impor …

China caminha a passos largos para a normalidade. Gaming, cerveja e Ikea dão empurrão

A China não regista, desde 17 de maio, vítimas mortais causadas pelo novo coronavírus. No entanto, há dois surtos ativos que parecem não impedir a população de caminhar em direção à normalidade. À semelhança do resto …

No regresso ao Superior, o Ministério recomenda aulas presenciais, com máscara e ao sábado

No regresso do Ensino Superior, o Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior recomenda que voltem as aulas em regime presencial com uso obrigatório de máscara e algumas das quais lecionadas ao sábado. Num comunicado …

"A profissionalização é fundamental". Este ano já morreram quatro bombeiros, todos voluntários

Nos incêndios deste ano já morreram quatro bombeiros. O último ano tão mortífero foi 2013, em que sete bombeiros perderam a vida. Em comparação, nos incêndios de 2019, não se registaram vítimas mortais entre esses profissionais. Como …