Cientistas garantem ter explicação para o Triângulo das Bermudas (e é simples)

(cv) Fox News

Ondas “selvagens” com 30 metros de altura, que duram apenas 10 minutos, poderão causar os desaparecimentos no Triângulo das Bermudas

Uma equipa de cientistas britânicos avançou com uma teoria – que garantem ser a derradeira – para os misteriosos desaparecimentos de navios e aviões na zona do Oceano Atlântico conhecida por Triângulo das Bermudas. A culpa pode ser de ondas traiçoeiras de mais de 30 metros.

Desde erros humanos a “bombas de ar” provocadas por nuvens hexagonais, são inúmeras as explicações para o mistério em torno do Triângulo das Bermudas, extensão de mar no Oceano Atlântico Norte, situada entre a Florida, as Bermudas e Porto Rico, e onde já desapareceram vários aviões e navios. Mas agora há mais uma teoria.

Cientistas da Universidade de Southampton, em Inglaterra, culpam as ondas traiçoeiras pelos misteriosos desaparecimentos.

Estão em causa ondas súbitas e enormes que podem medir até 30 metros de altura e que podem demorar durante apenas alguns minutos. Observadas pela primeira vez em 1997, estas ondas podem aparecer do nada, com extrema potência e força suficiente para afundar o maior dos navios.

Na investigação, os cientistas criaram um modelo do USS Cyclops, um navio de grande dimensão que desapareceu no Triângulo das Bermudas em 1918, com 300 pessoas a bordo. Depois, simularam em laboratório uma destas ondas traiçoeiras que rapidamente afundou o modelo do navio.

A demonstração parece confirmar que o cenário fictício se pode repetir na realidade no Triângulo das Bermudas, até porque a área tem condições propícias para a formação destas ondas traiçoeiras.

“Há tempestades para sul e norte que se juntam. E se houver outras adicionais da Florida, pode ser uma formação potencialmente fatal de ondas traiçoeiras“, explica  o oceanógrafo Simon Boxall, que esteve envolvido na investigação, à Fox News. O cientista salienta que são ondas “íngremes” que podem atingir “mais de 30 metros”.

O mistério do Triângulo das Bermudas poderá ter sido (outra vez) finalmente explicado. Mas nem todos os cientistas partilham do entusiasmo de Boxall. Aleksandr Zhigalin, da Academia das Ciências da Rússia, é um deles.

Segundo Zhigalin, a teoria das ondas de Boxall pode explicar o desaparecimento de navios, mas não dos inúmeros aviões que desapareceram no famigerado triângulo. “O Triângulo das Bermudas é um enigma da moda, há muito tempo por desvendar”, e talvez seja cedo para concluir que o mistério está resolvido, diz o cientista russo à Sputnik News.

Estima-se que, nos últimos 100 anos, o misterioso “Triângulo das Bermudas” tenha provocado a destruição de 75 aviões e afundado centenas de barcos e navios – provocando mais de mil mortes. Em média, 5 aviões continuam a desaparecer na região todos os anos.

ZAP //

PARTILHAR

12 COMENTÁRIOS

      • Pois não dá de facto explicação para o desaparecimento de nada que voe… Por exemplo. Já para não falar nas bússolas de barcos e instrumentos de vôo deixarem de funcionar, como é tão frequentemente relatado pelos próprios (que sobreviveram).

        A necessidade que algumas pessoas têm de um minuto de fama… Dá nestas afirmações de auto-importância das suas teorias.

        • Ora bem Miguel! Essas anomalias eletromagnéticas acontecem porque a zona das Bermudas se encontra numa linha ley, assim como o “triângulo do diabo” no Japão, localizado na mesma latitude. Não querem admitir o óbvio porque haveria muita coisa mais que iríamos descobrir e que não convém…
          Deixo a dica: existem 12 vórtices no planeta, sendo dois deles no Ártico e Antártida. Ivan P. Sanderson. Bill Becker e Bethe Hagens.

