Nem que Bruxelas “mande 12 cartas”: Roma não muda orçamento

Angelo Carconi / EPA

Matteo Salvini

Matteo Salvini, líder da extrema-direita italiana e ministro do Interior, disse esta quarta-feira que o Governo de Roma vai manter o Orçamento do Estado para 2019 mesmo que a Comissão Europeia “mande 12 cartas”.

Numa decisão inédita, Bruxelas “chumbou” o orçamento italiano esta terça-feira, provocando de imediato críticas por parte do Governo de Roma. “De Bruxelas até podem mandar 12 cartas, os orçamentos não vão mudar”, disse Matteo Salvini, líder da extrema-direita italiana e ministro do Interior, à estação de rádio Rtl.

“Estamos aqui para melhorar a vida dos italianos, a mim parece-me um ataque com preconceitos. É um ataque à economia italiana porque alguém quer comprar as nossas ações a baixo custo”, acrescentou.

“Todos os orçamentos que passaram por Bruxelas nos últimos anos aumentaram a dívida italiana em 300.000 milhões de euros”, afirmou Salvini na mesma entrevista em que defendeu a estratégia do governo sobre o aumento dos gastos no setor público como forma de promover o crescimento.

A Itália elaborou objetivos para 2019 que preveem um défice de 2,4% do Produto Interno Bruto (PIB), uma dívida de 130% e um crescimento de 1,5%. Estes números preocupam a Comissão Europeia que considera que os números sobre o crescimento são demasiado otimistas o que pode provocar o “risco” de aumento do défice da dívida.

Salvini afirmou que “segundo as previsões de Bruxelas”, Itália vai crescer 0,9%, mas, de acordo com o ministro, o Governo italiano vai conseguir um crescimento maior. “Como se paga a dívida com um crescimento de 0,9%? Nós propomos uma receita diferente porque apostamos no crescimento de Itália”, sublinhou.

O braço de ferro

A Comissão Europeia deu um prazo de três semanas para Roma reformular o orçamento. No entanto, o Governo italiano respondeu a Bruxelas de imediato, rejeitando qualquer recuo. Mas o que está em causa? Itália arrisca uma multa, o que seria uma decisão inédita, avança o Diário de Notícias.

Desta forma, se Roma continuar a insistir num braço de ferro com Bruxelas – isto é, se apresentar o mesmo projeto de orçamento ou um semelhante que apresente um défice que a Comissão Europeia não aceite -, será aberto um procedimento por défice excessivo.

Caso não entre em acordo, o procedimento pode resultar numa multa de 3,4 mil milhões de euros, valor que equivale a 0,2% do Produto Interno Bruto (PIB) de Itália em 2017.

Esta seria uma decisão inédita, que muitos acreditam que poderá materializar-se.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. E por isso mesmo que os países são soberanos! Roma é a casa de um dos maiores impérios do mundo, está com problemas? sim como todo o mundo ocidental! Apenas alguns países conseguem por via do controlo da soberania transferir os problemas deles para os outros.
    Portugal tem sido governado por rastejantes!

RESPONDER

Arqueólogo encontra dezenas de sítios maia graças a um mapa online gratuito

Um arqueólogo norte-americano descobriu 27 sítios maias com 3.000 anos graças a um mapa online gratuito, escreve o jornal The New York Times. Takeshi Inomata, arqueólogo da Universidade do Arizona, nos Estado Unidos, utilizou um mapa …

39 pessoas encontradas mortas dentro de um camião no Reino Unido

Um camião foi encontrado, esta quarta-feira, em Essex, no Reino Unido, com 39 pessoas sem vida no seu interior. O condutor já foi detido. Segundo o The Guardian, as autoridades britânicas já iniciaram uma investigação, depois …

Hospital das Forças Armadas não operou um único doente do SNS

O Hospital das Forças Armadas (HFAR) ainda não apresentou qualquer candidatura para ser “convencionado pelo Serviço Nacional de Saúde”. No ano passado, os ministérios da Defesa e da Saúde assinaram um acordo para que o Hospital …

Chuvas torrenciais fazem um morto em Espanha e inundações em França

Em Espanha, uma pessoa morreu e pelo menos outras duas estão desaparecidas. No sul de França, a tempestade Dana também já causou várias inundações. Segundo o jornal La Vanguardia, as chuvas torrenciais registadas, esta madrugada, na …

Falta de condições para emergência médica obriga INEM a transferir helicóptero para Viseu

A falta de condições para operações de emergência médica no heliporto de Santa Comba Dão obrigou o Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) a transferir o seu helicóptero para o aeródromo de Viseu, foi anunciado …

Macacos "arrasaram" humanos num simples jogo de computador

Quando se trata de ganhar jogos e resolver quebra-cabeças, às vezes os macacos fazem-no de forma mais inteligente do que os humanos. Para além das suas incríveis capacidades físicas, os macacos também mostram uma incrível "flexibilidade …

Morreu Marieke Vervoort, a campeã paralímpica belga que recorreu à eutanásia

Morreu Marieke Vervoort, de 40 anos, que sofria de uma doença muscular degenerativa sem cura. Decidiu pôr termo à vida com recurso à morte assistida. A belga era campeã paralímpica com conquistas de medalhas de ouro …

China pode substituir chefe de governo de Hong Kong face aos recentes protestos

A China estará a equacionar substituir Carrie Lam, chefe do governo de Hong Kong, por um líder interino, na sequência dos protestos violentos que decorrem na cidade há cinco meses. De acordo com o Financial Times, …

Presidente do Chile anuncia pacote de medidas sociais para travar protestos

O Presidente chileno anunciou na terça-feira um pacote de medidas sociais para travar os protestos que duram há cinco dias e que já causaram 15 mortos, após o anúncio de um aumento nos preços do …

Duarte Lima enfrenta novo acórdão no caso relativo a abuso de confiança

O Tribunal Criminal de Lisboa profere esta quarta-feira uma nova decisão no processo em que Duarte Lima é suspeito de se apropriar da fortuna de Rosalina Ribeiro, companheira e secretária do milionário Tomé Feteira, assassinada …