Ricciardi vai testemunhar no DCIAP sobre Mexia, Pinho e Salgado

José Maria Ricciardi, antigo administrador do BES e da EDP, vai ser ouvido no Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP) a 25 de outubro, para depor sobre o processo que investiga suspeitas de corrupção envolvendo a EDP e o antigo ministro da Economia Manuel Pinho.

De acordo com os autos do processo, consultados pelo Expresso, Ricciardi será inquirido no DCIAP na manhã de 25 de outubro, apesar de os procuradores titulares deste processo, Carlos Casimiro e Hugo Neto, terem tentado agendar a inquirição para 15 de outubro.

O antigo administrador do Banco Espírito Santo (BES) e da EDP deverá ser chamado a prestar esclarecimentos sobre as relações que tinha com vários dos principais arguidos deste processo, incluindo o atual presidente executivo da EDP, António Mexia, o ex-presidente do BES Ricardo Salgado, e o antigo ministro Manuel Pinho.

O processo começou, no início de 2012, com uma averiguação preventiva à operação de privatização da EDP, a qual rendeu comissões de dez milhões de euros ao então BES Investimento (posteriormente vendido ao banco chinês Haitong), durante anos presidido por Ricciardi. O mesmo BES Investimento receberia ainda outros dois milhões de euros de comissão na privatização da Redes Energéticas Nacionais (REN).

Ricciardi é atualmente sócio da empresa de assessoria financeira Optimal Investments, juntamente com Jorge Tomé (antigo executivo do Banif e da Caixa Geral de Depósitos). De 2003 a 2015 esteve à frente do BES Investimento (continuando mais um ano depois de a entidade ser vendida ao Haitong). Ricciardi assessorou diversas operações financeiras envolvendo a EDP.

O gestor testemunhou em 2017 na Operação Marquês, tendo então afirmado que a escolha de Manuel Pinho para ministro da Economia (em 2005) de José Sócrates decorreu de uma indicação de Ricardo Salgado, tese que Sócrates viria a negar.

Ricciardi é uma de 10 testemunhas que os procuradores Carlos Casimiro e Hugo Neto vão inquirir durante este mês, de acordo com o Expresso.

A 9 de outubro será inquirida a presidente da Experimenta Design, Guta Moura Guedes (que tem um relacionamento com António Mexia). No dia seguinte será a vez de ir ao DCIAP Manuel Fernando Moniz Galvão Espírito Santo Silva, antigo presidente da Rioforte e primo de Ricciardi e de Ricardo Salgado.

A 11 de outubro os procuradores deverão inquirir Pedro Raposo (diretor de recursos humanos do Banco de Portugal) e Ana Marques Passos (antiga adjunta de Manuel Pinho no Ministério da Economia).

Os procuradores irão inquirir o antigo auditor interno da EDP Vítor Franco, o ex-sócio da Boston Consulting Group Alexandre Abreu, o atual diretor da mesma Boston Consulting Group, Miguel Abecassis, o antigo administrador da Fundação EDP Sérgio Figueiredo e a diretora de regulação da EDP, Joana Simões.

Os procuradores irão ainda ouvir Fernando Mourão, do BCP, mas só no final de dezembro.

Manuel Pinho é acusado de  seis crimes, sendo um de prevaricação, dois de corrupção passiva, dois de participação económica em negócio e um de branqueamento de capitais.

Os procuradores sustentam o seu processo na tese de que Manuel Pinho tomou decisões enquanto ministro que favoreceram os interesses económicos da EDP e do GES, vindo a obter vantagens de 4,56 milhões de euros.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Suíça 3 - 1 Turquia | Seferovic e Shaqiri “abrem o livro”

A Suíça venceu de forma categórica a Turquia por 3-1, afastou os turcos da prova e terminou o Grupo A no terceiro lugar, com quatro pontos, esperando agora pelo final da fase de grupos para …

Presidente eleito do Irão promete governo "revolucionário e anticorrupção"

O Presidente eleito do Irão, o clérigo ultraconservador Ebrahim Raissi, prometeu hoje formar um governo "trabalhador, revolucionário e anticorrupção", aludindo ao estrito cumprimento dos princípios do sistema teocrático do país. Num comunicado, Raissi apresentou-se como “um …

Na Coreia do Norte, um pacote de café pode chegar aos 80 euros

Residentes norte-coreanos dizem que uma pequena embalagem de chá preto ou um pacote de café podem chegar aos 60 e 80 euros, respetivamente. Esta semana, o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, reconheceu que o …

Mais de 2200 armas entregues à PSP em menos de quatro meses

Mais de 2200 armas de fogo, a maioria das quais espingardas, foram entregues de forma voluntária à PSP, entre 24 de Fevereiro e 15 de Junho, anunciou este domingo aquela força policial. Em comunicado, a PSP …

O Arco do Triunfo vai ser embrulhado em tecido azul e corda vermelha durante 16 dias

O projeto foi pensado por Christo Vladimirov Javacheff e Jeanne-Claude no início dos anos 60, mas nunca se realizou. Agora, o monumento será embrulhado em azul e vermelho entre 18 de setembro e 3 de …

Netanyahu irá deixar residência oficial do primeiro-ministro a 10 de julho

O ex-primeiro-ministro de Israel Benjamin Netanyahu irá deixar a residência oficial em Jerusalém a 10 de julho, depois de um acordo alcançado com o sucessor, Naftali Benet, que lhe dera um prazo de duas semanas …

Crónica ZAP - Linha de Fundo por Teófilo Fernando

Linha de Fundo: Venha o tubarão

Portugal desilude e complica o apuramento. Segue-se a França. Itália, Bélgica e Países Baixos nos oitavos-de-final. O Campeonato da Europa visto da Linha de Fundo. Na corda bamba Portugal – Alemanha (2-4) “A vida é como uma corda 
De …

Praga de milhões de ratos está a aterrorizar a Austrália

O fim da seca de três anos e dos consequentes incêndios florestais permitiu à Austrália respirar de alívio. Em contrapartida, criaram-se as condições perfeitas para a pior praga de ratos da última década. "As pessoas estão …

Banca com nova vaga de saída de trabalhadores e admite despedimentos

Os grandes bancos vão reduzir milhares de trabalhadores este ano, um processo que vem acontecendo desde a última crise mas que em 2021 deverá atingir um novo pico, tendo mesmo BCP e Santander Totta admitido …

Cuba está a criar o seu próprio smartphone (e conta com a ajuda da Huawei)

O Governo cubano está a trabalhar na produção de um novo smartphone, que terá um sistema operativo original e conta com a ajuda da empresa chinesa Huawei. De acordo com a revista Vice, o projeto é …