Rui Rio admite que “poderá” ser alternativa a Passos Coelho

Ordem dos Contabilistas Certificados / Flickr

Rui Rio, ex-presidente da Câmara Municipal do Porto

Rui Rio, ex-presidente da Câmara Municipal do Porto

O ex-presidente da Câmara do Porto não exclui a possibilidade de se candidatar à liderança do PSD em 2018, se até lá “não aparecer uma alternativa credível”.

Em entrevista ao Diário de Notícias, Rui Rio falou abertamente sobre a situação atual do PSD, da liderança de Passos Coelho e da possibilidade de vir a ser o seu substituto.

O ex-presidente da Câmara do Porto diz que, caso “o partido não conseguir descolar” até 2018, é expectável que surja uma alternativa de mudança.

“Será sinal de falta de vitalidade interna se o PSD continuar com grandes dificuldades de aceitação junto das pessoas e se, mesmo assim, não aparecer uma alternativa credível a disputar a liderança”, declara.

Questionado sobre se poderá ser o próprio a assumir essa mudança, Rio não exclui essa possibilidade. “Poderá ser o Rui Rio? Poderá”, respondeu.

Porém, o antigo secretário-geral do PSD admite que pesam vários fatores na hora de tomar essa decisão.

“Perceber se os apoios que eu possa ter são convictos e se acreditam mesmo em mim. Se as outras alternativas são suficientemente credíveis e robustas para servirem o PSD e o país. Se há espaço para implementar o fundamental das minhas ideias e da minha maneira de ser, que como sabe tendem a ser um pouco disruptivas relativamente à política na sua forma mais tradicional. Se sinto condições para gerar uma dinâmica de mudança e de desenvolvimento em Portugal. E, até, se tenho os inimigos políticos corretos”, explicou.

O ex-autarca reconhece que, nas últimas eleições diretas, condicionou o facto de Passos Coelho ter “acabado de conseguir ser o mais votado em eleições nacionais muito recentes”, o facto de querer continuar e também porque tinha o apoio da maioria dos militantes do partido.

“Hoje, o quadro já não é bem o mesmo e no futuro logo se verá”, atirou Rio, acrescentando que tem sido pressionado “por militantes e por não militantes” para concorrer.

Ao jornal, Rio acrescenta ainda que o desfecho das autárquicas “não é decisivo” para uma vitória nas legislativas, mas que, com um mau resultado, a posição do atual líder dos sociais-democratas “não fica mais forte”.

ZAP

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Passo Coelho é, desde que deixou de governar, um lider a prazo numa altura em que ninguèm quer comandar “a caravana” que atravessa o deserto. Ao empurrar o PSD para uma direita neo-liberal e reacionária, ignorando por completo a matriz social democrata do partido originou aquilo que nunca se tinha visto em mais de 40 anos de democracia; a união da esquerda e a formação de um governo socialista apoiado na assembleia por partidos que por norma estavam fora do arco da governação.
    Se nas próximas eleições o PSD não tiver um bom resultado, muito rápidamente o Coelho vai ser “esfolado” e rápidamente esquecido pelo partido.

RESPONDER

Parar de comer quando se está cheio nem sempre é fácil (e há uma razão para isso)

Com alguns alimentos, parar de comer — mesmo quando se está cheio — nem sempre é fácil. Isto porque algumas destas comidas podem ter sido feitas de forma a que tal aconteça. Nenhum alimento é criado …

Há milhares de misteriosos buracos no fundo do mar da Califórnia

Surgiu um novo mistério perto da costa de Big Sur, na Califórnia, no fundo do Oceano Pacífico: há milhares de pequenos fragmentos redondos retirados dos sedimentos do fundo do mar.   A descoberta foi feita como parte …

NASA apresenta "mapa do tesouro" para encontrar água em Marte

Uma equipa de cientistas da NASA elaborou um mapa da água congelada que existe em Marte e que se acredita estar a apenas 2,5 centímetros abaixo da superfície do Planeta Vermelho - isto é, à …

Já se sabe como é que planetas florescem a partir de pequenos pedaços de poeira

Uma equipa de investigadores validou uma teoria que pode explicar como é que os planetas crescem a partir de pequenos pedaços de poeira interestelar. O crescimento de um pequeno pedaço de poeira até um planeta inteiro …

Rainha Isabel II está a procura de um gestor de redes sociais

A família real britânica está à procura de um gestor de redes sociais. O salário vai oscilar entre os 53 e 59 mil euros anuais por 37 horas semanais, de segunda a sexta-feira. A rainha Isabel II …

Cinco antepassados de crocodilos viveram há 150 milhões de anos na Lourinhã

Pelo menos cinco crocodilomorfos, antepassados dos crocodilos, viveram na região da Lourinhã há 150 milhões de anos, durante o período do Jurássico. Num artigo publicado na Zoological Journal of the Linnean Society, os paleontólogos Alexandre Guillaume, …

A radiação de Chernobyl está a deixar as vespas esfomeadas (e isso é má notícia)

A Zona de Exclusão de Chernobyl é a área em torno da cidade ucraniana de Pripyat, onde a Central Nuclear de Chernobyl entrou em colapso em 1986. Apesar de não haver humanos na região, e …

Beethoven deixou a 10.ª sinfonia inacabada (e a IA vai completá-la)

Um dos maiores dilemas da história da música é a obra inacabada de Ludwig van Beethoven (1770-1827), a "10ª sinfonia", com muitos músicos a esforçar-se para finalizá-la, utilizando alguns dos fragmentos disponíveis, mas sem sucesso. Desta …

Orcas bebé têm maior probabilidade de sobreviver se viverem com a avó

Crias de orca que vivam com a avó têm uma maior probabilidade de sobreviver quando comparadas às outras orcas. A experiência destas espécimes mais velhas é essencial para o grupo. Tal como nos humanos, as avós …

A "capital mundial das pessoas feias" mora na Itália

Piobbico, na Itália, é uma cidade medieval repleta de grandes edifícios de pedra cercados por florestas exuberantes. No entanto, a cidade é conhecida pela feiura dos seus habitantes. Esta cidade, com cerca de 2.000 habitantes, alberga …