    • De certeza que são “ondas voadoras”!!! Cada um utiliza o “pinico” que quer…. Idiotas há muitos e cada vez mais…

    • Pela primeira vez estou de acordo com o Miguel Queiroz. Ou os aviões andam a voar muito baixo por essas paragens ou então esta teoria é manca! E até eu que não sou cientista de nada posso afirmar categoricamente isto.

  1. Conversa da treta, ondas de 30 metros acredito que afundem alguns e digo, alguns navios. Mas como explicam o desaparecimento de tantos aviões? Derradeira explicação? Derradeira bebedeira de alguns “técnicos” armados à franga…

  2. Isto só tem uma explicação possível:
    O ÁLCOOL É INIMIGO DA RACIONALIDADE.

    E os pseudocientistas… estavam alcoolizados.

Armazém flutuante. A China está a guardar petróleo no mar (e já se sabe porquê)

A China está a guardar uma quantidade épica de petróleo no mar. De acordo com a CNN, o país comprou tanto petróleo estrangeiro a preços baratos que formou um congestionamento maciço de navios-tanque no mar, …

Peregrinos em Meca proibidos de tocar ou beijar a Caaba por causa da covid-19

Os muçulmanos que vão participar na peregrinação a Meca não poderão tocar ou beijar a Caaba nem a "pedra negra", presentes na Grande Mesquita, local considerado como um dos mais sagrados pelo Islão, informaram as …

Países Baixos continuam a abater milhares de martas. 20 quintas afetadas pela pandemia

Esta segunda-feira, as autoridades holandesas abateram milhares de martas em mais duas fazendas onde foram detetados surtos de covid-19. Esta segunda-feira, as autoridades abateram milhares de martas em mais duas fazendas, sendo agora 20 as quintas …

Cientistas criam robô para fazer testes à covid-19 (e proteger os profissionais de saúde)

O Korea Institute of Machinery & Materials (KIMM) desenvolveu um novo robô de coleta remota de amostras que elimina o contacto direto entre os profissionais de saúde e os pacientes, potencialmente infetados com o novo …

"Não use desodorizante". A peculiar estratégia de Berlim para promover o uso de máscaras nos transportes públicos

"Não use desodorizante". Esta é a peculiar campanha adotada pela empresa que controla os transportes públicos em Berlim, na Alemanha, para promover o uso correto de máscaras, evitando assim novos casos de covid-19.  Tal como escreve …

Vírus pode ter estado adormecido antes de surgir na China, diz investigador de Oxford

O novo coronavírus pode ter estado adormecido algures no mundo antes de ter surgido na China, defendeu o investigador da Universidade de Oxford, Tom Jefferson, apontando para várias descobertas de amostras do vírus em Espanha, …

Federer sente falta de Wimbledon. "Deu-me tudo"

Roger Federer admitiu sentir a falta de Wimbledon, o torneio do "Grand Slam" que, se não tivesse sido cancelado devido à pandemia de covid-19, estaria a decorrer em Londres. O tenista suíço Roger Federer admitiu, esta …

Vanessa Guillen foi espancada até à morte. Jovem soldado tinha dito à mãe que era vítima de assédio

Vanessa Guillen foi vista pela última vez a 22 de abril, pouco tempo depois de confessar à mãe que estava a ser assediada por um sargento. O principal suspeito da morte da jovem suicidou-se e …

Presidente da Câmara do Funchal envia carta a Boris Johnson a defender a Madeira

O presidente da Câmara do Funchal escreveu uma carta a Boris Johnson, na qual realça "alguns argumentos fortes" a favor da Madeira como destino de férias para os cidadãos do Reino Unido. O presidente da Câmara …

Livros pró-democracia desapareceram das bibliotecas de Hong Kong

Livros escritos por importantes ativistas da democracia de Hong Kong começaram a desaparecer das bibliotecas da cidade, avança a agência noticiosa francesa AFP, citando registos online destes espaços. Os livros pró-democracia desapareceram das prateleiras da …