“Romper” com os últimos 25 anos do CDS. Abel Matos Santos defende revogação da lei do aborto

Abel Matos Santos, candidato à liderança do CDS-PP, quer “romper com o caminho dos últimos 25 anos” do partido.

Abel Matos Santos, porta-voz da Tendência Esperança em Movimento (TEM), pretende que o CDS se afirme “claramente de direita” e quer conquistar o centro. Na moção que apresenta no congresso – e que garante levar a votos – o candidato à liderança sustenta que o partido deve defender a vida e a família como valores “fundamentais” e defende a revogação da legislação do aborto e do casamento entre pessoas do mesmo sexo.

Segundo o próprio, o próximo congresso do partido, em janeiro, terá de fazer uma “opção clara entre a continuidade e o futuro” e “romper com o caminho dos últimos 25 anos”, tornando o partido mais “transparente” e passando a “valorizar as bases”.

De acordo com o Público, Abel Matos Santos levará a votos a moção de estratégia global de que é primeiro subscritor, afastando qualquer desistência a favor de outro candidato, nomeadamente de Francisco Rodrigues dos Santos, líder da Juventude Popular (JP).

“Se há tempos equacionava entendimentos, hoje não penso o mesmo. Hoje só penso em afirmar a minha candidatura”, assegurou ao diário.

Na sua moção – intitulada Portugal tem esperança -, Matos Santos defende que o CDS deve ter o “combate à pobreza”, “aos impostos excessivos”, “à corrupção”, “ao aborto, eutanásia e à ideologia de género” como algumas das suas “principais linhas de ação”.

Matos Santos considera que o aborto precisa de ser combatido não tanto com “legislação punitiva dos seus agentes”, mas com a oferta de “alternativas que defendam vidas em causa”.

Desta forma, é proposta a revogação da interrupção voluntária da gravidez “fundada em mera vontade da gestante, exigindo-se sempre a existência de uma justa causa para o efeito” e a “revogação” da legislação que permite o casamento entre pessoas do mesmo sexo, assim como a “adoção fora da biparentalidade”.

Já o Estado deve ser “forte, regulador e protetor do bem comum”. Abel Matos Santos coloca a educação, a agenda contra a corrupção, a reforma do sistema político e o mar, o ordenamento do território, entre outros como temas estruturantes. Em relação ao acordo ortográfico é defendida a “desvinculação” de Portugal face ao tratado do Acordo de 1990.

Abel Matos Santos é um dos cinco candidatos à liderança do CDS, além de João Almeida, Filipe Lobo d’Ávila, Francisco Rodrigues dos Santos e de Carlos Meira.

ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Resumindo e concluindo, o Centro Democrático Social (CDS) continua com extrema dificuldade em apresentar propostas que resolvam os problemas dos cidadãos Portugueses e permitam o revigoramento da economia e o progresso da República.

    Para o Centro Democrático Social (CDS), a causa do mal no Mundo e em Portugal é a Lei do Aborto ou o casamento entre pessoas do mesmo sexo; isto demonstra claramente que esta corja para além de atentar contra a dignidade do Ser-Humano é também um perigoso inimigo da liberdade individual.

    • portanto colocar um fim à lei que permite o homicidio de um ser vivo na barriga de uma mulher para si é “atentar contra a dignidade do Ser-Humano”….entendi!

      já agora tb me poderá esclarecer pq razão uma mulher grávida que seja morta a pessoa culpada de tal acto é acusada e possivelmente condenada por duplo homicídio, mas para si e para outras alminhas, qd é a mulher a decidir matar esse ser vivo já não se trata de homicidio.

      enfim!

  2. 25?
    Parece-me que o partido dos advogados mafiosos quer é romper com os últimos 50-60 anos e voltar para o tempo em que o economista de Santa Comba decidia tudo e por todos!…
    Só mesmo estes abortos-falhados para estarem tão preocupados com o aborto, como se isso fosse o principal problema de Portugal…

  3. Senhor Abel Matos Santos, e revogando a lei do aborto ficam os problemas do País e dos portugueses, a economia começa a crescer. baixa o desemprego a impostos etc.etc.etc, assim se vê a preocupação que este político tem em relação a Portugal e aos portugueses.

  4. Senhor Abel Matos Santos, e revogando a lei do aborto ficam os problemas do País e dos portugueses resolvidos? A economia começa a crescer. baixa o desemprego a impostos etc.etc.etc, assim se vê a preocupação que este político tem em relação a Portugal e aos portugueses.

RESPONDER

Idosa de 93 anos recuperou de Covid-19 (e há 6 crianças em estado grave no Dona Estefânia)

Uma mulher de 93 anos que esteve internada em Lisboa, com Covid-19, recuperou da infecção ao cabo de 11 dias. Enquanto isso, há seis crianças com idades entre 4 meses e 17 anos que estão …

"Grande erro" da Europa é não usar máscaras, considera especialista chinês

George Gao, diretor dos Centros de Controlo e Proteção de Doenças da China (CDC), considera que o "grande erro" da Europa no combate à pandemia de covid-19 é o facto de as pessoas não usarem …

Obama critica de Trump. "Cada um de nós deve exigir mais dos nossos líderes"

O ex-Presidente norte-americano, Barack Obama, considerou esta terça-feira que o seu sucessor, Donald Trump, ignorou os avisos sobre os riscos de uma pandemia do novo coronavírus, e recordou o mesmo comportamento quanto às alterações climáticas, …

Covid-19. Hotel cinco estrelas na Austrália vai acolher sem-abrigo

A Austrália vai levar a cabo um projeto piloto que visa retirar das ruas alguns sem-abrigo e transferi-los para hotéis de luxo, protegendo-os assim do novo coronavírus oriundo da China (Covid-19).  O projeto, Hotels With Heart, …

Red Bull equacionou infeção voluntária dos seus pilotos

Um responsável da Red Bull admitiu que propôs aos pilotos da marca austríaca, que participa no Mundial de Fórmula 1, uma estratégia de infeção voluntária de covid-19, visando ficarem imunes no início da temporada. Helmut Marko …

TAP avança com lay-off para 90% dos trabalhadores (e reduz atividade para cinco voos semanais)

Numa mensagem enviada aos seus funcionários, a TAP revelou que vai mesmo avançar com um processo de 'lay-off' para 90% dos trabalhadores e com a redução do período normal de trabalho em 20% para os …

Estado vai devolver 3 mil milhões em reembolsos do IRS

O Estado vai devolver 3 mil milhões de euros aos contribuintes em reembolsos do IRS, cuja entrega arranca esta quarta-feira e se estende até 30 de junho. A informação foi avançada pelo ministro de Estado, …

Há quatro infetados no sistema prisional. Estão todos em isolamento domiciliário

O Ministério da Justiça revelou esta terça-feira que aumentou para quatro o número de infetados com covid-19 no sistema prisional e que estão todos em isolamento domiciliário segundo indicação da saúde pública. Em comunicado, o Ministério …

Sousa Cintra diz que Rafael Leão "não ficou no Sporting porque foi apertado"

Sousa Cintra, ex-líder da SAD do Sporting no tempo da Comissão de Gestão, lamenta a rescisão do jogador Rafael Leão, considerando que "ele não continuou porque foi apertado". O jovem jogador foi, recentemente, condenado a …

Portugal tem há cinco dias os mesmos 43 recuperados. DGS e especialistas explicam porquê

Portugal regista, desde o passado dia 27 de abril, os mesmos 43 recuperados da Covid-19, segundo os boletins epidemiológicos diários da Direção-Geral da Saúde. Questionado pela agência Lusa sobre a estagnação no número de altas hospitalares …